LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Android Wear 2.0 promete tornar relógios inteligentes totalmente independentes

18 de maio de 2016 2

Um dos grandes problemas nas plataformas portáteis para relógios inteligentes está relacionado à sua dependência direta de um smartphone. Com o Android Wear 2.0 recém-anunciado pela Google durante a Google I/O 2016, isso está prestes a mudar.

O novo sistema, que deverá ser liberado no segundo semestre, representará um grande passo na independência de relógios inteligentes, dando suporte à aplicativos dedicados.

A nova plataforma poderá, por exemplo, integrar ainda melhor apps responsáveis por fitness, como contadores de calorias e monitores de exercícios físicos; além de oferecer melhor suporte à mensageiros instantâneos com direito à implementação de teclados, ferramentas de reconhecimento de escrita, e respostas inteligentes.

Android Wear 2.0 trará maior integração entre apps de fitness

Novo design

O design do Android Wear também será atualizado para o Material Design, sendo adaptado para uma melhor experiência de uso, aproveitando cada milímetro da tela para informações úteis.

As notificações para apps agora aparecerão no canto inferior da tela, e a gaveta de apps ficará localizada na parte superior, sempre ao alcance para quando necessário.

As Watch Faces dos relógios agora poderão, além de ser personalizadas, exibir informações relevantes para o usuário, podendo ser configuradas para mostrar conteúdo de aplicativos como Google Fit, Spotify, Strava, dentre muitos outros, incluindo apps de terceiros.

Android Watch 2.0 possibilitará responder mensagens com escrita na tela

Melhor interação com mensagens

Ao receber uma mensagem com o Android Wear 2.0, usuários verão o conteúdo em tela inteira (do contrário de uma pequena notificação como acontece na versão atual), podendo responder a mensagens apenas deslizando o seu dedo na tela.

Ao clicar na mensagem, um menu com várias opções aparecerá, onde o usuário poderá escolher entre responder através de voz, emojis, respostas inteligentes, teclados, ou até mesmo escrevendo na própria tela, graças à habilidade de reconhecimento de escrita.

Melhor acompanhamento de atividades físicas

A nova versão do Android Watch dará uma ênfase maior à saúde e fitness. O sistema traz um melhor entendimento do que seus usuários estão fazendo, e em conjunto com a nova API de Reconhecimento de Atividades da Plataforma Fit, será possível detectar automaticamente se o indivíduo está correndo, caminhando, pedalando ou até dormindo.

À medida que colhe esses dados e vai aprendendo sobre os hábitos de seu dono, o Android Watch 2.0 pode inclusive começar a sugerir aplicativos baseado no tipo de movimento que está sendo realizado.

Uma maior independência

Aplicativos agora poderão acessar diretamente redes de dados, sem precisar confiar-se em um smartphone ou tablet para isso. Se seu relógio inteligente tem uma conexão LTE, por exemplo, como o LG Watch Urbane, você pode ter acesso à sua lista de musicas no Spotify e ouvi-las pelo seu fone de ouvido Bluetooth sem nem precisar de seu smartphone.

Graças à novas APIs implementadas no Android Wear 2.0, também será possível obter conteúdo diretamente da nuvem, de locais como o Dropbox, OneDrive, Google Drive, dentre muitos outros.

O melhor de tudo, é que até usuários de iPhone poderão beneficiar-se dessas novidades, algo que deverá fazer com que alguns Apple Watch sejam vendidos, afinal de contas, o produto já foi duramente criticado (inclusive pelo ex-CEO da Apple) por ser muito dependente dos iPhones.


2

Comentários

Android Wear 2.0 promete tornar relógios inteligentes totalmente independentes
  • Agora sim vale mais a pena.
    Nunca achei graça nos relógios dito "inteligentes" dependentes.

      • Era o passo necessário pra popularizar os smartwatch. Já é possível você comprar um smartwatch monstrinho chinês independente, mas com um sistema operacional tosco e limitado. Quero muito um com Android Wear 2. Comprei, só pra curtir, um DZ09, paguei 15 euros rsrsrs mas queria saber como era um smartwatch independente, e achei massa. O sistema é uma merda, disto eu já sabia, e a qualidade do reloginho é... também uma merda. Mas a experiência é divertida, pelo preço que paguei.

        OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

        Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

        Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

        Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até junho