LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

MIUI 9 com Android Nougat trouxe boa autonomia de bateria para o Mi Mix

22 de março de 2018 5

O Mi Mix foi atualizado recentemente para a MIUI 9, trazendo o Android Nougat para o aparelho. O TudoCelular já analisou o desempenho e o que foi constatado é que o antigo flagship chinês acabou ficando mais lento com a nova versão do robozinho. Agora queremos saber se a autonomia de bateria também foi comprometida na MIUI 9.

Conferimos a autonomia do aparelho anteriormente, em teste realizado com a MIUI 8 e Android Marshmallow. Mas antes de partimos para os resultados iniciais do nosso novo teste de bateria, vamos relembrar as especificações do Mi Mix. Ele conta com generosa bateria de 4.400 mAh, responsável por alimentar o chipset Snapdragon 821 e sua larga tela de 6,4 polegadas FHD+.

Colocamos o Mi Mix totalmente descarregado na tomada para ver quanto tempo leva para recarregá-lo. Após 30 minutos foi recuperada 28% da carga, chegando a 57% com 1 hora. Para completar totalmente a carga da bateria foi necessário esperar 2 horas e 10 minutos.


Com uma carga completa foi possível assistir 13h48 de vídeos ou gravar 6h45 em Full HD. Em chamadas conseguimos realizar ligações em rede 4G por 18h50 ou videochamadas no Skype por 5h33. Para os viciados em jogos, o Mi Mix chegou a render 5h40 de jogatina.

Comparando com nosso teste anterior vimos praticamente a mesma autonomia. Houve um ganho em chamadas e gravação de vídeos, mas teve uma pequena queda na autonomia com o Skype. E em um teste mais prático, veremos um ganho ou perda de bateria?

A segunda parte do nosso teste consiste em simular um uso mais real, usando o aparelho o dia inteiro com vários apps e jogos. Em nossos testes seguimos a metodologia abaixo, usando o smartphone com as configurações padrão de fábrica e com o brilho de tela regulado em 200 lux (usando um luxímetro).

  • 6 minutos de navegação no site do Tudo Celular usando o Chrome, vídeos no YouTube, vídeo no MX Player, streaming no Spotify, músicas no PowerAMP, WhatsApp e jogos;
  • 4 minutos de chamadas;
  • 2 minutos de Facebook, Gmail e Google Maps.
Resultados

Foram necessárias 2 hora e 10 minutos para o carregador da Xiaomi preencher totalmente a bateria de 4.440 mAh. Após 30 minutos foi recuperada 28% da carga, chegando a 57% com 1 hora

  • Após 17 horas e 49 minutos, o Mi Mix teve a sua bateria completamente esgotada.
  • O smartphone completou um total de 8 horas e 47 minutos com a tela ligada durante o teste.
  • Realizamos 12 ciclos completos de testes, que incluíram:
    • 72 minutos de navegação no Chrome;
    • 360 minutos de WhatsApp, Spotify, PowerAmp (música offline), MX Player (vídeo) e YouTube (72 minutos cada);
    • 72 minutos de jogos (Pokémon Go, Subway Surfers, Candy Crush, Modern Combat 5, Injustice e Asphalt 8);
    • 72 minutos de Facebook, Gmail e Google Maps (24 minutos cada);
    • 48 minutos de chamadas de voz conectado às redes móveis;
  • A bateria apresentou média de 35ºC durante o teste.
  • Os aplicativos que mais consumiram a bateria foram: Chrome, Youtube e Spotify.
  • O que menos consumiu foi o MXPlayer.
Conclusão

O Mi Mix havia apresentando uma autonomia mediana em nosso teste anterior com MIUI 8 e Android Marshmallow. Com a atualização para o Android Nougat com a MIUI 9, vimos que o smartphone da Xiaomi ficou um pouco mais lento, mas por outro lado teve um ganho considerável na autonomia de bateria.

Ele chegou a render quase 3 horas a mais de uso com 1 hora e meia a mais de tela ligada. Realmente é interessante ver o que uma boa otimização no software é capaz de fazer. De qualquer forma, se considerarmos que o modelo conta com generosa bateria de 4.400 mAh, era esperado ver uma autonomia maior. Sem dúvidas a gigante tela de 6,4 polegadas é o grande vilão no consumo aqui.

