LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Mais um da família Home? Google registra terceiro dispositivo misterioso no FCC

31 de maio de 2019 0

Google teve um mês de maio bem movimentado levando em conta a IO19 e todos os registros que levam a assinatura da marca aparecendo na base de dados da Comissão Federal de Comunicações dos Estados Unidos (FCC).

Conhecemos o Nest Hub Max, um novo e misterioso dispositivo Bluetooth, e agora um terceiro produto foi aprovado na FCC, na família do Google Home.

O novo dispositivo tem o código de produto A4R-H2B. Todos os modelos anteriores do Google levam o prefixo A4R-H, e com base nesta questão acreditamos que o modelo também faz parte do portfólio do Home. Em uma visão geral temos os códigos:

  • Google Home: H0ME
  • Home mini: H0A
  • Home Max: H0B
  • Google Home Hub (atualmente conhecido como Nest Hub): H1A
  • Nest Hub Max: H2A

Além do nome do produto, a informação ainda é bem vaga. A descrição aponta para um “dispositivo de mídia”, que é semelhante ao conceito do Home/mini/Max, e não há menção de “vídeo interativo”, como nas listagens dos dois Hubs. No entanto, as bandas suportadas são bem semelhantes ao novo Hub Max: há Bluetooth, Wi-Fi de banda dupla (com menos variantes do que a linha inicial original) e Thread.

Isso poderia ser uma nova versão do Hub Max, mas a falta do “vídeo interativo” em sua descrição nos deixa um pouco duvidosos dessa hipótese.

A teoria mais provável, é que seria uma continuação do Home ou Home mini, com as mesmas bandas que o novo Hub Max para uma geração mais uniforme.

Também poderia ser um dispositivo totalmente reformulado. O cronograma de confidencialidade do FCC está definido para 27 de novembro de 2019, então provavelmente veremos esse novo produto apenas no final deste ano.

Após um estudo minucioso na documentação, é possível encontrar detalhes sobre uma bateria Li-ion de 3,8V para alimentação, algo que nenhum outro dispositivo doméstico inclui.


Isso muda significativamente as teorias. Tudo bem que ainda poderia ser um alto-falante portátil com uma bateria embutida.

Também é possível que, após a fusão da marca Home e Nest, este seja um produto da linha Nest, embora isso seja condizente com um dispositivo de mídia da marca, além de que exigir Bluetooth, Wi-Fi e Thread esteja um pouco além de sua capacidade.

Estamos no aguardo de uma nota formal do Google a respeito deste novo dispositivo e para qual segmento ele será direcionado.


0

Comentários

Mais um da família Home? Google registra terceiro dispositivo misterioso no FCC
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 59.594 mortes em 1.402.041 casos confirmados | Relatório diário

Google

Nearby Share: "AirDrop do Google" começa a chegar aos usuários Android em versão beta

Apple

Agora tem widgets? iOS 14 e todas as suas novidades | Hands-on em vídeo

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Junho 2020