LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Ficou interessado? Xiaomi começa as vendas do Redmi Note 5 e Note 5 Pro com preços baixíssimos

22 de fevereiro de 2018 30

A Xiaomi lançou recentemente os seus novos smartphones Redmi Note 5 e Redmi Note 5 Pro como sendo dois aparelhos com boas especificações técnicas e contando com preços muito baixos.

No entanto, o que chamou a atenção foi a versão Pro do dispositivo que foi claramente inspirada no visual do iPhone X, sendo que ambos passaram recentemente por um comparativo de câmeras.

Agora, depois de alguns dias de espera, a Xiaomi finalmente começou a vender os dispositivos na Índia, um mercado considerado crucial para a empresa.


Com preços que agradam o bolso de qualquer consumidor, os aparelhos já podem ser encontrados no site oficial da empresa, assim como em lojas de varejo.

Confira os valores cobrados pelo Redmi Note 5 e Redmi Note 5 Pro:

Modelo Preço na Índia Preço convertido
Redmi Note 5 (3 GB + 32 GB) INR 9.999 R$ 503
Redmi Note 5 (4 GB + 64 GB) INR 11.999 R$ 605
Redmi Note 5 Pro (4 GB + 64 GB) INR 13.999 R$ 704
Redmi Note 5 Pro (6 GB + 64 GB) INR 16.999 R$ 855

Todos os valores acima estão em conversão direta e não consideram os impostos brasileiros, mas podemos ver o quanto os aparelhos possuem preços realmente muito competitivos.

Isso faz parte da estratégia da fabricante chinesa que foi defendida pelo seu vice-presidente nesta semana. Caso você não se lembre, essas são as especificações técnicas dos aparelhos:

Xiaomi Redmi Note 5
  • Tela IPS LCD de 5,99 polegadas
  • Resolução Full HD+ (2160 x 1080 pixels) com proporção 18:9
  • 3 GB ou 4 GB de RAM
  • 32 GB ou 64 GB de memória para o armazenamento interno
  • Entrada para cartão microSD
  • Chipset Qualcomm Snapdragon 625
  • Processador de oito núcleos Kryo 280 rodando em até 2,0 GHz
  • Qualcomm Adreno 506 como placa gráfica
  • Câmera principal de 12 MP (abertura de f/2.2 e pixels de 1.25 µm)
  • Câmera frontal de 5 MP (Smart Beauty 5.0 e gravação Full HD a 30 fps)
  • Leitor de impressões digitais na parte de trás
  • Dual SIM híbrido, porta microUSB e entrada padrão de fones de ouvido (P2)
  • Conectividade 4G LTE, Wi-Fi 802.11 b/g/n, GPS e Bluetooth 4.2
  • Dimensões de 158,8 x 75,45 x 8,05 milímetros e peso de 179,5 gramas
  • Bateria de 4.000 mAh
  • Android 7.1 Nougat sob a interface Xiaomi MIUI 9 como sistema operacional

Xiaomi Redmi Note 5 Pro
  • Tela IPS LCD de 5,99 polegadas
  • Resolução Full HD+ (2160 x 1080 pixels) com proporção 18:9
  • 4 GB ou 6 GB de RAM
  • 64 GB de memória para o armazenamento interno
  • Entrada para cartão microSD
  • Chipset Qualcomm Snapdragon 636
  • Processador de oito núcleos Kryo 260 rodando em até 1,8 GHz
  • Qualcomm Adreno 509 como placa gráfica
  • Câmera principal dupla de 12 MP (f/2.2, 1.25 μm) + 5 MP (f/2.0, 1.12 μm)
  • Câmera frontal de 20 MP (Smart Beauty 5.0 e gravação Full HD a 30 fps)
  • Leitor facial (frente) e de impressões digitais (traseira)
  • Dual SIM híbrido, porta microUSB e entrada padrão de fones de ouvido (P2)
  • Conectividade 4G LTE, Wi-Fi 802.11 b/g/n, GPS e Bluetooth 4.2
  • Dimensões de 158,8 x 75,4 x 8,1 milímetros e peso de 181 gramas
  • Bateria de 4.000 mAh
  • Android 7.1 Nougat sob a interface Xiaomi MIUI 9 como sistema operacional

Por enquanto, a Xiaomi ainda não se manifestou sobre a disponibilidade dos aparelhos em outros mercados. Desta forma, resta aguardar o posicionamento oficial da empresa.

Vale lembrar que a companhia não opera mais oficialmente no Brasil. Com isso, quem estiver interessado em adquirir um deles, será obrigado a recorrer a importação.

O Xiaomi Redmi Note 5 Al Dual Camera ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.

