» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
1.349

Multilaser H

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral

Você já comprou um celular de uma marca nacional? Muitos brasileiros têm preconceito com empresas que nasceram em nosso país e preferem investir seu dinheiro em produtos chineses que nem sempre entregam boa qualidade. A Multilaser, que já lançou diversos smartphones no Brasil, decidiu competir em peso no segmento intermediário com um novo produto com ótimo hardware e preço justo. Chamado apenas de H, o novo celular da marca promete acabar com seu medo de que produto nacional é algo ruim, e você confere todos os detalhes dele nesta análise completa do TudoCelular.

Acessórios

O Multilaser H vem em caixa bastante simples e com qualidade abaixo da média. Fica claro que cortes foram feitos aqui para garantir entregar um bom aparelho pelo preço visado. No entanto, ele vem com boa quantidade de acessórios:

  • Carregador de 15W de potência
  • Cabo USB no padrão C
  • Chave para abrir a gaveta do cartão SIM e microSD
  • Guia do usuário
  • Capinha e película de proteção
  • Fone de ouvido

O fone que vem junto lembra bastante o EarPod da Apple, porém na cor preta.

Design e construção

O Multilaser H pode até chamar a atenção por seu conjunto e preço agressivo, mas não é o design que vai te atrair. Ele tem corpo feito em plástico, entalhe em forma de gota acima da tela e conjunto triplo de câmera na traseira que lembra lançamentos recentes da Motorola.

As bordas são mais finas e não tem muito queixo. Isso faz com que o Multilaser H seja mais compacto que outros com mesmo tamanho de tela. Apesar do acabamento não ser premium com corpo de metal e vidro, a qualidade de construção é muito boa.

Claro que a Multilaser precisou realizar alguns cortes para deixar o preço o mais acessível possível. Então não espere por proteção Gorilla Glass, alguma resistência contra água ou tecnologias como biometria na tela. O leitor de digitais fica na traseira e funciona bem, só não é dos mais rápidos.

Pelo menos o aparelho vem acompanhado de capinha e película de vidro. A conexão USB é a mais atual no padrão C e há entrada padrão para fones de ouvido, além de vir um de boa qualidade na caixa. Também há suporte a Wi-Fi 5 GHz e Bluetooth 5.0.

Tela e som

Só não espere por tela AMOLED aqui. A empresa optou por um painel IPS LCD para manter o custo baixo. Pelo menos não precisou sacrificar a tela como vimos em recentes lançamentos neste segmento. O Multilaser H entrega boa reprodução de cores e seu brilho é razoável para uma boa experiência. É possível calibrar as cores para ter mais ou menos saturação, mas muitos nem vão precisar se preocupar com isso.

E a parte sonora? Bem, por ter apenas um alto-falante localizado ao lado da porta USB, o som reproduzido é apenas mono. A potência é boa, porém distorce bastante quando no máximo. As frequências sonoras se misturam e o áudio sai bastante abafado.

O fone que vem junto é até bacana, mas se está buscando um bom celular para ouvir músicas, há opções melhores neste segmento.

Desempenho

O grande destaque do Multilaser H é o seu hardware. Aqui você leva um celular com Snapdragon 710, 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento por um preço muito bom. Mas não importa ter hardware forte e faltar otimização de software, como vimos em muitos lançamentos recentes.

Pelo menos este não é um problema aqui. Ele supera outros que testamos com o mesmo hardware e fica acima de rivais na mesma faixa de preço em velocidade. E por ter muita RAM, você pode abrir vários aplicativos sem sofrer com recarregamentos constantes.


Seu desempenho poderia ser ainda melhor se a Multilaser não tivesse economizado na qualidade da memória interna, sendo mais lenta que até alguns celulares de entrada. Isso atrasa a abertura de alguns apps, mas depois que estão carregados na RAM não chega a ser um problema.

O desempenho em benchmarks também é muito bom, com pontuação acima a de outros com hardware similar. Fica claro que o software está bem acertado, e isso pode ser comprovado com jogos que rodam suave no Multilaser H.

Câmera

Além da câmera principal de 16 MP, o Multilaser H também conta com câmera teleobjetiva para usar zoom sem sacrificar qualidade e um sensor de profundidade para ajudar no desfoque de cenários.

O aplicativo de câmera não é dos melhores e sua interface tem aparência de software muito antigo. Por padrão ela exibe comportamento estranho, como ao reduzir a resolução da foto ao usar o modo retrato. É bom mudar isso nas configurações para evitar perda de qualidade.

