LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

OnePlus 2 teria desempenho reduzido ante ao aquecimento do Snapdragon 810

20 de julho de 2015 9

OnePlus parece ter adotado uma maneira polêmica de evitar o superaquecimento do chipset mais recente da Qualcomm, Snapdragon 810. Em uma pontuação feita por uma ferramenta de benchmark, usando o hardware do possível sucessor do One como base, o desempenho do conjunto formado pelo processador e placa gráfica aparece de forma reduzida ao ser comparada aos demais modelos que já utilizam o componente, limitando a utilização de cada um dos oito núcleos da CPU a fim de eliminar a possibilidade do aparelho apresentar temperaturas elevadas após o uso de sua interface. É uma técnica de remediar, e não prevenir.

Pontuação em benchmark revela desempenho reduzido do Qualcomm Snapdragon 810 presente no OnePlus 2. Performance ficou abaixo até mesmo do antecessor do modelo, One, que conta com o Snapdragon 801

Recentemente, descobrimos que a OnePlus usaria a versão 2.1 do Qualcomm Snapdragon 810 justamente para evitar o superaquecimento da peça. Tal modelo conta com ajustes específicos a fim de controlar o calor emitido por sua estrutura, chegando a níveis extremos em smartphones modernos que usufruem de seus serviços, como o HTC One M9, apresentando altas temperaturas já no primeiro dia dos testes públicos, ainda em Barcelona, onde a Mobile World Congress (MWC) foi realizada. Atualizações para reduzir o processamento da parte interna foram necessárias na "eliminação" do problema.

Sabendo disto, conclui-se que a versão 2.1 do Snapdragon 810 não é capaz de resolver integralmente a grande "dor de cabeça" encontrada no lançamento mais novo da Qualcomm, necessitando, ainda, da diminuição da capacidade da CPU. Adicionalmente, OnePlus estaria planejando usar um revestimento de gel térmico no interior de seu futuro flagship a fim de auxiliar na supressão do calor em abundância. Isto é, a empresa teria que gastar um valor maior na produção de cada unidade do gadget, exclusivamente por causa de uma única peça em sua vasta lista de especificações internas. O chipset é certamente uma das maiores polêmicas atuais no mundo de telefonia móvel.

Nota-se que o OnePlus 2 perdeu até mesmo para seu antecessor, One, ao analisar a pontuação no benchmark, portanto o Snapdragon 810, mesmo sendo mais caro, pode ser comparado ao Snapdragon 801 após as modificações para eliminar o superaquecimento da arquitetura. Se o modelo estava sendo chamado de "flagship killer", é bom repensar. Naturalmente, há chances do gel térmico permitir o poder total do componente, mas testes aprofundados são necessários na confirmação dos planos da jovem marca asiática para este ano. Até lá, os mesmos problemas parecem estar presentes.

  • O OnePlus 2 ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.
  • O HTC One M9 ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.
  • O OnePlus One ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.

9

Comentários

OnePlus 2 teria desempenho reduzido ante ao aquecimento do Snapdragon 810
  • Se isso se confirmar, a Microsoft estará adotando a mesma medida que já fez para os usuários do Windows Phone 7.5 (Os Lumias 710, 800 e 900 da vida), que foi dar uma atualização de "consolação" para o Windows Phone 7.8, que lembra, mas não é o WIndows Phone 8.Será a mesma coisa: A Microsoft vai dizer para os usuários: "O WIndows RT vai ter atualização que adiciona recursos do Windows 10". Mas recursos do Windows 10 e o Windows 10 em si são coisas bem diferentes.

      • Não existe versão 2.1 deste SoC! O firmware quite controla o processador é que está nas versão 2.1, sendo o Snap810 do One Plus One o mesmo do HTC One M9! Isso já foi divulgado, é o mesmo processador, sendo que a revisão do firmware 2.1 foi liberado para a Sony, HTC e outras fabricantes! Esse papo de versão 2.1 do processador foi jogada de marketing da One Plus, mas na verdade é o mesmo processador problemático e vagabundo!

          OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

          Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

          Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

          Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até junho