LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Redmi Note 8 recupera imagem da linha após problemas do antecessor | Teste de bateria oficial

18 de outubro de 2019 12

O Redmi Note 8 foi apresentado pela Xiaomi como uma versão muito diferente do que vimos no Redmi Note 7 lançado no início do ano, especialmente em design. Com acabamento mais refinado, o dispositivo lembra bastante o que tivemos na linha CC9, ou nos modelos Mi A3 e Mi 9 Lite como ficaram conhecidos no ocidente.

Contando com o equilibrado Snapdragon 665 em conjunto com 4.000 mAh, o aparelho promete ao menos um dia inteiro de uso mais intenso sem grandes problemas, podendo chegar a dois dias caso você não demande muito, o que superaria com boa folga a marca vista em seu antecessor.

Vale lembrar que o Redmi Note 7 alcançou "apenas" 13 ciclos em nosso teste prático de consumo, marca superada pelo Redmi Note 8 Pro e que espera-se que seja quebrada também pela versão base da nova geração.

Mais Notícias

Para confirmar isso, levamos o Redmi Note 8 ao nosso teste de bateria em tempo real, onde executamos vários apps, jogos e serviços populares em ciclos cronometrados até que a bateria do dispositivo se esgotasse por completo, com um tempo de standby entre cada ciclo para que pudéssemos conferir seu consumo em repouso.

Resultados

Após um dia de testes com o Redmi Note 8, chegamos aos seguintes resultados:

  • Foram necessárias 17 horas e 47 minutos para o dispositivo desligar.
  • A tela permaneceu ligada por 9 horas e 33 minutos.
  • Realizamos 12 ciclos completos de testes, incluindo:
    • 72 minutos de navegação no Chrome;
    • 360 minutos de WhatsApp, Spotify, PowerAmp, MX Player e YouTube (72 minutos cada);
    • 72 minutos de jogos (Pokémon Go, Subway Surfers, Candy Crush, Injustice, Modern Combat 5 e Asphalt 8);
    • 72 minutos de Facebook, Gmail e Google Maps (24 minutos cada);
    • 48 minutos de chamadas de voz via 3G/4G;
  • O app que mais consumiu foi o MX Player;
  • O app que menos consumiu foi o Injustice;
  • A temperatura ficou entre 28° e 37°C;
  • O consumo em standby ficou próximo a 2% por hora;
  • O aparelho precisou de 2 horas e 16 minutos para ter a bateria totalmente carregada com o carregador padrão de 10W que vem na caixa.
Conclusão

O Redmi Note 8 melhorou em termos de autonomia se comparado ao seu antecessor, o que reforça que o Snapdragon 665 é mais focado em eficiência energética do que o Snapdragon 660. Ele também superou o P30 Lite e o One Zoom, ficando na mesma faixa que tivemos o Galaxy A50, o que deve ser suficiente para boa parte dos usuários.

Por outro lado, tivemos autonomia inferior a rivais como Mi A3 e Galaxy A70, com o modelo com Android One trazendo conjunto muito similar, mas com tela AMOLED HD+ ao invés de um painel IPS LCD Full HD+.

Se a autonomia se manteve na média da categoria, o mesmo não pode ser dito do tempo de carregamento. O Redmi Note 8 vem com um carregador considerado fraco para os padrões atuais em sua caixa, passando mais de 2 horas e 15 minutos na tomada para ir de 0 a 100% enquanto rivais com capacidade similar precisam de menos do que 2 horas.

Transmissão encerrada!

19/10/2019 - 00.56

Obrigado a todos que acompanharam, e até a próxima! o/

19/10/2019 - 00.56

Nosso teste de bateria em tempo real com o Redmi Note 8 fica por aqui, amanhã atualizaremos a pauta com um resumo dos resultados alcançados e nossa conclusão da autonomia do aparelho.

19/10/2019 - 00.55

O MX Player ficou como app que mais consumiu, com o jogo Injustice ao final da lista.

19/10/2019 - 00.55

Foram 17 horas e 47 minutos de teste, com 9 horas e 33 minutos de tela ativa no período. 

19/10/2019 - 00.48

O Redmi Note 8 desligou na reta final do ciclo 13. Estamos ligando novamente o aparelho para detalhar o consumo.

18/10/2019 - 23.57

Vamos agora para o ciclo 13, com 7% de carga restando. Será que chegamos até o final?

18/10/2019 - 23.30

Será que vamos ter energia suficiente para mais um ciclo? É o que vamos descobrir após uma última pausa.

18/10/2019 - 23.30

E chegamos à reta final de nosso teste, com 8% de carga restando ao final do ciclo 12.

18/10/2019 - 22.33

Hora do ciclo 12, agora com 15% de carga.

18/10/2019 - 22.05

Faremos mais uma pausa rápida antes do ciclo 12.

18/10/2019 - 22.05

Conforme a temperatura ambiente voltou a cair, o mesmo aconteceu com a temperatura do aparelho.

18/10/2019 - 22.05

O ciclo 11 nos deixou com 16% de carga. 

18/10/2019 - 21.09

Estamos agora com 23% de carga, e vamos direto ao ciclo 11.

