LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Philco Hit: cartão de visitas cumpre promessa de boa autonomia | Teste de bateria oficial

25 de maio de 2020 41

A Philco anunciou no início do mês sua entrada no mercado de smartphones no Brasil, apresentando o Hit, seu primeiro modelo, com preço sugerido de R$ 999.

De acordo com as palavras da própria fabricante, o Hit é focado no público que busca bom desempenho e longa duração de bateria em uma faixa de preço abaixo dos R$ 1 mil, e chegou a hora de descobrir se essa segunda parte da promessa se cumpre ou se o processador Unisoc SC9863A de 28 nm será responsável por puxar o consumo dos 4.000mAh a um patamar mais alto.

Além do chip, é bom lembrar que o Hit conta com Android 9 Pie de fábrica, ainda preso ao pacote de segurança de setembro do Android, porém a Philco afirma que a versão 10 do robozinho verde já está em desenvolvimento e deve ser ser liberada nas próximas semanas (ou meses) para o aparelho.

Mais Notícias

O teste de bateria é o mesmo que fazemos com todos os modelos que passam por nossas bancadas, sendo executados vários apps, jogos e serviços populares durante todo o dia em ciclos cronometrados até que a bateria se esgote por completo. Entre os ciclos damos um tempo de standby para que possamos acompanhar o consumo em segundo plano, ponto onde uma boa otimização tanto do hardware quanto do software é especialmente importante.

Resultados

Após um dia de testes com o Philco Hit, chegamos aos seguintes resultados:

  • Foram necessárias 20 horas e 24 minutos para o dispositivo desligar.
  • A tela permaneceu ligada por cerca de 10 horas e 39 minutos.
  • Realizamos 14 ciclos completos de testes, incluindo:
  • 84 minutos de navegação no Chrome;
  • 420 minutos de WhatsApp, Spotify, PowerAmp, MX Player e YouTube (84 minutos cada);
  • 84 minutos de jogos (Pokémon Go, Subway Surfers, Candy Crush, Injustice, Modern Combat 5 e Asphalt 8);
  • 84 minutos de Facebook, Gmail e Google Maps (28 minutos cada);
  • 56 minutos de chamadas de voz via 3G/4G;
  • O app que mais consumiu foi o WhatsApp;
  • O app que menos consumiu foi o Subway Surfers;
  • O consumo em stand-by foi de aproximadamente 1% a cada hora;
  • O aparelho levou 2 horas e 40 minutos para o carregador padrão de 10W fazer a recarga de 0% até 100%
Conclusão

O Philco Hit reforçou que nunca se deve julgar um livro pela capa, já que mesmo contando com Android 9 Pie com patch de segurança antigo e chipset Unisoc feito em 28nm o aparelho conseguiu se sair muito bem ao lado de rivais. Muito se deve à tela IPS LCD de 5,45 polegadas "apenas" HD, mas o bom trabalho da fabricante em entregar um software limpo e otimizado merece reconhecimento.

Em nosso teste padronizado o Hit ficou na mesma faixa de Nokia 2.3 (que tem hardware bem mais fraco) e Galaxy A10s (que tem chip mais econômico), sendo superado por modelos como K50s e Moto G8 Play, mas por uma margem pequena.

Com isso, podemos dizer que o aparelho vai aguentar mesmo uso mais intenso durante ao menos um dia inteiro sem grandes problemas, podendo ficar dois dias longe da tomada para quem busca apenas navegar na internet, acessar redes sociais e jogar títulos mais simples como Subway Surfers e Candy Crush.

O ponto negativo é o longo tempo de recarga de mais de 2 horas e meia para ir de 0 a 100%, mas temos outros nessa faixa que precisam de ainda mais tempo, como o Nokia 2.3 e suas intermináveis 4 horas.

Transmissão encerrada!

26/5/2020 - 12.00

Nosso teste de bateria em tempo real com o Philco Hit fica por aqui. Em breve atualizaremos a pauta com um resumo dos resultados alcançados e nossa conclusão sobre a autonomia do aparelho.

26/5/2020 - 11.59

O WhatsApp assumiu como app que mais consumiu, ao lado do YouTube, enquanto o Subway Surfers ficou ao final da lista.

26/5/2020 - 11.56

Foram 10 horas e 39 minutos de tela ativa em 20 horas e 24 minutos de teste.

26/5/2020 - 11.54
26/5/2020 - 11.44

Vamos ligar novamente o aparelho para registrar o consumo.

26/5/2020 - 11.44

O Philco Hit acaba de desligar, mesmo ainda mostrando 3% de carga.

26/5/2020 - 11.15

Vamos ao ciclo 15 com 5% de carga.

26/5/2020 - 10.58

É o que descobriremos depois de mais uma pausa.

26/5/2020 - 10.58

Será que vamos conseguir concluir o ciclo 15?

26/5/2020 - 10.58

O ciclo 14 nos deixou com 6% de carga.

26/5/2020 - 09.51

Hora do ciclo 14, ainda com 14% de carga.

