LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Donald Trump afirma que vai proibir o TikTok nos Estados Unidos neste sábado

01 de agosto de 2020 52

O Presidente dos Estados Unidos parece estar muito obcecado com empresas da China realizando operações em solo americano: depois de ter banido a ZTE e Huawei do país alegando que as empresas estavam adquirindo informações de usuários, agora o novo alvo é a rede social TikTok, uma febre global.

Trump afirmou aos jornalistas durante um voo a bordo do avião presidencial Air Force 1 que "no que diz respeito ao TikTok, estamos banindo eles dos Estados Unidos", afirmando na noite desta sexta-feira, 31, que iria "assinar um documento amanhã", e indicando que o banimento teria efeito "essencialmente instantâneo."

Pronunciamento foi realizado no avião presidencial na noite desta sexta-feira (31).

Trump, Tulsa, TikTok e K-Pop

O estopim do interesse de Trump para banir o TikTok parece ter sido o episódio de Tulsa, onde kpopers e tiktokers esvaziaram o comício de campanha do presidente ao realizar inscrições falsas em massa. O presidente esperava 100 mil pessoas; apenas 6 mil compareceram. Dias após o comício, os casos de Covid-19 em Tulsa dispararam.

Ainda na própria sexta-feira, ontem, Trump teria sugerido à sua equipe que poderia forçar a empresa chinesa ByteDance, dona do TikTok, a se livrar do aplicativo. Isso seria mais um movimento para a Microsoft adquirir o TikTok, com o presidente Trump minimizando tal ação: "não é o acordo que nós estivemos ouvindo falar, que eles vão comprar e vender, e isso e aquilo. E Microsoft e qualquer outro. Nós não somos uma companhia M&A", disse ele.

A citada "companhia M&A" diz respeito à ação de "mergers and acquisitions", fusões e aquisições em tradução literal, onde empresas compram outras organizações para integrá-las ou revendê-las.

Embora Trump critique o TikTok por adquirir informações de usuários, o mesmo não pode ser dito a respeito do Facebook, mesmo com as recorrentes polêmicas que Mark Zuckerberg tem enfrentado nos últimos anos, incluindo vendas de dados de milhares de usuários para outras empresas, interferência nas últimas eleições dos Estados Unidos e a falta de controle para publicações de racistas e supremacistas brancos.


52

Comentários

Donald Trump afirma que vai proibir o TikTok nos Estados Unidos neste sábado

Moto G8 Power Lite vs Galaxy A30s: uma comparação com pouco sentido | Comparativo

Galaxy A30s vs Galaxy A31: e agora, as mudanças são para valer? | Comparativo

Galaxy A50 vs Moto G8 Plus: você ficaria com atualização ou bateria? | Comparativo

MIUI, OneUI, EMUI: as diferenças entre as interfaces Android | TudoCelular Entenda