LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Xiaomi Mi 11 Lite é muito fino, mas não desaponta em autonomia | Teste de bateria oficial

16 de abril de 2021 19

Xiaomi oficializou há apenas duas semanas os novos modelos Mi 11 Lite 4G e 5G com características curiosas e que despertaram a atenção dos fãs da marca. E já estamos com a versão mais básica, sem conectividade para redes de quinta geração, para enfrentar todos os testes da análise completa.

Caso você esteja curioso sobre o que está incluso no pacote, temos tela AMOLED de 6,55 polegadas com resolução FHD+ e taxa de atualização de 90 Hz, plataforma Snapdragon 732G, 6 GB de RAM, 64 GB ou 128 GB de armazenamento interno (expansível via MicroSD), câmera frontal de 16 MP, três câmeras traseiras (64 MP/8 MP/5 MP), som estéreo, bateria de 4.250 mAh com carregamento de 33W sob o gerenciamento do Android 11 rodando sob a interface MIUI.

Mais Notícias

Nosso teste de bateria oficial é executado com vários apps, jogos e serviços populares em ciclos cronometrados até que a bateria esgote completamente, sendo dado um tempo de standby entre os ciclos para acompanhar o consumo em segundo plano. Brilho da tela e configurações de redes são padronizados, para que possamos traçar um paralelo entre todos os modelos que passaram por nossas bancadas.

Os apps presentes nos ciclos, e seus determinados tempos de execução por ciclo, são:

  • 6 minutos de uso (cada) - WhatsApp, Youtube, MX Player (vídeo offline), Spotify, PowerAmp (música offline) e Chrome;
  • 1 minuto (cada) - Pokémon Go, Asphalt 8, Subway Surfers, Candy Crush, Modern Combat 5 e Injustice;
  • 4 minutos de chamadas em 3G/4G;
  • 2 minutos de uso (cada) - Facebook, Gmail e GMaps
Resultados

Após nossos testes, chegamos aos seguintes resultados com o Mi 11 Lite:

  • Foram necessárias 24 horas e 10 minutos para esgotar a bateria do dispositivo;
    • A tela permaneceu ligada por 11 horas e 44 minutos;
  • Realizamos 17 ciclos completos de testes que incluíram:
    • 102 minutos de navegação no Chrome;
    • 510 minutos de WhatsApp, Spotify, PowerAmp, MX Player e YouTube (102 minutos cada);
    • 102 minutos de jogos (Pokémon Go, Subway Surfers, Candy Crush, Injustice, Modern Combat 5 e Asphalt 8);
    • 102 minutos de Facebook, Gmail e Google Maps (34 minutos cada);
    • 68 minutos de chamadas de voz via 3G/4G;
  • O app que mais consumiu foi o YouTube;
  • O app que menos consumiu foi o Chrome;
Conclusão

O Mi 11 Lite em sua versão 4G traz o mesmo Snapdragon 732G usado pela Xiaomi no Poco X3 NFC, que já analisamos aqui no TudoCelular.com. Ao trocar a tela IPS LCD de 120 Hz por um painel AMOLED de 90 Hz a Xiaomi conseguiu compensar a bateria bem menor do modelo mais novo, oferecendo autonomia até um pouco melhor, o que é um alento para quem se assustou com o motivo para termos espessura de apenas 6.81 mm no aparelho.

Ele ainda não chega perto do que temos em rivais com capacidades maiores como Galaxy A52 e Galaxy A72, mas já tem energia suficiente para aguentar um dia inteiro de uso moderado sem problemas, podendo ter até mesmo carga para o dia seguinte caso você tenha um padrão um pouco mais leve.

Transmissão encerrada!

15/4/2021 - 17.26

Obrigado por acompanhar mais essa live. O resumo com todos os resultados do teste são adicionados na pauta acima.

15/4/2021 - 17.25

Foram 24 horas e 10 minutos no total, com 11 e 44 minutos de tela ativa. Os serviços de streaming foram os grandes vilões da bateria.

15/4/2021 - 12.17

E o Mi 11 Lite acaba de desligar.

15/4/2021 - 11.43

Voltando para o ciclo 18 com 3% de carga.

15/4/2021 - 11.09

Mi 11 Lite com 4% de carga ao final do ciclo 17.

15/4/2021 - 11.07
15/4/2021 - 10.25

Iniciado o ciclo 17, com 10% de carga restante.

15/4/2021 - 09.49

Temos agora dezesseis ciclos completos para o Mi 11 Lite e 11% de carga restante.

15/4/2021 - 09.45
15/4/2021 - 08.55

Bateria em 16% no retorno para o ciclo de número 16.

15/4/2021 - 08.24

Finalizado o décimo quinto ciclo, com 17% de carga.

15/4/2021 - 08.23
15/4/2021 - 07.31

De volta para o ciclo de número 15, iniciado com 23% de carga.

15/4/2021 - 01.24

Desligando o Mi 11 Lite após o período de stand-by para reiniciar o teste nesta quinta com o décimo quinto ciclo.

15/4/2021 - 00.56

Já são quatorze ciclos e temos agora 25% de carga restante.

15/4/2021 - 00.55
14/4/2021 - 23.11

Mi 11 Lite com 38% de carga após mais uma pausa dupla, vamos para os ciclos 13 e 14.

14/4/2021 - 22.09

Temos agora com 38% de carga após 12 ciclos.

14/4/2021 - 22.07
14/4/2021 - 18.41

De volta para os ciclos 9, 10, 11 e 12, ainda com 60% de carga.

14/4/2021 - 16.41

Temos agora 60% de carga no Mi 11 Lite após o oitavo ciclo.

14/4/2021 - 16.39
14/4/2021 - 14.56

Iniciando os ciclos 7 e 8, ainda com 72% de carga.

14/4/2021 - 13.56

Mi 11 lite com 72% de carga restante após o sexto ciclo.

14/4/2021 - 13.54
14/4/2021 - 10.16

Vamos agora até o sexto ciclo. Temos ainda 94% de carga, praticamente nulo o consumo em stand-by.

14/4/2021 - 08.14

Dois ciclos na conta, com 94% de carga restante. Vamos para uma pausa um pouco maior agora (desjejum) e retornamos em seguida com os ciclos 3, 4, 5 e 6.

14/4/2021 - 08.12
14/4/2021 - 07.23

E já estamos no segundo ciclo, ainda com 99% de carga restante.

14/4/2021 - 06.55

Primeiro ciclo finalizado com 99% de carga, agora vamos para a primeira pausa.

14/4/2021 - 06.52
14/4/2021 - 06.01

Primeiro ciclo iniciado após retirar o Mi 11 Lite da tomada.

14/4/2021 - 05.51
14/4/2021 - 05.42

Bom dia! Daqui a pouco iniciaremos o teste de bateria com o Mi 11 Lite. Antecipamos o início, aproveitando o despertar mais cedo.

O Xiaomi Mi 11 Lite ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.

19

Comentários

Xiaomi Mi 11 Lite é muito fino, mas não desaponta em autonomia | Teste de bateria oficial

Galaxy Z Fold 2: dobrando melhor do que você esperava | Hands-on em vídeo

Moto G9 Plus vs Moto G8 Plus: uma nova geração realmente evolui? | Comparativo

Galaxy A20s vs A21s: vale trocar ou ir direto no mais novo? | Comparativo

Galaxy M31 vs LG K61: qual o melhor celular intermediário barato? | Comparativo