» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
944

Lenovo Vibe K6 Plus

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral
Introdução e unboxing

Começando pela embalagem do phablet, temos um visual colorido e despojado, sendo exibida uma imagem e o nome do dispositivo em sua parte frontal. Ao contrário do que foi encontrado na caixa do Vibe K6, temos aqui um material mais resistente, passando assim uma maior segurança quanto ao transporte do dispositivo.

Os acessórios são todos "amontoados" em um compartimento abaixo do smartphone, não havendo qualquer divisória para auxiliar na organização dos mesmos. O pacote de itens incluso pela Lenovo, entretanto, deve agradar.

Começando pelos fones de ouvido, temos algo de boa qualidade para um smartphone intermediário, sendo seu fio achatado para evitar que enrole e estando presentes um botão para controle de chamadas e microfone embutido. Os fones conseguem entregar bons níveis de graves e agudos bem definidos, porém não espere algo que vá agradar aos audiófilos de plantão.

O carregador de tomada conta com a conexão padrão de dois pinos e porta USB, tendo corrente de saída de 2A. Seu cabo USB-microUSB não é dos maiores, o que pode incomodar quem busca por mais liberdade ao manter o dispositivo carregando ou transferindo dados.

Temos ainda a ferramenta responsável por abrir a gaveta híbrida para uso de dois chips SIM ou um chip SIM e um cartão microSD para expansão de memória, além dos tradicionais manuais e termos legais que são obrigatórios.

Design e tela

O Vibe K6 Plus conta com visual frontal basicamente idêntico à sua versão menor, porém ao olharmos a parte traseira do aparelho as coisas mudam de figura. A Lenovo decidiu adotar a mesma tonalidade do restante da estrutura também na câmera do Vibe K6 Plus, criando assim um conjunto mais homogêneo. Vale destacar ainda a presença de botões capacitivo em seu painel frontal - que infelizmente não são retroiluminados - e do leitor de impressões digitais logo abaixo de sua câmera principal.

Em suas dimensões o Vibe K6 Plus possui 151 mm de altura por 76 mm de largura, não sendo assim tão grande para um modelo com tela de 5,5 polegadas. Ele tem ainda 8,4 mm de espessura e pesa 169 gramas, não sendo exatamente o aparelho mais leve ou fino que você irá encontrar mas não chegando a incomodar ao ser colocado no bolso ou manuseado por períodos mais longos.

Sua conexão P2 para fones de ouvido pode ser encontrada na lateral superior, enquanto na parte de baixo temos o microfone principal para chamadas, a porta microUSB e o alto-falante de mídia (que é apenas um apesar de termos duas grades). Na lateral esquerda fica a gaveta híbrida para os chips SIM e na direita temos os botões para controle de volume e energia. Temos ainda um pequeno LED para notificações ao lado da câmera frontal, que é usado apenas na cor branca.

O Vibe K6 Plus possui um display IPS LCD de 5,5 polegadas com resolução Full HD (1080 x 1920 pixels), contando assim com a densidade aproximada de 401 ppi. Em nossos testes o aparelho se saiu muito bem nos mais variados cenários, permitindo uma visualização de conteúdo confortável tanto em ambientes externos e ensolarados quanto em ambientes internos, fossem eles com iluminação artificial ou totalmente escuros.

O brilho máximo atingido em nossos testes com imagem branca sendo exibida foi de 453 lux, enquanto o brilho mínimo com a mesma imagem ficou em 6 lux. Por se tratar de uma tela IPS LCD, imagens pretas não desligam completamente os pixels, sendo exibido um plano de fundo com brilho ínfimo, mas que pode ser distinguido do display apagado de fato.

Com relação aos níveis de contraste e saturação, é possível configurar manualmente para algo mais intenso ou mais natural caso desejado, sendo entregue por padrão a configuração onde as imagens são mais saturadas, o que pode desagradar alguns usuários.

Hardware, desempenho e jogos

O phablet da Lenovo traz um bom conjunto de especificações intermediárias, incluindo um chipset Snapdragon 430 com oito núcleos a 1,4 GHz, GPU Adreno 505, 3GB de RAM e 32GB de espaço para o armazenamento interno, que pode ser expandido via microSD de até 128 GB caso você não faça questão de um segundo chip SIM.

Nos sensores, temos um conjunto completo, com acelerômetro, giroscópio, bússola, proximidade e luminosidade, além é claro do leitor de impressões digitais em sua parte traseira. Ele possui ainda Wi-Fi 802.11 b/g/n, Bluetooth 4.2 com LE/A2DP e GPS/A-GPS para localização.

