LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Registrar e
publicar
Usuário
Email
Senha

Dell fecha capital em acordo de US$ 24,4 bilhões. Microsoft injeta US$ 2 bilhões

06 de fevereiro de 2013 0

Dell logo

A Dell anunciou oficialmente um acordo de US$ 24,4 bilhões para fechar o capital da empresa novamente, saindo do mercado de ações.

O dinheiro vem do patrimônio do CEO Michael Dell, fundos das empresas de investimento Silver Lake e MSD Capital e da Microsoft, que entrou com US$ 2 bilhões na negociação. Os acionistas da Dell receberão US$ 13,65 por ação, o que é u mvalor 25% maior do que os US$ 10,88 cotados em 11 de janeiro, data em que, segundo a Dell, os primeiros rumores sobre o acordo começaram a circular.

A Dell já foi a maior fabricante de PCs no mundo, mas vem sofrendo nos últimos anos com a concorrência da HP e Lenovo, além da queda nas vendas de PCs no mundo inteiro. O mercado de PCs já não é mais tão lucrativo, e a concorrência é bem grande.

A Dell chegou a fazer tentativas no mercado de dispositivos móveis, mas sem nenhum sucesso. O dinheiro e a parceria da Microsoft, no entanto, pode ajudar a mudar esse rumo finalmente.

Por que a Microsoft decidiu investir?

A Microsoft é uma empresa bastante dependendo de seus parceiros, e quer assegurar que uma das maiores fabricante de PCs do mundo continue favorecendo o uso do Windows ao invés de alternativas como Ubuntu ou Chrome OS em seus produtos. Eis o que a Microsoft disse sobre o acordo:

A Microsoft forneceu um empréstimo de US$ 2 bilhões para o grupo que propôs tornar Dell uma empresa privada. A Microsoft está comprometida com o sucesso de longo prazo do ecossistema de PCs e investe fortemente em uma variedade de maneiras para construir esse ecossistema para o futuro.

Nós estamos em uma indústria que está em constante evolução. Como sempre, vamos continuar a procurar oportunidades para apoiar os parceiros que estão comprometidos em inovar e conduzir negócios para seus dispositivos e serviços construir na plataforma Microsoft.

Mais liberdade para mudar

Como uma empresa privada novamente, a Dell terá mais liberdade e flexibilidade. Sem ter que agradar os acionistas todos os meses, a pressão para mostrar resultados é menor. Assim, a Dell pode focar em uma grande reestruturação, seja para mudar o rumo de seus negócios, seja para realizar possíveis demissões.

Dell logo

Michael Dell continuará comandando a empresa como CEO, com a ajuda administrativa da Silver Lake. A Microsoft, no entanto, pode ser uma importante parceira nessa caminhada. Não seria uma surpresa se, no futuro, víssimos smartphones e tablets Dell equipados com a plataforma Windows.

Esse futuro, no entanto, não será assim tão breve, já que o negócio deve ser finalizado apenas em 2014. Até lá, a Dell continua tendo que se virar para não perder mais mercado e reconhecimento.

Se curtiu, compartilhe!


0

Comentários

Continue no Fórum » Dell fecha capital em acordo de US$ 24,4 bilhões. Microsoft injeta US$ 2 bilhões
Deixe um comentário.

Android

Novos Galaxy Tab S chegam ao Brasil a partir de R$ 1.8 mil

Curiosidade

Mais megapixels significam mais qualidade?

Especiais

O melhor do TudoCelular, na semana passada

Android

[Vídeo] Comparativo entre o Galaxy S5 e o Nexus 5