» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
876

Realme C30s

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral

O realme C30s chegou ao mercado brasileiro no final de 2022 juntamente com o C33. Ele é um celular básico que tem muito em comum com outro da marca lançado anteriormente, o realme C30. O que muda entre os dois e se vale a pena comprar o C30s, você confere nesta análise do TudoCelular.

Acessórios

Realme C30s vem em embalagem amarela com o nome do modelo na tampa, mas sem ilustração do aparelho. Além do celular, você recebe os seguintes acessórios:

  • Carregador de 10W
  • Cabo USB no padrão micro
  • Chavinha para a gaveta do cartão SIM
  • Guia do usuário
Design e conectividade

O design do C30s lembra bastante o C30 da realme. Eles possuem o mesmo tamanho e espessura, assim como peso similar. De frente, ambos são iguais com entalhe em formato de gota no topo e borda mais larga abaixo da tela.

A traseira também é parecida com bloco em destaque para a única câmera no canto superior esquerdo, que traz textura lisa diferente do restante da borda com pequenos vincos para tornar o celular menos escorregadio. O que muda no C30s é que essa textura é mais discreta e pode ser encontrado nas cores azul e preta.

As laterais e traseira são planas, como é padrão dos lançamentos recentes da realme. O leitor biométrico fica na lateral direita e responde bem, sendo mais ágil que muito celular básico. Do lado oposto há a gaveta tripla para dois chips e um cartão microSD, que permite expandir a memória em até 1 TB.

A parte decepcionante fica para a porta micro USB na parte inferior. Infelizmente, ainda é comum ver fabricantes trazendo este padrão mais antigo. Também temos a entrada para fones de ouvido, o microfone e o alto-falante.

O realme C30s peca no Wi-Fi mais antigo sem suporte a dual-band para redes mais velozes. Seu Bluetooth ainda é a versão 4.2 e não há suporte a NFC.

Tela e som

O realme C30s tem tela de 6,5 polegadas com resolução HD+, painel IPS LCD e taxa de atualização de 60 Hz. O nível máximo de brilho não é alto, mas está dentro do que é encontrado no segmento. O ângulo de visão é bom, assim como o nível de contraste.

É bom ver que a realme não deixou de fora os perfis de calibração de cores, por mais que o C30s venha com Android mais simples. É possível escolher entre três opções, assim como alterar a temperatura das cores individualmente.

O básico da realme conta com apenas uma saída de som e isso limita a experiência sonora com áudio mono que não empolga em potência. Os agudos são mais acentuados que as demais frequências e causam distorção com o volume no máximo.

Há entrada padrão para fones de ouvido na parte inferior, mas como é de costume da realme, não vem nenhum fone na caixa.

Desempenho

O realme C30s vem com chip SC9863A da Unisoc, um hardware antigo que ainda é encontrado em modelos de entrada como Blu B9 lançado em 2022 e o Nokia C30 em 2021. Neste básico temos 2 GB de RAM e 32 GB de armazenamento, o que pode ser pouco para alguns.


Isso fica evidente no desempenho multitarefas. O realme C30s não consegue segurar os aplicativos em segundo plano e foi mais lento que os outros modelos citados em nosso teste de velocidade. O hardware antigo também não empolga em benchmarks e no AnTuTu temos pontuação na faixa dos 80 mil.

O realme C30s serve para jogos? Ele até consegue rodar bem Call of Duty na qualidade gráfica mínima com todos os extras desativados. PUBG roda bem com gráficos na opção Suave e taxa de quadros em médio, também com demais recursos desativados.

Bateria

O C30s possui bateria de 5.000 mAh, tamanho padrão no segmento de entrada. Ele entrega autonomia decente e consegue passar o dia todo longe de tomadas se não exigir muito do aparelho. Porém, ele rende menos que o seu irmão C30 que tem o mesmo tamanho de bateria, mas vem com hardware mais atual da Unisoc.


O carregador que vem com o aparelho entrega potência máxima de 10W e demora quase 3 horas para encher totalmente a bateria. Uma carga rápida de 15 minutos recupera apenas 9% e chega a 18% com meia hora na tomada.

