» Anuncie » Envie uma dica Ei, voc um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
Aviso de preo Inscreva-se para saber
quando este aparelho
estiver disponvel.

Xiaomi Mi 10

Review
Custo - benefcio
Embalagem e caractersticas
Comodidade
Facilidade de uso
Multimdia
Votao Geral

Xiaomi sempre se preocupou em lançar bons smartphones com preço justo e o Mi 9 brigava pelo título de melhor custo-benefício entre os flagships. Infelizmente, este não é o caso do seu sucessor. O M10 chegou mais caro por conta do Snapdragon 865 e sua conexão 5G com valor próximo ao de rivais da Samsung. E para piorar, a própria Xiaomi compete com suas subsidiárias e temos o Poco F2 Pro com configuração parecida custando menos. Como o Mi 10 fica nessa história? Ele vale a pena ou tem opções melhores? É isso que você vai conferir nesta análise completa do TudoCelular.

Acessrios

O Mi 10 vem em caixa prateada com nome da marca e do modelo com efeito cromático. Logo de fora já fica claro que o Mi 10 é tratado como um produto premium. Além do aparelho você recebe:

  • Carregador de 30W de potência
  • Cabo USB no padrão C
  • Adaptador para P2
  • Chavinha da gaveta do SIM
  • Capinha de silicone transparente
  • Guia rápido de uso
Design e construo

O design evoluiu e temos um celular mais moderno e com aparência mais premium, porém a qualidade de construção é a mesma de antes. O M10 tem corpo de metal com traseira de vidro. A parte curiosa é que Xiaomi regrediu a proteção para a tela e agora temos Gorilla Glass 5.

O novo top de linha Xiaomi está maior, mais espesso e pesado. Parte da culpa está no aumento de bateria que veio para corrigir o maior ponto fraco do Mi 9. E aqui vem o primeiro ponto negativo: o aumento de medidas juntamente com as bordas com curvatura mais acentuada complicam a pegada e fazem o celular escorregar mais fácil da mão. Pelo menos vem capinha na caixa para ajudar a proteger.

Xiaomi reduziu bastante as bordas, especialmente a inferior da tela. O entalhe em gota deu lugar a um furo para a câmera e fica localizado do lado esquerdo. O desenho das câmeras traseiras foge da nova moda de bloco salto e temos algo próximo do que vimos no Mi 9, exceto pela câmera extra que fica separada das demais.

Mi 10 vem com o que há de mais atual em conectividade, incluindo Wi-Fi sexta geração e Bluetooth 5.1. O emissor de infravermelho continua no topo para permitir usar o celular como controle remoto e o leitor biométrico sob a tela foi aprimorado e está mais responsivo do que antes.

Tela e som

Porém o que mais impressiona é a tela. O Mi 9 possui um painel Super AMOLED muito bom, mas o do Mi 10 consegue até superar o Galaxy S20 Ultra e iPhone 11 Pro Max em brilho. A reprodução de cores é ótima e traz calibração bastante próxima do ideal. O preto é perfeito e o ângulo de visão bastante amplo.

A resolução Full HD+ pode decepcionar alguns, mas tem a vantagem de reduzir o consumo de bateria e favorece o desempenho em jogos. O painel de 90 Hz também ajuda a entregar maior fluidez, porém há vários rivais com tela de 120 Hz. O maior ponto negativo fica para a curvatura acentuada do vidro que aumenta bastante a incidência de reflexos.

E finalmente temos som estéreo. O Mi 9 possui apenas uma saída de som, mas agora no Mi 10 há uma secundária que fica no topo do aparelho, diferente de outros que usam o alto-falante de chamadas como canal secundário. A potência é boa, não é das melhores, porém o que importa é a qualidade. O som é bem balanceado e supera rivais.

