LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

A cura se aproxima! Cientistas fazem importante avanço em pesquisa sobre o vírus HIV

20 de março de 2017 14

Diferente do câncer, os cientistas já sabem exatamente qual caminho devem seguir nas pesquisas para a descoberta da cura do HIV, vírus causador da doença AIDS: nos pacientes em tratamento, cujo o vírus se encontra em estado latente (sem transmissão), é preciso eliminar os reservatórios onde as células infectadas estão armazenadas.

Nessa busca que já perdura por anos, recentemente cientistas franceses da Universidade de Montpellier descobriram um método que pode ser capaz de descobrir onde tais células - que com o tratamento interrompido voltam a se multiplicar - estão localizadas. Ou seja, uma possível cura.

Ao pesquisarem as células infectadas em laboratório, a equipe de cientistas notou uma proteína chamada CD32A, que não está presente nas células saudáveis, coletadas de amostras de sangue de 12 pacientes que vivem saudavelmente com HIV devido ao tratamento.

Ao isolar as mesmas e utilizando um anticorpo, os pesquisadores perceberam que tais células infectadas se mostraram reagentes ao teste de HIV. Com isso, chegou-se a conclusão de que quase todas as células T que expressam a mesma proteína são as chamadas "células de reservatório", que carregam o vírus em estado latente.

Isso significa que acharam a cura?

Infelizmente ainda não, pois a proteína CD32A não estava presente em todas as células que o HIV se encontra latente, sem contar que os antirretrovirais (medicamentos que os pacientes tomam para matar o vírus) não mataria a quantidade de vírus suficiente para curar um doente.

Contudo, essa descoberta não deixa de ser um enorme avanço científico, abrindo espaço para mais e mais pesquisas em busca da cura. Aliás, essa é a primeira vez que os pesquisadores foram capazes de identificar as células de vírus latentes desde 1996, quando se iniciaram esse tipo de estudo.

A equipe de estudiosos revela que vai continuar pesquisando e testar esse procedimento em mais pacientes com o HIV, principalmente em células de órgãos como o estômago e linfáticos.


14

Comentários

A cura se aproxima! Cientistas fazem importante avanço em pesquisa sobre o vírus HIV
Android

Melhores smartphones dual-SIM | Guia do TudoCelular

Tech

Melhores baterias externas para seu smartphone | Guia do TudoCelular

Android

Melhores smartphones para jogar Pokémon GO | Guia do TudoCelular

Android

Fotos dos Leitores #137 — Galaxy S7 é o mais votado