Câmeras

Há apenas uma câmera na traseira com resolução de 8 MP, enquanto na parte frontal temos uma câmera com resolução de apenas 5 MP. E como você já deve imaginar, o conjunto fotográfico do realme C30s faz apenas o básico.

As fotos capturadas pelo C30s são decentes desde que haja boa iluminação. Elas saem mais escuras do que o normal em dias nublados, mas as cores não estão tão apagadas como é comum em celulares básicos.

Desfoque


Como não temos uma câmera dedicada para profundidade, o efeito de desfoque de fundo é feito apenas via software. Ele pode parecer meio artificial, mas até que apresenta poucos erros comparado a outros do segmento.

Será preciso usar a única câmera para macros e não espere que o foco coopere ao chegar muito perto. De qualquer forma, o nível registrado de detalhes não está abaixo do que já vimos em celulares da realme com câmera macro de baixa resolução.

Macro


Como é padrão em celulares básicos, a qualidade das fotos cai bastante em locais escuros. Não apenas temos uma perda acentuada de nitidez, como há muitos ruídos que deixam as fotos granuladas.

Noturno



Há modo noturno que deixa as fotos mais claras, mas em troca os defeitos também ficam mais aparentes. De qualquer forma, dependendo do cenário verá que alguns detalhes antes perdidos nas sombras agora ficam visíveis.

Selfies


As selfies diurnas são boas o bastante para serem compartilhadas nas redes sociais e mesmo as noturnas não chegam a ser descartáveis, desde que tenha uma boa fonte de luz por perto.

A filmadora grava em Full HD com a traseira e HD com a frontal. A qualidade dos vídeos é inferior à das fotos, há bastante tremidos e o foco não é dos mais ágeis. A captura de som é apenas mono, mas não tão abafada como visto em outros celulares básicos.

Software

O realme C30s vem com Android 12 e a interface Realme UI Go, baseada na versão mais enxuta do robozinho. É uma escolha acertada por parte da fabricante, já que o aparelho conta com apenas 2 GB de RAM.

Claro que para um celular com hardware tão básico não espere ótima fluidez. É normal ver a interface apresentando pequenos engasgos e mesmo que a realme alegue que o C30s possua um sensor de toque aprimorado, ele ainda é um pouco lento no tempo de resposta.

Rivais

Como o realme C30s fica contra outros celulares básicos com hardware similar?

Outro lançamento recente que chegou ao Brasil com o chip SC9863 da Unisoc foi o B9 da Blu. O modelo norte-americano ganha no desempenho por ter o dobro de RAM e consegue segurar mais apps abertos ao mesmo tempo. Ele perde por pouco em bateria e tem câmeras piores que o realme C30s.

O Nokia C30 é um modelo mais antigo, mas que chegou ao mercado brasileiro no começo de 2022. Ele traz bateria maior que dura muito mais, mas também leva mais tempo para recarregar. Suas câmeras estão no nível do que vemos no realme C30s, com a diferença de ter uma dedicada para desfoque que resulta em efeito menos artificial.

Pontos fortes e fracos

Pontos fortes

  • Mais fino e leve que concorrentes
  • Bateria dura o dia todo
  • Software com boa fluidez

Pontos fracos

  • Experiência multimídia limitada
  • Pouca RAM compromete multitarefas
  • Câmeras muito básicas
Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

Seu preço de lançamento é salgado, mas pode ser uma boa compra se estiver mais barato que o Galaxy A13 ou Moto G22

Embalagem e características

Caixa traz apenas o básico e carregador de 10W

Comodidade

Celular com tamanho razoável e boa textura na traseira o torna menos escorregadio

Facilidade de uso

Android Go praticamente puro que flui bem mesmo com o hardware básico do aparelho

Multimídia

Tela tem boa qualidade e brilho decente, mas som mono tem potência fraca e distorce no máximo

Votação Geral

O realme C30s é um bom celular básico, apesar de não se destacar perante rivais

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Realme C30s