Mi 10 não vem com fones de ouvido na caixa, como é padrão em celulares da Xiaomi. Por não ter entrada P2 você precisará de um adaptador ou então usar um fone com conexão USB-C caso não curta fones Bluetooth. A qualidade sonora é boa e não deve para os tops da Apple e Samsung em potência e sonoridade.

Desempenho

O que esperar de um celular com Snapdragon 865? Alto desempenho, certo? Bom, o Mi 10 é rápido e fica entre os melhores que testamos, mas a diferença é pequena comparado ao antecessor com Snapdragon 855. Em nosso teste padronizado de velocidade eles praticamente empataram.

Em benchmarks tivemos um salto grande nas pontuações. No AnTuTu conseguimos até passar de 50% de diferença entre as duas gerações. Um detalhe curioso é que alcançamos pontuação ainda maior com o Poco F2 Pro.


Testamos alguns jogos para ver se o Mi 10 consegue entregar 90 fps e isso foi possível com o Mortal Kombat e Coverfire. No PUBG alcançamos uma média de 45 fps na qualidade Ultra HDR, em Call of Duty conseguimos passar um pouco dos 60 fps, mas, curiosamente, Asphalt 9 rodou com fluidez inferior do que vimos no Redmi Note 9 Pro. O jogo de corrida da Gameloft está sofrendo com falta de otimização em vários celulares, o que pode justificar este resultado.

Cmeras

Mi 10 vem com o mesmo sensor de 108 MP da Samsung presente no S20 Ultra. Aqui temos uma implementação diferente, ele comprime quatro pixels em um para gerar uma imagem padrão de 27 MP, enquanto no rival coreano há a tecnologia Nonacell que comprime nove pixels e temos no final imagens de 12 MP.

Você pode usar o modo 108 MP, mas notamos que o pós-processamento falha e entrega imagens com nitidez inferior. É melhor usar o modo padrão que você terá ótimas imagens ricas em detalhes e com baixo ruído. Em situações favoráveis de luz terá qualidade próxima dos rivais da Samsung, porém o HDR falha quando há forte luz de fundo como ao fotografar ao pôr-do-sol.

Padrão | 108 MP


Se você forçar o HDR no manual será possível salvar vários pontos da foto que seriam devorados pelas sombras. Não chega a ser tão eficiente quanto o HDR da linha Galaxy, mas está melhor que Motorola e Apple.

HDR auto | HDR on


Um ponto que a Xiaomi melhorou bastante foi a ultra-wide. Ela consegue registrar fotos detalhadas e com qualidade similar à principal. A distorção de lente diminui desde o Mi 9 e temos algo muito próximo da linha Galaxy. Porém, à noite ainda sofre com fotos escuras, há perda de nitidez, as cores saem distorcidas e o pós-processamento fica muito agressivo na tentativa de evitar ruídos. A principal registra até boas fotos em locais mais escuros, mas fica atrás da concorrência, e seu modo noturno não ajuda tanto.

Principal | Ultra-wide




A câmera macro permite chegar muito próximo do que deseja fotografar e mesmo com apenas 2 MP registra bom nível de detalhes e cores mais precisas que rivais. A câmera de profundidade às vezes erra na separação de planos, mas em locais mais escuros entrega foto mais limpa que Galaxy e iPhone.

Macro



Retrato



Mi 10 não possui câmera teleobjetiva e seu zoom tem baixa qualidade. Por mais que você use zoom digital de apenas 2x já notará uma queda acentuada na nitidez e cores. Fotografar o que está distante é complicado, as fotos ficam com qualidade de celular de entrada.

O grande ponto forte do Mi 10 são as selfies. Em nosso comparativo vimos qualidade similar ao iPhone 11 Pro Max, que sempre se destacou com sua câmera frontal. Porém à noite o top da Xiaomi registra fotos mais claras e limpas.