18/10/2019 - 21.01

Vamos para outra pausa antes do ciclo 11.

18/10/2019 - 21.01

Para efeito de comparação, o Redmi Note 7 tinha 27% de carga após 10 ciclos, então estamos com uma autonomia um pouco inferior no modelo mais recente.

18/10/2019 - 21.01

Ficamos com 24% de carga depois de 10 ciclos completos com o Redmi Note 8.

18/10/2019 - 19.46

Vamos para o ciclo 10 agora, com 31% de carga.

18/10/2019 - 19.19

Daremos mais uma pausa rápida antes do décimo ciclo.

18/10/2019 - 19.18

O aparelho passa das 12 horas de teste, com 6 horas e 45 minutos de tela ativa no período.

18/10/2019 - 19.18

Temos agora 32% de carga no Redmi Note 8.

18/10/2019 - 18.21

Vamos para o nono ciclo, ainda com 40% de carga.

18/10/2019 - 17.55

Mais uma pausa antes do nono ciclo.

18/10/2019 - 17.55

Chegamos a 40% de carga depois do oitavo ciclo. 

18/10/2019 - 16.55

Dada a largada para o oitavo ciclo, agora com 47% de carga no Redmi Note 8.

18/10/2019 - 16.27

Vamos para mais uma pausa rápida e já voltamos com o oitavo ciclo.

18/10/2019 - 16.27

Temos mais de 5 horas de tela ativa nestas mais de 9 horas de teste.

18/10/2019 - 16.27

Ficamos com 47% de carga após o sétimo ciclo. 

18/10/2019 - 15.30

Hora de começar o sétimo ciclo, com ainda 55% de carga no Redmi Note 8.

18/10/2019 - 15.01

Daremos mais uma pausa e já voltamos com o sétimo ciclo.

18/10/2019 - 15.01

O MX Player está no topo da lista dos apps que mais consumiram até aqui.

18/10/2019 - 15.01

Com 6 ciclos concluídos, temos ainda 55% de carga no Redmi Note 8.

18/10/2019 - 14.04

Já estamos por aqui de novo para o sexto ciclo, ainda com 64% de carga no Redmi Note 8.

18/10/2019 - 13.40

Daremos mais uma pausa rápida e já voltamos com o sexto ciclo.

18/10/2019 - 13.38

Vamos vendo essa média se estabilizando com o Redmi Note 8.

18/10/2019 - 13.38

Com 8% a menos de carga, ficamos com 64% ao final do quinto ciclo. 

18/10/2019 - 12.42

Vamos agora para o quinto ciclo, ainda com 72% de carga no Redmi Note 8.

18/10/2019 - 12.14

Daremos mais uma pausa, dessa vez para almoço, e já voltamos com o quinto ciclo.

18/10/2019 - 12.14

Temos ainda 72% de carga no Redmi Note 8 depois de quatro ciclos. 

18/10/2019 - 11.17

Hora do quarto ciclo, com 79% de carga no Redmi Note 8.

18/10/2019 - 10.51

Vamos para mais uma pausa rápida antes do quarto ciclo.

18/10/2019 - 10.50

O GSam não está conseguindo registrar o consumo individual dos apps, então teremos que monitorar isso pelo gerenciador nativo da MIUI.

18/10/2019 - 10.50

Ficamos com 80% de carga depois de 3 ciclos completos. 

18/10/2019 - 09.54

Seguimos agora para o terceiro ciclo, ainda com 88% de carga.

18/10/2019 - 09.26

Vamos para mais uma pausa e já voltamos com o terceiro ciclo.

18/10/2019 - 09.26

A temperatura do aparelho vem se mantendo em um nível bem aceitável neste começo de teste.

18/10/2019 - 09.25

Depois de dois ciclos, temos agora 88% de carga no Redmi Note 8. 

18/10/2019 - 08.29

Vamos agora ao segundo ciclo, ainda com 95% de carga.

18/10/2019 - 08.03

Mas antes, uma pausa rápida.

18/10/2019 - 08.03

Veremos se essa média se mantém nos próximos ciclos.

18/10/2019 - 08.03

O primeiro ciclo consumiu 5% da carga do Redmi Note 8.

18/10/2019 - 07.02

Vamos direto para o primeiro ciclo de nosso teste, que assim como todos os demais contará com:

  • 6 minutos de uso (cada) - WhatsApp, Youtube, MX Player (vídeo offline), Spotify, PowerAmp (música offline) e Chrome;
  • 1 minuto (cada) - Pokémon Go, Asphalt 8, Subway Surfers, Candy Crush, Modern Combat 5 e Injustice;
  • 4 minutos de chamadas em 3G/4G;
  • 2 minutos de uso (cada) - Facebook, Gmail e GMaps
O Redmi Note 8 está disponível na Amazon por R$ 1.083. O custo-benefício é bom e esse é o melhor modelo nessa faixa de preço. Para ver as outras 46 ofertas clique aqui.
(atualizado em 21 de novembro de 2019, às 10:29)

12

Comentários

Redmi Note 8 recupera imagem da linha após problemas do antecessor | Teste de bateria oficial

OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até outubro de 2019