26/5/2020 - 09.26

Vamos para mais uma pausa rápida antes do ciclo 14.

26/5/2020 - 09.26

São mais de 9 horas e meia de tela ativa até aqui, o que mostra que a Philco acertou no conjunto do Hit.

26/5/2020 - 09.25

Fechamos o ciclo 13 com 14% de carga.

26/5/2020 - 08.26
Vamos para o ciclo 13 com 21% de carga.
26/5/2020 - 07.58
Como o GSam é resetado toda vez que o aparelho desliga, vamos usar o gerenciador nativo de energia nessa reta final do teste. E agora mais uma pausa antes do ciclo 13.
26/5/2020 - 07.57 O ciclo 12 nos deixou com 21% de carga.
26/5/2020 - 07.01
O Philco Hit já está pronto pra iniciar o ciclo 12, com 28% de carga.
25/5/2020 - 22.14

Daremos mais uma pausa antes de desligar o aparelho, e então retomaremos o teste amanhã às 7 horas.

25/5/2020 - 22.14

Foram mais de 15 horas de teste com mais de 8 horas de tela ativa até o momento.

25/5/2020 - 22.13

O YouTube foi o app que mais consumiu até aqui, e a temperatura se manteve em uma faixa muito agradável.

25/5/2020 - 22.13

O ciclo 11 nos deixou com 28% de carga restando no Philco Hit.

25/5/2020 - 21.15
Vamos começar o ciclo 11 com 35% de carga no Philco Hit.
25/5/2020 - 20.49
Vamos para mais um intervalo.
25/5/2020 - 20.49 O Hit ficou com 35% ao término do décimo ciclo.
25/5/2020 - 19.49
Hora do décimo ciclo, com 42% de carga.
25/5/2020 - 19.22
Hora de mais uma pausa.
25/5/2020 - 19.22 O nono ciclo nos deixou com 42% de carga.
25/5/2020 - 18.23

Seguimos agora para o nono ciclo, com ainda 49% de carga.

25/5/2020 - 17.56

Vamos para mais uma pausa rápida.

25/5/2020 - 17.55

Isso indica que o aparelho ficará entre 15 e 16 ciclos completos, caso mantenha essa média.

25/5/2020 - 17.55

Passamos da metade de nosso teste, com 49% de carga no Hit após o oitavo ciclo.

25/5/2020 - 16.59

Estamos agora com 55% de carga no Hit. Vamos ao oitavo ciclo.

25/5/2020 - 16.33

O YouTube segue como app que mais consumiu. Daremos mais uma pausa rápida e já voltamos com o oitavo ciclo para ver se isso se mantém.

25/5/2020 - 16.33

Não foi dessa vez que chegamos à metade da carga do Hit.

25/5/2020 - 15.37

Vamos para o ciclo 7 com ainda 62% de carga no Philco Hit.

25/5/2020 - 15.13
O aparelho ficará de lado mais uns minutos e então voltaremos para o sétimo ciclo.
25/5/2020 - 15.13 Seguimos com nossa média, marcando 62% de carga no Hit após o sexto ciclo.
25/5/2020 - 14.09

Começamos o sexto ciclo com 68% de carga.

25/5/2020 - 13.47

Estamos em um intervalo e daqui a pouco voltamos com o sexto ciclo.

25/5/2020 - 13.46

São mais de 6 horas e meia de teste, com quase 4 horas de tela ativa até aqui.

25/5/2020 - 13.46

Seguimos com a média de 6% de consumo por ciclo, marcando 69% de carga ao final do quinto ciclo.

25/5/2020 - 12.40

Seguimos para o quinto ciclo com ainda 75% de carga.

25/5/2020 - 12.13

Hora de mais um intervalo.

25/5/2020 - 12.13

O Philco Hit ficou com 75% de carga ao final do quarto ciclo.

25/5/2020 - 11.19

Temos ainda 81% de carga no Philco Hit. Vamos ao quarto ciclo.

25/5/2020 - 10.53

Daremos mais uma pausa e já voltamos com o quarto ciclo.

25/5/2020 - 10.53

O YouTube já assumiu seu posto como app que mais consumiu, algo que deve se manter até o final do teste.

25/5/2020 - 10.53

Perdemos mais 6% nesse ciclo, ficando com 81% no Philco Hit.

25/5/2020 - 09.53

Estamos agora com 87% de carga, prontos para o terceiro ciclo.

25/5/2020 - 09.29
Hora de mais uma pausa rápida.
O Philco Hit PCS01 ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.

41

Comentários

Philco Hit: cartão de visitas cumpre promessa de boa autonomia | Teste de bateria oficial

Moto G8 Power Lite vs Galaxy A30s: uma comparação com pouco sentido | Comparativo

Galaxy A30s vs Galaxy A31: e agora, as mudanças são para valer? | Comparativo

Galaxy A50 vs Moto G8 Plus: você ficaria com atualização ou bateria? | Comparativo

MIUI, OneUI, EMUI: as diferenças entre as interfaces Android | TudoCelular Entenda