» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
3.783

Samsung Galaxy S10e

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral

A linha Galaxy S passou por várias reformulações nestes últimos 10 anos, mas em 2019 a Samsung foi além e resolveu seguir os passos da Apple, apresentando o Galaxy S10e como uma opção "baratinha" para concorrer com o iPhone XR da companhia de Cupertino.

Lançado no mercado internacional pelo preço sugerido de US$ 749, (mesmo do iPhone XR), o Galaxy S10e chega ao nosso país pelos mesmos R$ 4.299 cobrados pelo Galaxy S9 em seu lançamento, demonstrando a preocupação da sul-coreana em frear um pouco os valores cada vez mais altos vistos no Brasil a cada ano.

Chegou a hora de descobrir então se o novo flagship colorido da sul-coreana é realmente um modelo top de linha para competir com a Apple ou se ele chega como algo básico demais em relação aos modelos de 2018.

Acessórios

A caixa do Galaxy S10e ganhou um visual diferente do que tínhamos nas gerações anteriores, com as inscrições do nome do modelo adotando a mesma cor do aparelho e com um grande destaque na parte frontal.

Os acessórios são os mesmos das últimas gerações, mas agora temos uma capa de plástico rígido na cor do dispositivo. E esta é uma boa ideia, porque a parte de trás de vidro parece ser muito sensível a riscos.

Além disso, ele vem com película já aplicada na tela – algo que não vimos nas gerações anteriores.

Dentre os acessórios, temos:

  • Carregador de tomada com potência máxima de 15W;
  • Cabo USB-C;
  • Adaptador de USB-A para USB-C (para usar com pendrives, por exemplo);
  • Fones de ouvido AKG atualizados, com microfone embutido e controle para volume e chamadas;
  • Borrachinhas sobressalentes em outros dois tamanhos para os fones;
  • Chave extratora da gaveta híbrida dos chips nano SIM;
  • Manuais e termos de garantia;
  • Capa protetora na cor do aparelho.

Como brinde por ter adquirido o Galaxy S10e na pré-venda internacional, ganhamos um cartão microSD de 128 GB. Já quem adquirir o aparelho no Brasil durante o período de pré-venda levará para casa os novos fones Bluetooth Galaxy Buds.

Design e construção

O aparelho tem corpo de metal com traseira de vidro, e o seu acabamento é ótimo. A principal diferença para os modelos maiores, e também para os antecessores, é que esse aqui não tem tela curvada nas bordas.

Ficamos surpresos com sua ergonomia e seu peso: apenas 150 gramas. Não há outro smartphone tão leve com esses recursos. Ele é mais compacto que o Galaxy S9 e mais leve que o iPhone XS, apesar de todos terem tela de 5,8 polegadas. O grande "culpado" disso é o display Infinity-O, que nada mais é do que um furo no canto superior direito da tela, onde fica localizada a câmera frontal.

As cores disponíveis são chamativas e neste que temos em mãos recebe o nome de Amarelo Canário. Parece que Samsung se inspirou no iPhone XR mas resolveu adotar a mesma tonalidade da S Pen entregue junto ao Galaxy Note 9 azul, apesar de o modelo da Apple ser maior.

Parece que até agora tudo é perfeito, mas não é bem assim.

Ao contrário dos irmãos maiores, que trazem biometria ultrassônica incorporada à tela, o Galaxy S10e vem com botão lateral com sensor biométrico mais tradicional. E por ser estreito e ficar muito próximo da borda superior, nem sempre funciona como deveria, além de ficar sujo com facilidade e acabar dificultando ainda mais o registro da digital.

Ao menos a porta P2 foi mantida, algo que a Apple e várias outras rivais já aboliram, bem como a certificação IP68 contra danos por água e poeira.

Desempenho e jogos

O Galaxy S10e (assim como seus irmãos maiores) chega ao Brasil com o chipset Exynos 9820 ao invés do Snapdragon 855, o que deixou muita gente desapontada por vários motivos.

Além de ter uma litografia menos refinada, o modelo proprietário da Samsung é visto como inferior em termos de performance gráfica, bem como em relação ao suporte por parte dos desenvolvedores, seja em relação à criação de MODs e ROMs customizadas ou mesmo em aplicativos e jogos presentes na Play Store.

Para tirar isso a limpo de uma vez por todas, fizemos nosso reconhecido teste prático de velocidade, onde são abertos e reabertos 12 aplicativos em sequência.

Isso nos permite considerar, além do processador, também outras características, como:

  • Velocidade da memória interna;
  • Velocidade da RAM;
  • Resposta do sistema;
  • Peso da interface da Samsung sobre o Android.

O Galaxy S10e terminou a primeira rodada de nosso teste em 45 segundos, levando outros 19 segundos na segunda volta, e assim totalizando 1 minuto e 4 segundos. Isso acaba mostrando que o Galaxy S10e não é tão rápido assim. Ele ficou abaixo do iPhone XR e também do Galaxy S10 Plus, que tem a mesma plataforma mas com tela de maior resolução. Ao menos foi um pouco mais rápido que o Galaxy S9.


Também testamos o desempenho em jogos, usando a ferramenta Gamebench para medir a estabilidade da GPU e de outros componentes durante a jogatina.

Aqui temos o mesmo ótimo resultado visto nos demais modelos da família Galaxy S10, mas o iPhone XR ainda leva vantagem por ser capaz de executar alguns jogos com fluidez superior, como é o caso do Asphalt 9 que alcança 60 fps no iOS contra apenas 30 do Android.