Selfie



A filmadora do Mi 10 grava em 8K a 30 fps e entrega fluidez superior à linha S20 que está limitada a 24 fps. Ele tem foco ágil e controla bastante os tremidos. Porém é em capturas noturnas que mais se destaca com vídeos claros com qualidade superior aos top de linha da concorrência. A captura de áudio melhorou bastante desde o Mi 9 e chega próximo do que temos nos Galaxy.

Bateria

O maior salto entre as duas gerações fica para a bateria. Xiaomi aumentou a capacidade em quase 1.500 mAh e isso garantiu um ganho de 55% na autonomia seguindo o nosso teste padronizado. Agora você pode passar o dia todo fora de casa sem se preocupar em ficar sem celular. É possível recarregar o M10 a cada dois dias? Em uso leve será possível.


E por falar em recarga o tempo de espera para fazer o aparelho ir de 0 a 100% caiu, demorando pouco mais de 1h. O carregador mais potente também consegue entregar mais da metade da bateria com apenas 30 minutos de carga. Ou seja, a bateria do Mi 10 rende bem e ainda recarrega rápido.

Software

Mi 10 sai da caixa com Android 10 e MIUI 11 e já recebeu atualização para a MIUI 12. Ao pagar mais caro pelo flagship chinês você leva algum recurso extra que não encontra nos mais baratos? Na verdade, não. Aqui terá o Mi Remote para usar o celular como controle remoto e o Game Turbo que oferece algumas ferramentas para aprimorar a jogatina e até medir a taxa de fps.

O que notamos é que Xiaomi capricha mais na otimização e temos um sistema que flui melhor e não fica matando processos em segundo plano como acontece com o Poco F2 Pro.

Rivais

O Mi 10 não é vendido oficialmente no Brasil e caso você decida importá-lo terá que pagar quase R$ 4 mil e ainda se arriscar com impostos. Vale a pena? Esse é basicamente o preço que encontramos no Galaxy Note 10 Plus. O top da Samsung é do ano passado, mas tem melhor desempenho e câmeras superiores. Apesar de a bateria não render tanto quanto a do Mi 10, entrega autonomia para o dia todo.

Quer algo mais atual? O S20 Plus também é encontrado nessa faixa de preço e traz tela de 120 Hz que permite maior fluidez em alguns jogos rodando a 120 fps. O desempenho geral é um pouco mais lento e a bateria também rende menos, mas em câmeras não fica atrás do Mi 10.

Achou o Mi 10 muito caro? Xiaomi também possui um flagship com Snapdragon 865 e preço mais acessível, o Poco F2 Pro. Apesar do hardware similar ele foi mais lento em nossos testes devido ao gerenciamento de RAM problemático. Sua bateria dura ainda mais e consegue registrar ótimas fotos. Você economiza em média R$ 1 mil e leva um celular quase tão bom.

Pontos fortes e fracos

Pontos fortes

  • Excelente tela AMOLED
  • Bom desempenho
  • Ótimas câmeras
  • Filmadora noturna
  • Autonomia e tempo de recarga

Pontos fracos

  • Câmera ultra-wide à noite
  • Faltou tela de 120 Hz
  • Zoom de baixa qualidade
  • Faltou IP68
Avaliao final do Tudocelular
Custo - benefcio

Mi 10 no mantm mesmo bom custo-benefcio do seu antecessor e talvez seja melhor ir de algum rival nacional

Embalagem e caractersticas

Embalagem elegante traz quase tudo que voc precisa, incluindo capinha de proteo, mas faltou um fone de ouvido

Comodidade

O Mi 10 um celular grande e cheio de curvas que comprometem a ergonomia

Facilidade de uso

a mesma MIUI presente em outros celulares da marca com seus prs e contras

Multimdia

Mi 10 tem excelente tela com brilho muito alto e som estreo

Votao Geral

Mi 10 um celular bacana que custa caro ser importado, s faltou IP68 para ficar completo

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Xiaomi Mi 10

Aviso de preo
Deixe-nos o seu e-mail e iremos notific-lo quando este produto estar disponvel online