Pelo que foi possível percebermos, isto é mais do que suficiente para lidar com a tela Full HD de 5,5 polegadas do aparelho, conseguindo prover um desempenho satisfatório tanto em tarefas diárias e multitasking quando na execução de jogos, incluindo aí títulos mais pesados.

Obviamente que você não terá a mesma velocidade ou fluidez de um flagship, porém temos aqui algo superior ao que é encontrado por exemplo no Moto G4 Plus ou no Galaxy J7 Metal, mesmo com esse segundo possuindo uma tela HD.

No teste prático aqui do TudoCelular, o Vibe K6 Plus conseguiu finalizar a primeira etapa com a boa marca de 2 minuto e 16 segundos, precisando de apenas outros 29 segundos para concluir a segunda volta, e totalizando assim 2 minuto e 45 segundos. Vale um adendo aqui que realizamos o teste algumas outras vezes após atualizações nos aplicativos e no próprio sistema, ficando seu tempo médio total geralmente na casa dos 2 minutos e 30 segundos.

Com relação aos testes de benchmark, tivemos:

  • AnTuTu: 43.947
  • GeekBench: 637/2.031
  • GeekBench GPU: 1.660
  • 3D Mark: 292 (Sling Shot Extreme)
  • GFX Bench:
    • Manhattan: 6,9/7,1 fps
    • T-Rex: 15/16 fps

No desempenho prático em jogos, tivemos uma surpresa. Como sempre, instalamos e configuramos normalmente o Game Bench, nosso fiel companheiro na medição do fps em jogos, porém a ferramenta simplesmente se recusou a ser executada em conjunto com quaisquer dos títulos que tentássemos.

Devido a isto, partimos para o plano B, que no caso é o FPS Meter, outra prática ferramenta para medição de fps que já precisamos utilizar em casos extremos anteriormente.

Após instalado e devidamente configurado o aplicativo, partimos para a execução do Modern Combat 5, e tudo ia bem até que o Vibe K6 Plus simplesmente reiniciou no meio do jogo. Fizemos o teste outras quatro vezes, e em todas após determinado momento o aparelho era subitamente desligado, tornando impossível a tarefa de sequer finalizar sua primeira fase.

Para tirar tudo a limpo, resolvemos testar o Modern Combat 5 sem que o FPS Meter fosse rodado em simultâneo, e para nossa surpresa tudo correu sem qualquer tipo de problema, o que indica que algum tipo de incompatibilidade entre ambos exclusivamente nesse aparelho fez com que ele reiniciasse.

Seguimos então com o teste com nossos outros dois títulos, Asphalt 8 e Subway Surfers, e ambos rodaram sem problemas em conjunto com o FPS Meter. Ainda que esta ferramenta não gere um relatório de uso como o Game Bench, foi possível perceber que o jogo de corrida apresentou uma taxa média próxima dos 27 fps, enquanto o Subway Surfers ficou com 59 fps na maior parte do tempo.

Sobre o software, temos de fábrica o Android 6.0.1 Marshmallow, que ao contrário do que vinha acontecendo em modelos anteriores não conta com uma versão extremamente customizada. Ao invés disso, a Lenovo adotou algo mais próximo ao que temos na versão pura da plataforma, implementando apenas algumas funcionalidades úteis de customização e atalhos, além do equalizador para seu sistema de áudio Dolby Atmos.

Câmera

O Vibe K6 Plus conta com um conjunto de câmeras bastante satisfatório, pecando apenas pela ausência de um sistema óptico de estabilização e pela abertura que poderia ser ligeiramente maior para um melhor resultado em ambientes noturnos, demandando assim um cuidado maior na hora de registrar suas imagens nesta situação, principalmente em casos mais movimentados.

O aplicativo de câmera adotado pela Lenovo é o mesmo lançado há algum tempo com o Vibe Shot, incluindo modos de uso que devem agradar desde fotógrafos inexperientes até os mais avançados. O grande destaque aqui fica por conta do modo profissional que lembra bastante o clássico app Lumia Câmera lançado pela Nokia ainda em 2013, sendo encontrado exatamente o mesmo padrão de comandos para configuração da câmera.

O sensor principal possui 16 megapixels. Sua abertura não foi informada, mas pelo que foi possível notar em nossos testes temos provavelmente o padrão f/2.0 usado em tantos outros intermediários. Enquanto isso, sua câmera frontal possui 8 megapixels, não ostentando as lentes com o maior campo de visão disponível no mercado mas sendo capaz de registrar imagens muito boas.

Em ambientes com índices de contraste muito acima da média, como fotos contra o sol ou quando existem pontos de sombras em grandes áreas ensolaradas, o HDR é de grande ajuda, pois caso contrário você terá que escolher por conta própria qual dos pontos irá priorizar, tornar o outro lado praticamente indistinguível.