Bateria

Surpreendentemente, mesmo com o Galaxy S10e vindo com uma bateria de 3.100 mAh, 100 mais que o Galaxy S9, ele entrega autonomia inferior.

Ele também fica abaixo do iPhone XR (que tem bateria menor), mas a diferença é bem pequena entre os dois, não sendo considerado algo capaz de ajudar a definir pela escolha de um ou outro.

A boa notícia é que ele não demora para recarregar, entregando metade da capacidade total com apenas 30 minutos na tomada e levando menos de 1 hora e meia para chegar a 100%.

Ele passa menos tempo na tomada que o Galaxy S9 e muito menos tempo que o iPhone XR.

Câmeras

A câmera hoje é a parte mais importante de um telefone. E as câmeras principal e frontal do Galaxy S10e são as mesmas dos demais modelos da linha.

A má notícia é que Samsung removeu algumas câmeras para reduzir o custo, mas a boa notícia é que a lente ultrawide está presente aqui.

Para aqueles que entendem de fotografia profissional, será suficiente apenas dizer que a câmera ultrawide cobre um campo de visão de 123 graus, o que se traduz em uma distância focal equivalente de 12 mm em full frame. Traduzindo... isso quer dizer que você tem um campo de visão muito amplo.

Muitas vezes quando capturamos uma foto sentimos a necessidade de nos afastar do assunto ou apelar para o modo panorâmico para que tudo caiba na imagem... mas com essa câmera isso não será mais necessário.

Um panorama é o cenário mais comum onde usar essa lente. Como você pode ver na galeria acima a foto ultrawide fica muito mais atraente.

Essa nova câmera realmente se destaca, mas ela tem suas limitações.

Sim, porque Samsung também desta vez não conseguiu fazer algo perfeito. A câmera mais interessante tem uma abertura menor, não possui estabilização ótica e nem foco automático. Isso significa que, em ambientes com pouca luz, como em ambientes fechados e à noite, essa câmera não poderá ser usada ou você terá fotos mais escuras.

A câmera ultrawide é divertida de usar, sendo possível de capturar fotos incríveis. É possível explorar muito mais dos cenários e registrar assuntos maiores sem ficar limitado apenas a fotografar pessoas.

Mas e a câmera principal? Bom, aqui temos a mesma câmera com abertura variável presente no Galaxy S9 e Note 9, ou seja, um dos melhores conjuntos da atualidade sem sombra de dúvidas.

A câmera frontal registra selfies melhores do que vimos no Galaxy S9 e Note 9, mas ainda força o processamento para supressão de ruídos, o que acaba sacrificando alguns detalhes e gerando fotos com menos nitidez do que temos no iPhone XR ou Pixel 3, em especial em ambientes internos e/ou mal iluminados.

Vale a pena?

O Galaxy S10e é a aposta da Samsung para enfrentar o iPhone XR. Ele é o mais barato e compacto da família S10, mas traz vários recursos dos modelos maiores, como a lente ultrawide que não encontramos no rival da Apple.

No entanto, o novo modelo da Samsung entrega praticamente o mesmo desempenho e autonomia do Galaxy S9. A tela tem resolução inferior, mas inclui a tecnologia HDR+ como diferencial. Comparado ao S10 e S10 Plus, as diferenças são poucas e não compensa o investimento maior. Exceto se você busca um aparelho com tela ainda maior ou bateria de longa duração.

O que lamentamos é a evolução dos preços que corre mais rápido que a inovação tecnológica. O Galaxy S10e chega ao mercado nacional pelos mesmos R$ 4.299 cobrados pelo aparelho mais simples da geração de 2018, mas agora tem duas versões maiores e ainda mais caras, isso sem falar da edição 5G.

Claro, esse valor salgado será apenas no lançamento, e justamente por isso convidamos você a consultar nossos guias de compras para saber quando será a melhor hora para comprá-lo.

Pontos positivos

  • Ótimo conjunto de câmeras;
  • Ótima tela;
  • Desempenho suficiente para todo tipo de tarefa;
  • Bom sistema de áudio;
  • IP68.

Pontos negativos

  • Leitor de impressões digitais pouco eficiente;
  • Preço salgado.
Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

O Galaxy S10e não tem um número exagerado de câmeras, quantidades massivas de RAM e armazenamento ou tela enorme, mas entrega ótima experiência com muitas características de seus irmãos maiores por um preço mais convidativo.

Embalagem e características

Temos ótimos fones de ouvido, carregador rápido, adaptador para acessórios USB-A e até capa protetora e película aplicada à tela, mostrando que a Samsung realmente sentiu a pressão das chinesas em termos de acessórios entregues na caixa.

Comodidade

Único real ponto negativo é a posição do leitor de impressões digitais, que além de nada ergonômica ainda dificulta uma leitura eficiente em boa parte das tentativas.

Facilidade de uso

A interface One UI trouxe muitas facilidades para uso com apenas uma mão, porém modificou áreas que acabaram ficando mais confusas.

Multimídia

Ótima tela e som estéreo potente, com a porta P2 que acabou se tornando um diferencial nos dias atuais.

Votação Geral

Poucos pontos negativos não são suficientes para ofuscar o ótimo conjunto oferecido com o Galaxy S10e, que tem tudo para ser o queridinho da geração 2019 da linha Galaxy S.

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Samsung Galaxy S10e