30

Comentários

Ficou interessado? Xiaomi começa as vendas do Redmi Note 5 e Note 5 Pro com preços baixíssimos
  • Isso mesmo, comprei mesmo assim quero ver o que vai chegar, ainda tava na pré venda, me enviaram dia 15/05

      • onde compro o 5 pro global ? na gearbest eles estao doido falando que é note 5 mas sabendo que a especificação é do Pro e a frontal ta menor 13 mp sabendo que o pro é 20 mp , to muito perdido , e ainda é pré venda ...

          • Ele funcionará no Brasil ? Não encontrei informações a respeito da compatibilidade deste com as redes 4g nacionais

              • Legal mesmo é essa Mi Band 2 na traseira do celular!

                  • Shoptime, Mercado Livre, Walmart, Americanas, todos vendem...

                    • Aonde que esses preços são "baíxissimos" na Índia ?? Vcs fizeram um
                      estudo de mercado local, para tal afirmação? Vcs sabem como funciona o
                      salário mínimo na Índia? Aliás, ossssss saláriossssss mínimosssss na
                      Índia variam enormemente de região para região. Dos quase 460 milhões de
                      trabalhadores indianos, entre 395 e 422 milhões deles trabalham fora das regulamentações formais.
                      Ao todo, há seis regiões com salários mínimos diferentes no país. O
                      mais
                      alto deles é o pago na região de Delhi. Por lá, o valor pago é de 423
                      rúpias por dia de trabalho. Isso equivale a cerca de 6,35 dólares. Já
                      o salário mais baixo do país é pago em Bihar, com 160 rúpias %u2013 o
                      equivalente a cerca de 2,40 dólares diários. Portanto INR 9.999 (rúpias)
                      é inacessível para quase toda a população trabalhadora pobre indiana. E
                      pior, fazer a conversão simples e pura para REAIS é ilusório. O Indiano
                      recebe em média um salário mínimo de US$ 135,00 dólares por mês, e o
                      Note 5 custa U$S 154 dólares e o Note 5 Pro (6/64) custa U$S 262
                      dólares. Portanto, é acessível a classe dos mais Abastados e longe dos
                      pobres e escravizados trabalhadores Indianos.

                      • Seria perfeito as vendas desses aparelhos no Brasil, apenas um grande sonho esses valores.

                          • Previsão de quando as lojas começam exportar pro Brasil ?

                              • Verdade..... Erro meu.... Vlw.

                                  • Redmi Note 5 Pro é mais potente e mais barato (mesmo com importação) do que os rumores do Moto G6 Plus.

                                      • Se chegassem ao brasil por estes preços, seria a falência de toda a concorrência!

                                        • Qual site que faz entrega aqui no Brasil?

                                            • O pro tem um ótimo hardware, dependendo do preço vou optar por ele ao invés do Redmi 5 plus (quando estiver disponível a pronta entrega no mercado livre). Só que essa câmera não ornou com a traseira do aparelho, parece que foi colada com super binder, seria melhor se estivesse na horizontal como em outros modelos da marca.

                                                • Pra ficar perfeito só faltou Android Puro. Tomara que lancem uma cópia dele como projeto do Android One igual fizeram com o Mi 5X virando Mi A1

                                                    • Aguardando lançarem o modelo com banda 4G para o brasil

                                                        • Cezarasc 4g para o Brasil já tem e faz tempo, dei um pra minha filha MI5 de 2016 e tenho o Mi Note 2 todos atendem 4g e, recebi o sinal muito bem da vivo de outras operadoras não sei eu e minhas filhas usamos da vivo e estou esperando um com reconhecimento digital na tela, vamos ver qual da Xiaomi vai ser o primeiro, quero muito comprar dessa marca, se não sair vou ter que apelar pra vivo x20 plus UD, que faz parte do grupo da OPPO, ela foi a primeira até agora no mercado, ou seja estão saindo na frente com uma tecnologia que muitos diziam que seria difícil pro momento e, ela, 0PPO foi lá e mandou ver é, isso que precisamos no mercado ousadia numa área futurista de implementos, é esse o paço que coloca qualquer empresa na frente das demais %uD83D%uDE0E %uD83D%uDC4D%u2757%u2757%uD83E%uDD11

                                                        • Essa traseira e horrível parece Cel de empresa pequena
                                                          xiaomi tem que aprender com a ZTE , Huawei no quesito design

                                                            • E o mais incrível é que a própria Xiaomi já fez um smartphone intermediário com uma traseira linda e agora regrediu com o Redmi note 5 Pro, era só usar a traseira igual a do MIA1 que é linda e deixar a frente do jeito que está mesmo que ele seria lindo, essas linhas para antena "cortando" o aparelho em cima e em baixo parecendo uma "tampa" matam o design do aparelho.

                                                              • Até concordo com vc, mas depois que eu coloco uma capa de proteção, já nem olho mais para a traseira do celular

                                                              OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

                                                              Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

                                                              Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

                                                              Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até junho