LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Eliminatórias: Guigo TV não vai mais transmitir jogos; Turner compra Peru x Brasil

08 de outubro de 2020 11

Atualização (08/10/2020) – RB

Uma informação desta quarta-feira (7) dava conta de que a plataforma Guigo TV transmitiria os jogos de oito federações sul-americanas nas duas primeiras rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. Agora, a situação mudou: as federações teriam afirmado para o serviço de streaming que negociam com outra rede de TV do Brasil para exclusividade das partidas.

Segundo o UOL Esporte, a solicitação por transmissão única fez com que as entidades nacionais rompessem o negócio com a Guigo TV. Esta, por sua vez, já havia sondado profissionais para a transmissão e até chegou a trabalhar em um site próprio para a venda das partidas em questão.

Turner adquire partidas para o EI Plus

Horas após a divulgação da saída da plataforma Guigo do cenário, o UOL informou que a Turner fechou nesta quinta-feira (8) a transmissão das duas primeiras rodadas das Eliminatórias Sul-Americanas com as oito federações ainda indefinidas.

A princípio, a empresa pretende transmitir as oito partidas das quais terá direito – incluindo Peru x Brasil, na próxima terça-feira (13) – por meio do serviço de streaming EI Plus. Até o momento, não foi informado se o contrato também permitirá a transmissão pelos canais TNT e Space.

O acordo não valerá a partir da terceira rodada da competição, cujos direitos ainda estão em aberto. Além disso, a publicação afirma que não há exclusividade na negociação. Ou seja, a Globo ainda poderá comprar essas partidas para mostrar na TV aberta.

Esta consiste na primeira grande compra de direitos de transmissão da empresa desde o encerramento das atividades dos canais Esporte Interativo, no ano de 2018.

Você gostou da mudança da Guigo TV para a Turner nas transmissões via streaming das Eliminatórias? Diga para a gente!

Texto original (07/10/2020)

Com Brasil em campo! Guigo TV compra jogos das Eliminatórias para Copa do Mundo de 2022

Não é uma novidade que os direitos de transmissão do futebol estão fragmentados em uma série de emissoras de TV aberta, fechada e streaming no Brasil. Agora, um novo player entrou no mercado, como já era desejado desde o começo do ano. A Guigo TV fechou a aquisição dos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022.

A plataforma comprou as partidas de oito federações como mandantes – Uruguai, Paraguai, Colômbia, Peru, Equador, Venezuela, Chile e Bolívia –, pelas duas primeiras rodadas da competição. O contrato será assinado ainda nesta quarta-feira, segundo o UOL Esporte, e as transmissões da começam a partir desta quinta-feira (8).

Brasil em campo

Apesar de os direitos de jogos do Brasil e da Argentina como mandantes terem sido adquiridos pelo Grupo Globo, as partidas dessas seleções como visitantes serão mostradas pela Guigo TV, quando elas enfrentarem alguma das oito equipes fechadas com o serviço de streaming.

Em outras palavras, a partida entre Peru x Brasil, marcada para a próxima terça-feira (13), até o momento tem apenas a Guigo TV como exibidora para o país. No entanto, o acordo não impediria a Globo ou outro canal de comprar as transmissões para a televisão aberta ou fechada.

Preços e disponibilidade

A Guigo TV é uma plataforma de distribuição dos canais de TV por assinatura pela internet. Ela permite que o assinante acesse as emissoras por meio de aplicativo para celulares, tablets, PCs e Smart TVs. Os links para download em dispositivos móveis estão localizados no card abaixo do texto.

O Pacote Básico custa R$ 15 por mês e vem com opções de canais abertos, internacionais, infantis e de esportes. Caso o usuário queira ampliar as alternativas, basta assinar pacotes adicionais segmentados por um acréscimo no valor mensal.

O pacote relativo aos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas nas duas primeiras rodadas poderá ser adquirido de forma avulsa, por um preço único de R$ 49,99. A intenção era cobrar R$ 54,99, mas as federações conseguiram convencer a plataforma a cobrar um pouco menos.

