LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Análise: Samsung Gear S3 | Review do TudoCelular

16 de fevereiro de 2017 74

Os smartwatches podem não ter conquistado uma grande parcela do mercado brasileiro, mas ganharam um público fiel. Pensando neles, a Samsung trouxe ao Brasil o Gear S3, da terceira geração de seus relógios inteligentes que rodam com o Tizen, software proprietário da companhia.

Diferente do antecessor, o Gear S3 traz um design mais arrojado e com a tela maior, focando, principalmente, no público masculino. São dois modelos: o Classic, que tem pulseira de coro e formato mais tradicional; e o Frontier, com pulseira de borracha e aparência mais esportiva.

A Samsung nos enviou o segundo modelo para experimentar. Ambos possuem as mesmas funcionalidades, e a empresa também manteve o Gear S2 no mercado para o público que prefere um relógio menor e mais discreto, atualizando seu software para deixá-lo mais parecido com o sucessor em matéria de recursos.

Design

O Gear S3 Frontier tem pulseira de borracha e corpo de aço. Para quem quiser trocar a pulseira por questão estética ou por necessidade, é só ir a qualquer relojoaria comprar uma nova, pois ela tem tamanho padrão.

O visor é bastante resistente, sendo que eu bati com ele algumas vezes em quinas e móveis, sem que ele sofresse nenhum arranhão. A tela é touch, e às vezes é até mais fácil controlar o dispositivo por ela do que pela borda giratória ou pelos botões na lateral direita, que são o Voltar, em cima, e o início, Embaixo. Este segundo também liga e desliga o dispositivo.

O smartwatch ainda possui certificação IP 68, ou seja, é resistente à água e à poeira. No entanto, não é recomendável nadar ou mergulhar com o relógio, já que a proteção contra água não funciona muito bem com o movimento.

Experiência de uso

Achei o relógio um pouco pesado, mas é parte da proposta de um produto para quem gosta de praticar trilhas ou outros esportes. Apesar disso, não é tão difícil se acostumar com o smartwatch, exceto pela borda giratória.

Ela possui um sistema um pouco confuso, ao menos pelo que eu senti. Ao girar para um lado, você acessa os widgets pré-instalados, que são totalmente personalizáveis – dentro das opções existentes. Girando para o outro lado, você acessa as notificações.

Não parece tão difícil, mas não foram poucas as vezes em que girei para um lado buscando notificações e acabei topando com o widget de clima. Não consegui me habituar muito bem com o lado para o qual deveria girar.

Para evitar essa confusão, é possível acessar os widgets deslizando para a esquerda, e as notificações deslizando para a direita, usando a tela touch como aliada.

Recursos

O Gear S3 oferece uma variedade bem grande de estilos para a tela inicial. Você pode ficar com um relógio mais tradicional, com ponteiros, ou um relógio digital com informações extras – uma das minhas escolhas.

Essa aparência pode ser gerenciada tanto pelo próprio relógio como pelo smartphone. Muitas possuem personalizações, permitindo a troca de cores e detalhes a serem exibidos na tela.

O relógio ainda pode levar as notificações do celular para o pulso, e até mesmo fazer e atender ligações. Tem alguns outros widgets e apps disponíveis para baixar, mas não dei tanta atenção a eles, optando pela experiência do relógio como vem de fábrica, por assim dizer.

Para responder mensagens, uma tortura. Ou você usa um teclado horroroso, que achei ainda mais confuso que o T9, ou você dita a mensagem para o dispositivo. Essa segunda opção é razoável, mas é preciso falar bem devagar para ser compreendido.

O relógio ainda oferece alarme, lembretes e informações sobre o clima. Nada muito além do que já temos na palma da mão, mas algumas pessoas podem preferir ter no pulso.

Também tem contagem de passos, acompanhamento da frequência cardíaca, calorias gastas e até a reprodução de músicas para ouvir durante uma caminhada ou corrida na rua. Além de um acompanhamento do sono, que achei um tanto impreciso, não conseguindo registrar as sete a oito horas dormidas em uma noite.

Bateria

A promessa da Samsung é de até quatro dias longe do carregador. De fato, com 100%, é possível utilizar o dispositivo sem problemas por esse período, mesmo com uso moderado a intenso. Adicionalmente, a companhia garante que o relógio aguenta até 10 horas com 5% no modo de economia extrema.

O carregamento é muito simples, e sem fio. O dock pode ficar ligado na tomada direto, pois só puxa eletricidade quando detecta o relógio em repouso. Ao conectar o smartwatch com o dock, você vai ver o tempo estimado de recarga e a porcentagem de bateria atual.

Recursos de voz

Tentei utilizar o S Voice para fazer uma ligação, mas o nome do contato que escolhi não ajudou muito e acabei fazendo a chamada pelo widget de contatos, mesmo. O som é bem razoável, e dá para ter uma conversa rápida do tipo, “e aí, vamos almoçar”, ou, “e aí, onde você está” sem problemas. Você pode ouvir o áudio da conversa no vídeo.

Pareamento

O Gear S3 se conecta com o Galaxy S7 e smartphones mais recentes da Samsung sem nenhuma dificuldade. Testei também com um Zenfone 2, para ver como ele reagiria a um aparelho Android de outra marca.

O pareamento em si foi realizado sem dificuldades. No entanto, além do app Samsung Gear, depois de feita a sincronização, foram pedidas as instalações de mais dois aplicativos para o funcionamento correto do relógio com o smartphone.

O funcionamento me pareceu bem parecido com o visto no Galaxy S7, então se você tem um smartphone de outra marca, pode partir pro Gear S3 sem medo.

Conclusão

Um relógio de luxo. É assim que o Gear S3 é apresentado, e é isso que ele é. O preço assusta, sendo R$ 2.199 no Brasil. Mas o público-alvo tem essa grana para gastar neste dispositivo. Aliás, se você não tem esse dinheiro e só quer um relógio bacana para pôr no pulso e consultar as horas, existem outros modelos que devem atender melhor suas expectativas.


74

Comentários

Análise: Samsung Gear S3 | Review do TudoCelular

Melhores smartphones para jogar Pokémon GO | Guia do TudoCelular

Melhores smartphones dual-SIM | Guia do Tudo Celular

Instalando o Android Nougat no Moto G4 Plus | Tutorial do TudoCelular

Galaxy A5 2017: hands-on e primeiras impressões | Vídeo do TudoCelular