LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

COVID-19: inteligência artificial facilita diagnóstico analisando tosse através de um app

01 de novembro de 2020 0

Estamos próximos a completar o primeiro ano vivendo "em conjunto" com a COVID-19, o que parece ter deixado muitas pessoas à vontade o suficiente para simplesmente parar de usar máscaras em público.

Já outras pessoas estão em constante estado de alerta, especialmente quando os números no Brasil não param de crescer, batendo mais de 5.516.685 casos e com mais de 159.477 mortes confirmadas – e olha que a segunda onda ainda nem começou a assolar terras tupiniquins.

Se você é uma dessas pessoas que não pode ver alguém tossindo, espirrando, ou já começa a ficar nervoso ao sentir sua garganta coçar, a boa notícia é que, em breve, será possível utilizar um simples app para diagnosticar o COVID sem esperar pelos outros sintomas.

Chamado "Do I have COVID?" (Eu tenho COVID?), o software utiliza aprendizagem de máquina para analisar a tosse, e compara o resultado com os diversos já analisados e registrados em seu banco de dados (mais de 70 mil) para determinar a probabilidade da possível infecção.

Do grande número de gravações coletadas, cerca de 2.500 eram de pacientes com COVID-19, porém, assintomáticos. Nos testes iniciais, o modelo piloto foi capaz de determinar se alguém tinha ou não o vírus com 98,5% de precisão.

Em pacientes assintomáticos a precisão subiu para 100%, mostrando que as técnicas de Inteligência artificial aplicada a apps desse tipo podem vir a ser muito mais interessantes do que testes mais invasivos.

Os pesquisadores estão cogitando distribuir o app gratuitamente e trabalhar em conjunto com hospitais para expandir ainda mais a biblioteca de registros adotados nas comparações feitas pela Inteligência Artificial.

Caso obtenham sucesso em seu projeto, pode ser que não demore muito para assistentes virtuais como Siri, Alexa e Google Assistente conseguirem detectar positivos de COVID-19 apenas com uma simples pergunta, auxiliando no combate à doença (uma vez que todas as questões de privacidade sejam, é claro, resolvidas).


0

Comentários

COVID-19: inteligência artificial facilita diagnóstico analisando tosse através de um app

Galaxy Z Fold 2: dobrando melhor do que você esperava | Hands-on em vídeo

Moto G9 Plus vs Moto G8 Plus: uma nova geração realmente evolui? | Comparativo

Galaxy A20s vs A21s: vale trocar ou ir direto no mais novo? | Comparativo

Galaxy M31 vs LG K61: qual o melhor celular intermediário barato? | Comparativo