Programação

8 de outubro

  • 19h30: Paraguai x Peru
  • 19h45: Uruguai x Chile

9 de outubro

  • 20h30: Colômbia x Venezuela

13 de outubro

  • 17h00: Bolívia x Argentina
  • 18h00: Equador x Uruguai
  • 19h00: Venezuela x Paraguai
  • 21h00: Peru x Brasil
  • 21h30: Chile x Colômbia

O que você achou de a Guigo TV ter adquirido essas partidas das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022? Relate a sua opinião para a gente!

Guigo TV

Desenvolvedor: Guigo Television LTD

Grátis

Tamanho: Varia de acordo com o dispositivo


11

Comentários

Eliminatórias: Guigo TV não vai mais transmitir jogos; Turner compra Peru x Brasil
  • Mas está muito bagunçado mesmo, não dá para ter essa indefinição quanto aos direitos. Se decidiu que seria transmitido em um determinado local, não pode pegar todo mundo de surpresa e mudar de repente. Ninguém sabe mais onde passa as coisas.

      • Mas essa questão não é porque outras começaram a investir, mas sim porque a pandemia afetou a todos. Nas emissoras não foi diferente.

        Para aquelas que detinham o controle de tudo, até mesmo não transmitindo com regularidade só para outras não transmitirem, tiveram de refazer as contas e encerrar contratos total ou parcialmente.

        Quanto mais empresas investirem melhor. É assim nas marcas de roupas, comidas, bebidas, não será diferente com emissoras.

          • Quanto mais investirem melhor, isso é um fato, mas tem que ter alguma estabilidade sobre onde será transmitido, em qual dia e horário. Não dá anunciar um jogo e no dia não transmitir, isso causa perda de audiência e queda de pessoas acompanhando os jogos. Se ninguém sabe onde passa e tem pouca audiência, ninguém vai querer patrocinar.

              • Sim. Mas isso esse problema daí é decorrente da pandemia. Diversos contratos foram desfeitos total ou parcialmente. Nesse caso a Globo optou por só mostrar os jogos no Brasil (e contra a ARG fora), diferentemente de anos provavelmente pelos custos. Como é um ano atípico.

                Mas aí fica: só porque a Globo não quis comprar todos jogos do Brasil, nenhum outro pode comprar? Isso é prejudicar? Comprar jogos que não seriam transmitidos.

            • O pessoal falava do monopólio (corretamente, pois essa é uma distorção do mercado), mas agora que outras se voltam para investir na área o mesmo pessoal fica problematizando.

              Até parece que assistia todas as competições. Até parece que assistindo num único canal teria acesso a tantos jogos.

                • o título tá 2020

                    • Fora Neymar .. nao certo perfeito. muito corrupçao

                        • Desse jeito o esporte vai acabar.

                            • Grande porcaria...
                              Esse tipo de coisa só faz com que a competição perca valor, e além disso... Assistam mais os jogos europeus!

                                • Espero que isso de muito errado mesmo, tudo que é tipo de esporte aparece um novo player que fecha exclusividade para transmitir os jogos e o consumidor que acaba se ferrando, tem que pagar tudo o que for assistir... VÃO SE *****!!! espero que tenham muito prejuízo com esse tipo de coisa!!!

                                    • Rapaz...
                                      Quem gosta de futebol tá lascado, está sendo um serviço diferente pra cada competição.. e no fim sempre vai sobra pro consumidor final (nós telespectadores)

                                        Galaxy Z Fold 2: dobrando melhor do que você esperava | Hands-on em vídeo

                                        Moto G9 Plus vs Moto G8 Plus: uma nova geração realmente evolui? | Comparativo

                                        Galaxy A20s vs A21s: vale trocar ou ir direto no mais novo? | Comparativo

                                        Galaxy M31 vs LG K61: qual o melhor celular intermediário barato? | Comparativo