Como importar

A GearBest cedeu o smartphone utilizado no vídeo e você pode encontrar Mi Mix (com 6 GB de RAM e 256 GB para armazenamento) por US$ 656 (~R$ 2.200 - cotação do dia 22/03), sem considerar taxas de importação. E se você ainda não sabe como importar, basta conferir nosso passo a passo em uma pauta especial, lembrando que você pode parcelar a compra.

Transmissão encerrada!

22/3/2018 - 15.58

Atualizaremos a matéria com todos os dados apurados em nosso teste. Agradecemos a todos que acompanharam mais este teste de bateria com o TudoCelular. E até a próxima! o/

22/3/2018 - 15.57

E o Mi Mix finalmente descarrega no final do 12º ciclo em nosso teste de bateria. O aparelho rendeu 2 ciclos a mais do que em nosso teste anterior com MIUI 8 e Android Marshmallow. Pelo visto as mudanças feitas no software pela Xiaomi acabaram implicando em um sistema um pouco mais lento, porém mais eficiente.

22/3/2018 - 15.04

Iniciamos a última rodada com 9% de bateria restante.

22/3/2018 - 14.30

Deixaremos o Mi Mix parado por 30 minutos antes de encararmos o 12º, e possivelmente último, ciclo em nosso teste de bateria.

22/3/2018 - 14.28

11 ciclos completos, até o momento. O Mi Mix entra na reta final com 10% restante de bateria. Pelo visto será possível executar apenas mais uma rodada em nosso teste. Mas já fica claro que a autonomia do flagship da Xiaomi melhorou com a MIUI 9. 

22/3/2018 - 13.30

Iniciamos o 11º ciclo com os mesmos 19% de antes. Será que o Mi Mix aguenta mais duas rodadas?

22/3/2018 - 12.57

O Mi Mix emitiu o primeiro alerta de bateria fraca ao chegar aos 19%, oferecendo ativar o modo economia de energia. No entanto, continuaremos usando o smartphone sem ativar este modo.

22/3/2018 - 12.56

E aqui estamos com 10 ciclos completos em nosso teste de bateria com o Mi Mix. Chegamos a 15h de teste com mais de 7 horas de tela ligada. Entre os jogos, o maior vilão de bateria é o Modern Combat 5, como visto em nossos testes preliminares. Ele apresenta uma instabilidade maior no Mi Mix do que em outros smartphones com Snapdragon 821. 

22/3/2018 - 12.04

Mi Mix perdeu 2% de bateria no último intervalo. Daremos início ao 10º ciclo com 26% restante.

22/3/2018 - 11.30

Deixaremos o Mi Mix parado por 30 minutos e então retornamos para o décimo ciclo.

22/3/2018 - 11.28

Chegamos a mais um final de ciclo com o Mi Mix. Agora temos 28% sobrando em 9 rodadas. Pelo visto ainda será possível realizar mais 3 ciclos até torrar totalmente a bateria do aparelho. Estamos com 13h de teste e chegando a 7h de tela ligada. Pelo que ficou claro até aqui, a MIUI 9 fez bem à autonomia do aparelho. Pelo visto, será possível alcançar 2 ciclos a mais desta vez. 

22/3/2018 - 10.27

Navegar na gigante tela de 6,4 polegadas do Mi Mix chega a ser prazeroso. Pena que o Chrome apresente um consumo muito alto aqui. 

22/3/2018 - 10.12

Após mais um intervalo voltaremos com o nono ciclo em nosso teste.

22/3/2018 - 10.02

Oitavo ciclo encerrado em nosso teste de bateria com o Mi Mix. Seguimos com 36% restante, o que fica claro que será possível passar de 10 ciclos completos. O Chrome segue no topo na lista de consumo, seguido do YouTube e Spotify.

22/3/2018 - 08.41

Iniciamos o ciclo de número 8 com 44% de bateria.

22/3/2018 - 08.07

Deixaremos o smartphone parado por 30 minutos antes de partimos para o oitavo ciclo.

22/3/2018 - 08.05

Chegou ao final do ciclo de número 7 com 45% de bateria restante. Até o momento temos 9h no total com 4h35 de tela ligada. Comparando com nosso teste anterior, o Mi Mix encerrou o sétimo ciclo com 39% de bateria. 

22/3/2018 - 06.57

Estamos de volta para terminar o teste de bateria com o Mi Mix. O aparelho foi desligado ontem e continuaremos de onde paramos dando início ao sétimo ciclo.

21/3/2018 - 18.57

Devido a problemas técnicos de força maior, o teste do Mi Mix foi interrompido. Daremos continuidade amanhã a partir do mesmo horário.

