LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Facebook cria regras que proíbem postagens com conversas explícitas sobre sexo, fetiches e mais

10 de dezembro de 2018 3

Tentando manter o ambiente on-line mais seguro para seus usuários, o Facebook – recentemente acusado de tentar obter dados de usuários sem sua devida permissão – acaba de criar um novo conjunto de regras.

Chamadas de "abordagem sexual", elas visam limitar as publicações de conteúdo explícito na plataforma, ao mesmo tempo que tentam impedir que a rede social seja usada para veiculação de serviços sexuais.

A nova seção proíbe, por exemplo, publicações com conversas explícitas sobre sexo, que incluam, dicas sexuais, posições e fetiches, gírias e atividades explícitas – inclusive as manifestações artísticas de cunho sexual.

A partir de agora fica proibido também usar a rede social para "buscar diversão adulta" utilizando as comunidades, sistema de eventos, e grupos.

Empresas ou pessoas que ofereçam massagens eróticas ou danças, também não poderão divulgar seus serviços utilizando esses canais.

Com essas iniciativas o Facebook deve reforçar diversas outras regras já existentes, que incluem a publicação de vídeos ou fotos com conteúdo explícito e solicitação ou divulgação de pornografia comercial entre seus usuários.

Nesse momento, apenas falar sobre isso pode fazer com que um usuário seja suspenso ou até mesmo banido.

A decisão foi bastante criticada por alguns usuários, especialmente porque as regras também acabariam se estendendo para diversos outros produtos do Facebook como, por exemplo, o Messenger – em tese, usuários também estariam proibidos de falar sobre sexo ou divulgar serviços relacionados a ele em conversas privadas.

Felizmente, conversas fechadas no Messenger não estão sujeitas às novas regras – a não ser que o bate papo seja denunciado à moderação.

Por mais "duras" (sem trocadilhos, por favor) que as regras possam parecer, elas foram desenvolvidas após extensivas conversas com revisores de conteúdo, que exigiram regras mais claras quanto à oferta de serviços sexuais na plataforma.

O Facebook continua com o intuito de permitir que as pessoas se expressem e falem sobre si, criando novas amizades e conexões relevantes – mas aparentemente, nem todos os assuntos serão tolerados.

Um motivo por trás da criação dessas regras também pode ser o conjunto de leis que Donald Trump assinou em abril, que visa penalizar sites que, na visão do governo, facilitem a prostituição.

Por causa dessas leis, sites como o Reddit e Craigslist acabaram banindo seções dedicadas a sexo e oferta de serviços relacionados em suas plataformas.

A pergunta que não quer calar agora é: como ficarão as letras de funk e publicações sobre eventos como, por exemplo, o Carnaval – que exaltam explicitamente a sexualidade? Você concorda com as novas regras do Facebook? Compartilhe sua opinião no espaço abaixo.


3

Comentários

Facebook cria regras que proíbem postagens com conversas explícitas sobre sexo, fetiches e mais

OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até junho