LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Melhor celular da Xiaomi para comprar | Guia do TudoCelular

07 de fevereiro de 2021 87

Destaque de cada celular
  1. Mi 10 Ultra - Melhor top de linha para importar
  2. Mi 10 - Top de linha equilibrado
  3. Poco F2 Pro - Para quem foge de entalhes
  4. Mi Note 10 Lite - Grande foco nas câmeras
  5. Mi 10 Lite - Pegada de top com preço de intermediário
  6. Poco X3 NFC - Melhor para jogos
  7. Redmi Note 9 Pro - Conjunto potente sem custar caro
  8. Redmi Note 9S - Bom intermediário acessível
  9. Redmi 9 - Básico com bom conjunto
  10. Redmi 8A - Baratinho bom de jogo

O TudoCelular vem preparando vários guias para te ajudar a escolher o seu próximo celular para comprar, além de outros eletrônicos interessantes. E se tem uma marca quem vem caindo no gosto dos brasileiros é a Xiaomi. Os seus smartphones vem conquistando o público por oferecer mais por um preço mais acessível.

A empresa voltou oficialmente ao país recentemente em parceira com a DL, e mesmo que você não faça questão de ter um produto com selo da Anatel e garantia nacional, também é possível encontrar vários modelos da linha Redmi e Mi no Brasil, além de ser fácil importar via GearBest ou Banggood. Quer um Xiaomi? Opções é que não faltam para você nesse guia.

Xiaomi segue o mesmo caminho da Samsung: quando você mesmo espera há um celular novo da marca no mercado. Diante de tantas opções da chinesa fica fácil se perder. Abaixo resumimos as principais características de cada um e porque você deve dar uma olhada mais atenta a este modelo.

Também incluímos o vídeo de cada análise, para que você possa conferir tudo do aparelho sem precisar sair por aí pesquisando ou lendo reviews pouco informativos. É um Xiaomi que deseja, então confira a nossa seleção com os melhores.

MELHOR CELULAR

Xiaomi Mi 10 Ultra

Achou que o Mi 10 era o mais top da Xiaomi? A chinesa ainda lançou uma versão especial comemorativa de 10 anos da marca. Chamado de Mi 10 Ultra, o poderoso aparelho precisa ser importado e acaba saindo por mais de R$ 6 mil. Vale a pena? Ele traz tela de alta qualidade com 120 Hz, som estéreo, desempenho ágil e as melhores câmeras que já vimos em um celular chinês.

Ele conseguiu superar os modelos mais avançados da Apple e Samsung em vários comparativos, especialmente em cenários mais escuros. A sua bateria dura o dia todo, mesmo no modo 120 Hz e sem falar que o tempo de recarga é impressionante, levando apenas 30 minutos para ir de 0 a 100%. Este é o celular que recarrega em menos tempo de todos que analisamos.

Um ponto negativo do Mi 10 Ultra é não ter versão glogal da ROM e com isso você fica sem os serviços do Google e suporte ao nosso idioma.

OUTRAS OPÇÕES

Redmi 8A

O Redmi 9A foi uma verdadeira decepção e até o elegemos como um dos piores celulares básicos de 2020. Se você está buscando um smartphone baratinho da Xiaomi, recomendamos a versão anterior por pouco menos de R$ 1 mil. Tudo bem, o Redmi 8A pode até estar um pouco mais caro atualmente, mas você terá um celular mais ágil e que entrega melhor desempenho em jogos. Trocar o hardware da Qualcomm pelo da MediaTek não fez bem ao modelo mais recente.

Ele só traz uma câmera, diferente de modelos recentes de outras marcas que apostam em conjunto até quádruplo. Pelo menos o único sensor não decepciona e registra boas fotos em locais bem iluminados. Sua bateria dura o dia todo, mas demora para recarregar. O que poderia ser melhor é a tela que tem brilho baixo. Se você usa muito celular na rua, então o Redmi 8A não vai te agradar.

Redmi 9

Passando um pouco dos R$ 1 mil, as coisas já começam a ficar interessantes. A Xiaomi investiu em tela com resolução superior no Redmi 9, mas também poderia ter resolvido o problema de brilho baixo. Pelo menos o desempenho foi turbinado graças ao chip muito mais potente e a maior quantidade de RAM. O Redmi 9 também é um bom celular para jogos e até mesmo o PUBG e Call of Duty rodaram com boa fluidez.