21/3/2018 - 15.17

Chegamos ao final do sexto ciclo com 55% de bateria. De acordo com estimativa do GSam Battery, ainda será possível usar o Mi Mix por mais 14h! Será? 

21/3/2018 - 14.17

Mi Mix segue com 64% de bateria. Daremos início ao sexto ciclo em nosso teste.

21/3/2018 - 13.53

E antes de partimos para o sexto ciclo, deixaremos o Mi Mix parado por 30 minutos.

21/3/2018 - 13.50

Quinto ciclo encerrado com 64%. Parece que a MIUI 9 fez bem à autonomia do aparelho, que, até o momento, vem superando o nosso teste anterior com MIUI 8. Temos quase 7h de teste com 3h30 de tela ligada. Acima você confere um gráfico do GSam Battery que mostra o uso do aparelho. 

21/3/2018 - 13.35

Injustice é um dos vários jogos travados a 30 fps no Android. Aqui no Mi Mix é possível jogá-lo por 6h - um tempo bom. 

21/3/2018 - 12.51

Mi Mix não perdeu bateria em seu último intervalo. Desta forma, seguimos com os mesmos 71% de antes. E partimos para o quinto ciclo.

21/3/2018 - 12.26

Após mais um intervalo de 30 minutos daremos início ao quinto ciclo.

21/3/2018 - 12.22

Quarto ciclo encerrado com 71% de bateria sobrando. O consumo vem demonstrando ser um pouco melhor do que em nosso teste anterior com a MIUI 8. A diferença é pouca, no entanto, mas qualquer ganho será bem-vindo. 

21/3/2018 - 11.25

Voltamos de mais um intervalo. O Mi Mix segue com os mesmos 78% de antes.

21/3/2018 - 10.59

Chegamos ao final do terceiro ciclo em nosso teste de bateria. Até o momento temos quase 4h de uso com pouco mais de 2h de tela ligada. O smartphone da Xiaomi segue bravamente com 78% de carga restante, o que mostra que ele renderá bem até o final do dia. A bateria mantém média de 35°C, o que é muito bom. O sinal da Claro vem oscilando um pouco, mas nada grave. 

21/3/2018 - 10.44

Modern Combat 5 roda com média de 34 fps no Mi Mix. É um desempenho inferior ao que vimos em outros smartphones com Snapdragon 821. Além disso, o consumo também é alto no aparelho da Xiaomi, rendendo apenas 5h de jogatina. 

21/3/2018 - 10.01

Mi Mix perdeu 1% novamente no segundo intervalo. Daremos início ao terceiro ciclo em nosso teste.

21/3/2018 - 09.32

Enquanto isso, deixaremos o Mi Mix parado por 30 minutos e voltaremos para o terceiro ciclo.

21/3/2018 - 09.31

Segundo ciclo encerrado com 86% de bateria restante. Até o momento, o maior vilão de bateria no Mi Mix é o Chrome, seguido do YouTube e Spotify. O gráfico acima mosta o uso de cada recurso do aparelho. Veremos se o consumo médio de 7% por ciclo será mantido até o final do nosso teste. 

21/3/2018 - 09.14

O jogo Asphalt 8 roda bem no Mi Mix, rendendo 6h17 de jogatina com uma carga de bateria. É um tempo muito bom comparado a outros flagships. 

21/3/2018 - 08.31

Voltamos para a segunda rodada. O Mi Mix perdeu 1% no seu primeiro intervalo. Veremos se o consumo médio de 6% será mantido.

21/3/2018 - 08.04

Chegamos ao final do primeiro ciclo com 94% de bateria sobrando no Mi Mix. No aplicativo GSam Battery é listado que o Modern Combat 5 é o maior vilão no consumo, mas é bom lembrar que o aplicativo não funciona corretamente no Nougat. 

21/3/2018 - 07.00

Mi Mix fora da tomada. Iniciando o nosso teste de bateria.

21/3/2018 - 06.56

Bateria totalmente recarregada. Estamos prontos para dar início ao nosso teste.

21/3/2018 - 06.55
21/3/2018 - 06.49

Bom dia, galera! Animados com o teste do Mi Mix? Será que a bateria renderá mais no Nougat do que no Marshmallow? É isso que veremos hoje.

O Xiaomi Mi Mix ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.

5

Comentários

MIUI 9 com Android Nougat trouxe boa autonomia de bateria para o Mi Mix

OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até junho