Com relação aos vídeos, tanto o sensor principal quanto o frontal gravam em Full HD a 30 fps, apresentando uma estabilização que certamente poderia ser melhorada mas não deixando tanto a desejar em termos de qualidade geral. Vale notar que o áudio passou por duras críticas em vários portais, porém recentemente a Lenovo entregou uma atualização de firmware ao aparelho que melhorou bastante este setor.

Bateria

O Vibe K6 Plus chega como uma alternativa para quem não se entusiasmou muito com o ZenFone 3 Max de 5,5 polegadas, contando com basicamente o mesmo conjunto de especificações e até uma bateria com os mesmos 4.000 mAh, porém com a interface da Lenovo que conta com uma aceitação bem maior devido ao seu visual mais próximo do Android puro.

O aparelho pode ser utilizado em um padrão de uso mais moderado sem quaisquer problemas durante todo o dia, principalmente se você não for do tipo que joga muito. Caso deseje algo mais extremo, entretanto, contar com uma tomada por perto pode acabar sendo necessário ao menos no início da noite. O ponto positivo é que ele não demora tanto para ser carregado, mesmo seu carregador contando com somente 2A de saída.

No teste prático realizado aqui pelo TudoCelular.com, o Vibe K6 Plus conseguiu se manter por pouco mais de 17 horas, marcando algo próximo das 8 horas e 45 minutos de tela ativa no período. De maneira resumida, foi possível alcançarmos os seguintes resultados:

  • O carregador padrão de 2A demora 2 horas e 46 minutos para encher totalmente a bateria.
  • Após uma hora conectado à tomada o aparelho é recarregado cerca de 36%.
  • Foram necessárias aproximadamente 17 horas e 11 minutos para fazer a bateria do aparelho atingir um nível crítico, com o brilho da tela em 200 lux durante todo o tempo.
  • A tela permaneceu ligada por 08 horas e 45 minutos no período.
  • Neste período foram feitas ligações que totalizaram 44 minutos.
  • Realizamos 11 ciclos de testes que incluíram:
    • 66 minutos de navegação no Chrome;
    • 330 minutos de WhatsApp, Spotify, PowerAmp, MX Player e YouTube (66 minutos cada);
    • 66 minutos de jogos, 11 minutos cada: Pokémon Go, Subway Surfers, Modern Combat 5, Asphalt 8, Candy Crush e Injustice;
    • 66 minutos de Facebook, Gmail e Google Maps (22 minutos cada);
    • 44 minutos de chamadas de voz via 3G;
  • Temperatura da bateria ficou entre 26 e 36°C.
Pontos fortes e fracos

Pontos fortes

  • Design elegante e resistente;
  • Bom desempenho para as mais variadas tarefas;
  • Tela de boa qualidade;
  • Leitor de impressões digitais prático e rápido;
  • Bom conjunto de câmeras;
  • Bateria de boa duração.

Pontos fracos

  • Falta de estabilização óptica para a câmera;
  • Sistema de áudio é bom, mas nada que mereça o destaque.dado pela Lenovo;
  • Botões capacitivos sem retroiluminação;
  • Slot híbrido obriga usuário a escolher entre dois chips SIM ou expansão de armazenamento.
Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

Está entre os modelos com melhor custo-benefício no mercado de phablets intermediários brasileiro, disputando sem medo com modelos como ZenFone 3 Max e Galaxy J7 Metal.

Embalagem e características

Embalagem resistente e com design despojado, porém peca na organização dos acessórios. Acessórios entregues de fábrica são interessantes, com exceção ao cabo USB mais curto que o normal.

Comodidade

Dispositivo conta com boa pegada e pode ser usado facilmente por pessoas que não tenham mãos tão pequenas. Grande ponto negativo é a falta de iluminação nos botões capacitivos, porém a Lenovo

Facilidade de uso

Interface da Lenovo para o Android 6.0.1 Marshmallow é mais completa e intuitiva do que a versão pura da plataforma, porém ainda peca em vários pontos, incluindo alguns bugs nos menus.

Multimídia

A nota até poderia ser maior, não fosse todo o marketing feito em cima do sistema Dolby Atmos de som. A tela é ótima para reprodução de conteúdo, porém esperava-se mais do alto-falante (que devia ser estéreo).

Votação Geral

Certamente possui mais pontos positivos que negativos, sendo uma ótima opção para quem quer um aparelho de tela grande com boa autonomia e desempenho, mas não pode ou quer gastar muito.

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Lenovo Vibe K6 Plus