O conjunto de câmeras fica mais completo com uma lente ultra-wide, uma macro e uma câmera dedicada para desfoque de fundo. A câmera principal do Redmi 9 pode até não impressionar, mas também não decepciona. O destaque mesmo fica para a lente mais aberta que captura imagens mais amplas sem distorção e a frontal é capaz de registrar boas selfies. Só a bateria que poderia ser melhor, assim como o tempo de recarga.

7.2 Hardware
8.3 Custo Benefício

Redmi 9

Comparar Aviso de preço

Redmi Note 9S

Partindo para os intermediários temos o Redmi Note 9S. Aqui já temos um salto significativo na experiência geral, mas o preço também sobe consideravelmente. Se estiver interessado neste modelo da Xiaomi, terá que pagar quase R$ 1,5 mil por ele. O Note 9S resolve o problema de tela com brilho baixo visto nos modelos mais baratos e ainda traz suporte a HDR10 para tirar máximo proveito da Netflix.

Apesar do chip mais potente, não há diferença notável no desempenho comparado ao Redmi 9, pelo menos poderá jogar os games mais exigentes com gráfico no médio ou alto. As câmeras mostram um belo salto em detalhes e cores registradas, mas ainda sofrem em locais mais escuros por falta de um modo noturno eficiente. O foco automático da macro ajuda a chegar bem próximo do que deseja fotografar e a ultra-wide registra boas imagens. Enquanto bateria não é o forte do Redmi 9, aqui no Note 9S terá carga para mais de um dia.

7.1 Hardware
6.5 Custo Benefício

Redmi Note 9S

Comparar Aviso de preço

Redmi Note 9 Pro

Se quer sentir a agilidade de um verdadeiro intermediário nas suas mãos, então valerá a pena pagar um pouco a mais pelo Redmi Note 9 Pro, que pode ser encontrado atualmente por volta dos R$ 1,8 mil. Ter mais RAM ajuda bastante e com isso não vemos a MIUI encerrando os apps que deveriam ficar abertos em segundo plano. Se o Remi 9 e Note 9S são bons em jogos, o Note 9 Pro é ainda melhor e roda tudo na média dos 60 fps.

O Note 9 Pro também é um bom celular para tirar fotos e entrega qualidade próxima a do Note 9S, mas aqui finalmente temos um modo noturno eficiente para ajudar em cenários com luz precária. Sua bateria rende igual ao modelo mais barato, porém recarrega muito mais rápido. O Note 9 Pro passa pouco mais de 1h na tomada para ter a bateria cheia, enquanto tem muito top de linha bem mais caro que leva o dobro do tempo.

8.2 Hardware
7.4 Custo Benefício

Redmi Note 9 Pro

Comparar Aviso de preço

Poco X3 NFC

Quer o melhor intermediário para jogos? O Poco X3 NFC pode ser encontrado na faixa dos R$ 2 mil e se destaca por ter tela de 120 Hz, o que permite ir além dos 60 fps visto em jogos no Redmi Note 9 Pro. E a experiência gamer fica ainda melhor com o som estéreo, enquanto demais da Xiaomi contam com apenas um alto-falante.

O Poco X3 é rápido, roda qualquer jogo sem engasgo e sua bateria dura muito. O que poderia ser melhor é o conjunto fotográfico, mas este é sempre o ponto fraco de qualquer celular gamer. Isso não quer dizer que o X3 registra fotos ruins, mas há aparelhos bem melhores na sua faixa de preço. Pelo menos a frontal captura selfies mais nítidas e com melhores cores que os modelos da linha Redmi.

8.3 Hardware
8.1 Custo Benefício

Poco X3 NFC

Comparar Aviso de preço

Mi 10 Lite

Se você sentiu falta de conexão 5G ou painel AMOLED no Poco X3 NFC, então talvez se interesse pelo Mi 10 Lite por volta dos R$ 2,5 mil. Ele tem tela de apenas 60 Hz, mas entrega cores mais vibrantes e preto perfeito, além de amplo ângulo de visão. Ele não é tão ágil na execução com muitos apps, mas roda todos os jogos sem nenhum engasgo.