Mas vamos ao que interessa: a câmera é boa? Aqui o Multilaser H manda muito bem. Você tem fotos com riqueza de detalhes, cores bem representadas e HDR que funciona dentro do esperado.

Zoom




A teleobjetiva realmente consegue aproximar um objeto sem comprometer a qualidade e até mesmo quando usando zoom híbrido a perda não é alta. A terceira câmera também faz bem o seu trabalho e gera um nítido efeito de desfoque que separa bem o primeiro plano do fundo do fundo do cenário.

Para fotos fora de casa o Multilaser H realmente impressiona, porém ao fotografar em locais fechados com iluminação mais fraca é que o limite do hardware fica nítido. A qualidade cai drasticamente e há um nível acentuado de ruídos.

Modo retrato e selfies




A frontal já não sofre tanto com isso, mas perde nitidez. Você terá selfies um pouco desfocadas, mas nada que comprometa demais. Já à noite a qualidade está dentro do esperado para um aparelho intermediário. Apenas a teleobjetiva que sofre bastante ao usar o zoom em locais escuros.

Talvez o que mais decepcione seja a filmadora. Apesar de teoricamente gravar em 4K, o aplicativo de câmera tem um bug que limita os vídeos a no máximo Full HD. A qualidade é decente, mas não há estabilização eficiente. O foco é ágil; já a captura de áudio é realmente ruim.

Bateria

Para alimentar este hardware, a Multilaser incluiu uma bateria de 4.000 mAh, que virou padrão em celular intermediário. Como o software está bem otimizado, o H entrega autonomia para o dia inteiro tranquilamente.


Pegando um pouco leve é possível ter carga até a metade do dia seguinte. Você não vai precisar se preocupar em levar o carregador com você quando sair cedo de casa.


A fabricante promete carregamento rápido que demora no máximo duas horas e meia. Em nosso teste realmente tivemos um valor muito próximo disso. Mas esta não é uma marca para se orgulhar. Se você estiver com pressa será possível recuperar 17% da bateria com 15 minutos de carga.

Software

Se você é fã do dito Android puro vai curtir o Android Pie que vem de fábrica com o Multilaser H. É basicamente a essência padrão do sistema com leve modificações, como o aplicativo de câmera que foi redesenhado pela empresa e algumas propagandas que aparecem esporadicamente na tela de notificações.

Ainda não há data para o aparelho receber o Android 10 e a Multilaser nunca foi sinônimo de eficiência em atualizações, então é bom ter paciência que pode demorar. Pelo menos a marca está acertando mais a mão na otimização do software do que outras empresas maiores.

Rivais

O Multilaser H chega ao mercado nacional por R$ 1.400. Vale o preço? Ele é mais rápido que o Galaxy A50 e Moto G8 Plus que custam o mesmo. Até mesmo supera o Mi 9 Lite que possui mesma configuração e custa mais caro.

O A50 tem como diferenciais a tela Super AMOLED com brilho superior, biometria na tela, TV Digital em alta resolução e melhor câmera para fotografar à noite.

O rival da Motorola é um bom concorrente que entrega qualidade similar. A sua vantagem fica para a filmadora que grava com qualidade superior e tem estabilização mais eficiente.

Já se você é fã de importados ou está de olho em alguma alternativa com Snapdragon 710, o Mi 9 Lite tem bateria melhor e acabamento mais caprichado com corpo de metal e traseira em vidro. Em câmera leva vantagem em ambientes fechados.

Pontos fortes e fracos

Pontos fortes

  • Desempenho acima da média
  • Bateria para o dia todo
  • Ótima câmera e selfies
  • Android sem modificações

Pontos fracos

  • Qualidade sonora
  • Memória interna lenta
  • Filmadora bastante limitada
  • Tempo de recarga
Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

Seu custo-benefício é muito bom, e ficará ainda melhor quando o preço cair para próximo dos mil reais.

Embalagem e características

Embalagem tem baixa qualidade, mas traz capinha e película entre os acessórios.

Comodidade

Multilaser H é um celular grande com traseira em plástico liso que escorrega fácil.

Facilidade de uso

Temos o Android praticamente puro, apenas o app de câmera que deixa a desejar.

Multimídia

Tela tem boa qualidade, porém o áudio é um pouco abafado e distorce no máximo.

Votação Geral

Multilaser H é um celular muito bom e supera diversos rivais na mesma faixa de preço.

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Multilaser H