» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
1.646

Redmi Note 10 5G

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral

O Redmi Note 10 5G é o mais recente lançamento da linha mais popular de intermediários da Xiaomi a chegar ao Brasil. Ele vem com a promessa de levar 5G ao público geral, mas sem deixar de lado tecnologias importantes como alta conectividade, um bom hardware, bateria que dura muito e tela de 90 Hz para maior fluidez. Tem alguma pegadinha ou ele realmente entrega tudo isso? Vamos conferir.

Acessórios

O Redmi Note 10 5G vem em embalagem branca tradicional da Xiaomi com uma ilustração do aparelho na tampa. Além do celular, você recebe os seguintes acessórios:

  • Carregador com 22,5W de potência
  • Cabo USB padrão C
  • Chavinha da gaveta do SIM Card
  • Capinha transparente de silicone
  • Guia do usuário
Design e construção

O Redmi Note 5G tem design um pouco diferenciado dos demais da linha, o que ajuda a distinguir o aparelho da variante 4G. Para começar, o bloco de câmeras na traseira traz apenas três sensores e o layout é diferente com o aro cromado englobando duas delas e não apenas a principal. A parte frontal, por outro lado, segue o mesmo padrão com entalhe único em furo para a câmera de selfie.

O corpo do modelo 5G também é de plástico como na outra versão, além da tela que vem com proteção Gorilla Glass 3. O que muda é que este não traz certificação IP53 como no Redmi Note 10, o que o torna menos resistente a respingos e poeira.

O intermediário chinês chegou ao mercado em quatro opções de cores: grafite, prata, azul e verde. Há um pequeno sensor ao lado do flash em LED que, quando aliado com outro sensor na parte frontal, ajuda a regular corretamente o nível do brilho da tela. A Xiaomi alega que o sensor consegue ajustar o brilho em mais de 4 mil níveis diferentes.

No topo do aparelho encontramos a entrada para fones de ouvido, microfone e emissor de infravermelho; enquanto no outro extremo há a entrada USB-C, outro microfone e a única saída de som do aparelho. Do lado esquerdo temos a gaveta híbrida para SIM Card e microSD; e por fim, do lado oposto, há o botão de volume e de energia com leitor biométrico incorporado.

O Note 10 5G tem suporte a Wi-Fi AC para redes 5 GHz, Bluetooth 5.1 e NFC, além de conectividade 5G. É um celular completo apesar de ser focado no custo-benefício.

Tela e som

E aí você já deve estar pensando: onde que a Xiaomi realizou cortes? O primeiro ponto sacrificado foi o painel, pelo menos o brilho. A tela do Note 10 5G tem um brilho máximo baixo para a categoria e fica abaixo da variante 4G. Pelo menos o contraste é excelente para uma tela IPS LCD. Outro ponto que impressiona é que o brilho mínimo é muito baixo, o que torna o Note 10 5G ótimo para ser usado no escuro, mas ruim para usá-lo fora de casa.

Não há suporte a HDR10, então esqueça se pretende tirar proveito máximo de filmes em serviços de streaming. Pelo menos o painel é de 90 Hz, o que faz as animações da MIUI fluírem a 90 fps. A tecnologia AdaptiveSync alterna a velocidade do painel a depender do conteúdo para ajudar a economizar bateria, chegando a no mínimo 30 Hz durante a exibição de vídeos.

Se o brilho baixo compromete um pouco a experiência multimídia, a falta de som estéreo também é um ponto fora da Xiaomi, ainda mais quando os demais da linha possuem dois alto-falantes. Apesar do som ser mono, a potência sonora é boa e bem equilibrada.

Desempenho

O Redmi Note 10 4G vem equipado com Snapdragon 678, enquanto a versão 5G traz o Dimensity 700 da MediaTek. Qual é melhor? Em nosso teste de velocidade vimos vantagem no modelo 5G que foi mais rápido no multitarefas. Ele também se saiu melhor nos testes sintéticos e no caso do AnTuTu chegou a dar uma diferença de 20% na pontuação.


E jogos, quais tiram proveito da tela de 90 Hz? Dos que testamos tivemos Mortal Kombat e Coverfire rodando a 90 fps. Demais jogos ficaram na faixa dos 60 fps, como Subway Surfers, Asphalt 9 e Call of Duty (este na qualidade média e sem melhorias gráficas ativadas). No PUBG consegue boa fluidez com os gráficos em HD e demais opções ativadas.

Bateria

Bateria de 5.000 mAh pode não ser mais algo surpreendente em meados de 2021, mas o que importa é o tempo de uso que o celular consegue render e no caso do Note 10 5G tivemos mais de 25 horas de uso moderado em nosso teste padronizado, o que garante que vai durar um dia inteiro com folga mesmo em uso mais pesado ou até mesmo dois dias em uso mais leve. Agora há um pequeno detalhe que merece ser citado: o nosso teste foi realizado com a tela em 60 Hz, como vem por padrão. No modo 90 Hz, a bateria vai durar um pouco menos.


