LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Melhor celular para importar por menos de R$ 500 | Outubro 2019

09 de outubro de 2019 163

Destaque de cada celular:
  1. Xiaomi Redmi 7A - O melhor para jogos
  2. Oppo Realme C2 - Boa opção para selfies
  3. Umidigi A5 Pro - Câmera tripla
  4. Ulefone Armor X3 - Resistência à água
  5. Cubot X19 - Muito armazenamento

Busca por celular em outra faixa de preço?

Se você não está interessado nos modelos de smartphones disponíveis no mercado nacional, encontrará aqui boas opções para pagar pouco e ter um aparelho com qualidade e desempenho superior que muitos de marcas famosas no Brasil.

É cada vez mais comum a busca por celulares importados, já que normalmente oferecem uma melhor experiência cobrando menos. Neste guia você encontrará boas opções de entrada por até R$ 500 para usar com tarefas básicas como WhatsApp e Facebook, mas sem passar raiva com celulares lentos e que travam a todo tempo.

O nosso guia reúne ofertas de lojas parceiras como GearBest e Banggood, mas também incluímos ofertas de varejistas nacionais, caso você não queira esperar várias semanas para receber o aparelho. Tenha em mente, no entanto, que o preço encontrado no mercado nacional possa ficar acima da faixa de preço estipulado do nosso guia.

MELHOR CELULAR

Redmi 7A

Celulares baratos e bons para jogos é algo muito raro de encontrar. O Redmi 7A tem o poder da sua GPU como destaque. Ele não chega a rodar todos os jogos com fluidez impecável - e nenhum celular por menos de R$ 500 é capaz disso - mas de todos os que testamos ele foi o melhor para jogar.

Além disso, sua tela entrega boa reprodução de cores e brilho alto. O acabamento é de plástico, mas passa boa qualidade. A bateria dura muito, e chega a render mais de um dia de uso facilmente. Suas câmeras não se destacam, mas se você busca algo apenas para publicar fotos em redes sociais, ele dará conta do recado.

OUTRAS OPÇÕES

Oppo Realme C2

Se os 2 GB de RAM do Redmi 7A forem pouco para você, o Realme C2 pode ser encontrado em versão com 3 GB de memória custando um pouco a mais. Ele traz tela maior (com 6,1 polegadas) para quem achar os 5,45" do rival muito pouco. O hardware é da MediaTek e traz processador octa-core de alta velocidade, o que entrega desempenho similar ao Redmi.

A diferença fica na câmera. Por ter um sensor secundário dedicado a medir a profundidade dos cenários, os resultados em fotos com modo retrato são melhores. A bateria do C2 também é de 4.000 mAh, então espere por autonomia similar.

Umidigi A5 Pro

Se você busca uma alternativa ao Redmi 7A com maior quantidade de RAM e mais câmera, o A5 Pro da Umidigi oferece 4 GB de memória para manter vários apps abertos ao mesmo tempo. Ele traz conjunto triplo de câmeras, sendo a secundária uma lente ultra-wide de 120 graus e a terciária responsável pelo desfoque de cenários.

Sua bateria de 4.150 mAh dará conta de entregar um dia inteiro de uso, mesmo que o chipset Helio P23 da MediaTek não seja tão econômico. Ele adota entalhe de gota para ter bordas mais finas, o que faz ser um celular compacto com tela grande.

Ulefone Armor X3

Vivemos em um mundo em que celulares estão cada vez mais frágeis, mas algumas fabricantes ainda apostam em modelos robustos com alta resistência a quedas. Este é o caso do Armor X3 da Ulefone, que traz certificação IP68 e corpo de metal com policarbonato reforçado.

Ele entrega tela ampla e processador potente para uma boa experiência com Android 9, mas o grande destaque fica para sua generosa bateria de 5.000 mAh, que entrega melhor autonomia que muito celular de entrada. As câmeras dão conta do recado, mas não espere muito do conjunto.

Cubot X19

32 GB de armazenamento já não é mais suficiente para você? O X19 da Cubot traz 64 GB de armazenamento para instalar muitos apps e jogos. Assim como o A5 Pro da Umidigi, este também traz 4 GB de RAM, o que é suficiente para os usuários mais avançados que usam vários aplicativos ao mesmo tempo.

Seu design é mais clássico, ao fugir das bordas com entalhe. Pelo menos o aproveitamento frontal é superior ao do Redmi 7A. O chipset também é o mesmo Helio P23 usado pela Umidigi. Ele entrega desempenho suficiente para rodar qualquer aplicativo do Android sem dificuldade. Fechando o pacote temos câmera dupla e bateria de 4.000 mAh.


163

Comentários

Melhor celular para importar por menos de R$ 500 | Outubro 2019

OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até setembro de 2019