Um ponto que o Mi 10 Lite supera o Poco X3 é na qualidade fotográfica. Aqui terá imagens com cores mais vivas e baixo nível de ruído. Há modo noturno que funciona bem sem distorcer cores ou aumentar a quantidade de ruídos como acontece em outros intermediários da Xiaomi. A frontal manda bem em selfies e não sofre para registrar boas fotos mesmo em locais mais escuros. A bateria do Mi 10 Lite rende bem e recarrega rápido, não tanto quanto o X3 ou Redmi Note 9 Pro, mas está acima da média do segmento.

Mi Note 10 Lite

Outra alternativa no segmento de intermediários com tela AMOLED é o Mi Note 10 Lite. Você abrirá mão do 5G, mas em troca terá um celular mais ágil. Esse modelo da Xiaomi já tem uma pegada mais de top de linha com design caprichado e bordas curvas para melhor aproveitamento frontal. Tudo isso por valor em torno de R$ 3 mil.

Sua bateria está entre as melhores da marca e recarrega ainda mais rápido que os modelos citados anteriormente. Outro ponto que o Mi Note 10 Lite acerta é nas câmeras. Ele se destaca em cenários noturnos ao registrar fotos nítidas e com cores acertadas. A frontal poderia ser melhor, mas ainda registra ótimas selfies. Um ponto que decepciona no Mi Note 10 Lite é não ter som estéreo como em outros mais baratos.

Poco F2 Pro

Xiaomi já lançou diversos modelos com câmera frontal no estilo pop-up, mas vem abandonando isso recentemente e lançando cada vez mais aparelhos com furo na tela. Se você não curte recortes no painel e quer o melhor aproveitamento frontal possível, a melhor opção seria o Poco F2 Pro.

Ele pode ser encontrado no mercado nacional por valor próximo de R$ 4 mil e traz tudo o que se espera de um top de linha acessível. Há tela AMOLED com brilho superior aos demais citados e hardware avançado para desempenho exemplar. O problema é que a Xiaomi não dá a mesma atenção a todos e seu gerenciamento de RAM não funciona como deveria. Ele pode ter pegada de top de linha, mas suas câmeras estão mais próximas do que os intermediários da marca entregam. Pelo menos a bateria dura muito e recarrega rápido.

Mi 10

Chegamos ao Mi 10, o carro-chefe da Xiaomi no ano de 2020 e que pode ser encontrado por mais de R$ 5 mil. Aqui você terá design caprichado, tela de qualidade que até supera rivais da Samsung e Apple em brilho, som estéreo potente, desempenho exemplar e muita bateria que recarrega em praticamente 1 hora. É de se esperar que o Mi 10 traga tudo o que a Xiaomi tem de melhor a oferecer.

Ele também consegue superar os rivais em câmera? Depende do cenário. Xiaomi vem aprimorando as câmeras dos seus celulares top de linha a cada geração e o Mi 10 corrige problemas vistos na ultra-wide e modo noturno nos modelos anteriores e realmente chega perto do que temos nos iPhones e na linha Galaxy.

Conclusão

Xiaomi lançou muitos celulares bons em 2020 que nem precisamos ter que recorrer a modelos antigos para completar o nosso TOP 10. Quer dizer... teve o Redmi 8A que entrou no lugar do decepcionante Redmi 9A. Se busca um bom básico, o Redmi 9 é o mais indicado. Se quer o melhor intermediário, então o Poco X3 seria a escolha. E entre os avançados o Mi 10 Ultra é o melhor, mas precisa ser importado. O Mi 10 é encontrado no varejo nacional e também é uma excelente opção.


87

Comentários

Melhor celular da Xiaomi para comprar | Guia do TudoCelular

Galaxy Z Fold 2: dobrando melhor do que você esperava | Hands-on em vídeo

Moto G9 Plus vs Moto G8 Plus: uma nova geração realmente evolui? | Comparativo

Galaxy A20s vs A21s: vale trocar ou ir direto no mais novo? | Comparativo

Galaxy M31 vs LG K61: qual o melhor celular intermediário barato? | Comparativo