A Xiaomi alega que o Note 10 5G possui suporte a carregamento rápido de 18W, mas manda na caixa um carregador mais potente com no máximo 22,5W de saída. É menos do que os 33W do modelo 4G, mas ainda assim temos um tempo decente com menos de 2 horas para chegar a 100%, enquanto rivais da Samsung demoram mais.


O carregamento acelerado é que não é muito ágil e recupera apenas 13% em 15 minutos na tomada e chega a 30% em 30 minutos.

Câmeras

A parte fotográfica não tem nada de especial: há três câmeras na traseira do aparelho, sendo a principal um sensor de 48 MP, a secundária uma câmera macro de 2 MP e a terciária uma dedicada para desfoque de fundo também com 2 MP. É basicamente o mesmo conjunto da variante 4G, mas a ultra-wide, infelizmente, acabou ficando de fora. A frontal também é inferior e tem apenas 8 MP neste modelo.

Normal | IA


O Note 10 5G registra boas fotos para a categoria. A câmera acerta na nitidez, cores, alcance dinâmico e apresenta poucos ruídos em locais com boa iluminação. Há atalho no aplicativo para ativar o modo com inteligência artificial, que promete deixar as fotos ainda melhores, mas o que ele faz é exagerar na saturação e contraste, matando os detalhes. Não vale a pena usar.

Padrão | 48 MP


As texturas das fotos ficam um pouco melhores no modo 48 MP, já que por padrão a câmera comprime quatro pixels em um. Em troca terá muito mais memória devorada por cada foto. A macro tem resolução muito baixa, mas até consegue registrar boas fotos. Só precisa ter paciência para acertar a distância ideal, já que o foco é fixo. Enquanto a de desfoque faz um bom efeito de fundo, mas apresenta erros próximo da pessoa fotografada.

Normal | Noturno


As fotos noturnas são boas para a categoria e mantêm o bom equilíbrio de cores e contraste visto ao fotografar de dia. Há modo noturno que prolonga a exposição para deixar as imagens mais claras, mas os detalhes são comprometidos e os ruídos já ficam mais aparentes.

Macro



Desfoque


Por falar em ruídos, este é o grande problema da câmera frontal. Até mesmo as selfies tiradas de dia apresentam granulação, que fica ainda pior à noite. É uma pena que a Xiaomi não tenha mantido a câmera do outro Redmi Note 10.

Selfies



Outra limitação deste modelo é que ele não filma em 4K como a versão 4G. Tanto a câmera traseira quanto a frontal estão limitadas a Full HD a no máximo 30 fps. A decepção não fica só na resolução, mas também na qualidade: há muitos ruídos e filmar à noite fica complicado. A captura de áudio é estéreo e entrega resultado decente.

Software

O Redmi Note 10 5G está atualmente com Android 11 e MIUI 12 com pacote de segurança recente. A interface em si é rápida e não apresenta engasgos constantes e realmente tira bom proveito da tela de 90 Hz.

O leitor biométrico pode ser configurado para responder ao apenas encostar o dedo ou só quando você pressionar o botão de energia. O reconhecimento da digital é rápido e raramente falha.

O sistema traz todos os recursos vistos em outros lançamentos de 2021 da Xiaomi, incluindo a tela dividida de notificações e atalhos do sistema que lembra bastante o iOS. Há modo noturno para uma visualização mais agradável, apesar de não gerar economia de bateria por falta de tela OLED. A suíte Game Boost também está presente para organizar seus jogos e ajuda a aprimorar a jogatina.

Rivais

E agora, surgiu a dúvida se compra o Note 10 4G ou 5G? Este que analisamos ganha em desempenho, tem tela de 90 Hz e já está preparado para a conexão móvel do futuro. Por outro lado, o outro modelo tem som estéreo, melhor bateria e traz câmera ultra-wide, além de ter melhor filmadora.

Quer uma alternativa com tela de 90 Hz e conexão 5G? O Moto G 5G Plus tem preço similar considerando o varejo nacional e entrega melhor desempenho e câmeras, mas a bateria dura menos. Da Samsung temos o Galaxy A32 5G, que não traz painel de 90 Hz, mas tem um conjunto competente com câmeras mais completas e entrega melhor autonomia de bateria.

Pontos fortes e fracos

Pontos fortes:

  • Bom desempenho em jogos
  • Boa autonomia de bateria
  • Boas câmeras

Pontos fracos:

  • Tela tem brilho fraco
  • Som mono decepciona
  • Faltou foco automático na câmera macro
  • Filmadora decepciona
Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

Seu custo-benefício é bom para o importado, mas o nacional sempre tem preço complicado

Embalagem e características

O Redmi Note 10 5G vem com capinha de silicone na caixa, mas nada de fone de ouvido

Comodidade

Não chega a ser um celular tão grande, mas é escorregadio; pelo menos vem com capinha na caixa

Facilidade de uso

É a mesma MIUI presente em outros da marca e responde bem ao uso

Multimídia

Tela IPS LCD de brilho baixo e som mono não ajuda na experiência multimídia

Votação Geral

O Redmi Note 10 5G é uma boa opção 5G, mas há celulares 4G melhores e mais baratos

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Redmi Note 10 5G