LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Autonomia do Galaxy J2 Prime | Teste de bateria oficial do TudoCelular

01 de março de 2017 20


O Galaxy J2 Prime chegou como uma ‘versão premium’ do J2 lançado em 2015. O modelo original trouxe uma bateria de 2.000 mAh que rendeu muito bem em nosso teste de bateria. O Prime, por sua vez, conta com 600 mAh adicionais, o que deve garantir uma autonomia ainda mais exemplar.

No entanto, este novo aparelho da Samsung troca o painel Super AMOLED por um PLS TFT, que apesar de manter a mesma resolução, traz 5 polegadas desta vez, o que pode interferir no consumo de energia.

Além disso, Samsung trocou o chipset Exynos 3475 por um modelo da MediaTek, o que deve também impactar no consumo de bateria. Desta forma, estamos aqui com um teste em tempo real com o Galaxy J2 Prime para medir a autonomia do aparelho e saber se essa versão mais turbinada oferece o mesmo bom desempenho do anterior.

Mais Notícias

Para quem já acompanha os testes de bateria em tempo real do TudoCelular, sabe que usamos apps tradicionais como o WhatsApp, Facebook, YouTube, Gmail, Google Maps, Chrome, PowerAMP e outros. Incluímos ainda chamadas de voz e, claro, jogos como Modern Combat 5, Subway Surfers, Pokémon GO e mais; sendo repetidos ciclos de execução até que a bateria entre em estado crítico (5% restante ou menos).

Resultados

Ficamos com o Galaxy J2 Prime durante todo o dia no teste de bateria para chegarmos aos resultados que você confere abaixo:

  • Foram necessárias 3 horas e 29 minutos para o carregador padrão de 1A encher totalmente a bateria.
  • Após 10 horas e 15 minutos o aparelho ainda exibia 3% de carga restante, mas acabou descarregando poucos minutos depois.
  • Durante o teste o J2 Prime permaneceu com a tela ligada por 5 horas e 52 minutos.
  • Realizamos 7 ciclos de testes que incluíram:
    • 42 minutos de navegação no Chrome;
    • 294 minutos de WhatsApp, Spotify, Music Player, Video Player e YouTube (42 minutos cada);
    • 42 minutos de jogos (Pokémon Go, Subway Surfers e Modern Combat 5);
    • 42 minutos de Facebook, Gmail e Google Maps (14 minutos cada);
    • 28 minutos de chamadas de voz via 3G;
  • O app que mais devorou bateria foi o Modern Combat 5;
  • O app que consumiu menos bateria foi o MX Player.
Conclusão

O Galaxy J2 Prime trouxe uma bateria maior do que encontramos no Galaxy J2, sendo 600 mAh adicionais. Curiosamente, o chipset MediaTek MT6737T acabou apresentando um consumo maior do que vimos no Exynos 3475 do J2 antigo. Além disso, a troca da tela Super AMOLED por uma PLS TFT parece não ter sido favorável ao J2 Prime.

Enquanto o Galaxy J2 rendeu 11 ciclos em nosso teste de bateria, o J2 Prime acabou morrendo ao final do sétimo ciclo. Isso mostra que esta versão aprimorada pode deixar o usuário na mão se o mesmo rodar alguns jogos ou abusar de vídeos no YouTube. Para fazer o J2 Prime render até o final do dia, será necessário fazer um uso leve.

Desta forma, para aqueles que buscam um celular de entrada com boa bateria, o Galaxy J2 Prime não chega a ser uma opção indicada. Além de render menos do que o esperado, sua bateria demora mais de 3 horas para ser completamente recarregada.

Transmissão encerrada!

1/3/2017 - 17.22

Agradecemos a todos que acompanharam o teste durante o dia. Até a próxima, galera. =]

1/3/2017 - 17.22

Atualizaremos a matéria com todos os dados apurados durante os nossos testes, mas podemos chegar à conclusão que o J2 Prime oferece uma autonomia de bateria inferior à do Galaxy J2, mesmo contando com 600 mAh a mais disponível.

1/3/2017 - 17.21

O maior devorador de bateria foi o jogo Modern Combat 5, enquanto o MX Player ficou em último dos apps testados na lista de consumo do GSam Battery. 

1/3/2017 - 17.19

Chegamos ao final do nosso teste de bateria com o Galaxy J2 Prime. O aparelho da Samsung rendeu sete ciclos em nosso teste com um total de 10 horas e 15 minutos de uso. Neste tempo, a tela permaneceu ligada por 5 horas e 52 minutos.

1/3/2017 - 17.18
1/3/2017 - 16.23

Temos 15% restante para usar neste ciclo, o que deixa claro que o J2 Prime não passará de sete ciclos em nosso teste de bateria.

1/3/2017 - 16.22

Após mais um intervalo vamos dar início a mais um ciclo no teste de bateria com o Galaxy J2 Prime. O aparelho vem registrando uma média de 32ºC para sua bateria e o sinal da Claro apresentou algumas quedas no decorrer do teste. 

1/3/2017 - 15.53

Antes de partimos para o último ciclo deixaremos o Galaxy J2 Prime por alguns minutos parado.

1/3/2017 - 15.52

Mais um ciclo encerrado em nosso teste. Fica claro que trocar a tela Super AMOLED e o chipset Exynos por uma combinação de painel TFT com MediaTek não deu muito certo no J2 Prime. O Galaxy J2 rendeu 11 ciclos em nosso teste, e pelo visto a versão Prime vai morrer no sétimo ciclo. 

1/3/2017 - 14.29

Deixaremos o J2 Prime parado por alguns minutos antes de partimos para mais uma rodada em nosso teste.

1/3/2017 - 14.29

De acordo com o app GSam Battery teremos ainda mais 3 horas de uso, o que deve garantir mais dois ciclos no máximo.

1/3/2017 - 14.27

Quinto ciclo encerrado e o Galaxy J2 Prime segue com 29% restante de bateria. Pelo visto o smartphone da Samsung não chegará ao final do dia com carga. 

1/3/2017 - 13.27

E agora daremos início à quinta rodada em nosso teste de bateria com o Galaxy J2 Prime.

1/3/2017 - 12.40

De acordo com o app GSam Battery, ainda resta 4 horas de uso, mas isso saberemos em breve. Agora deixaremos o J2 Prime parado por alguns minutos.

1/3/2017 - 12.39

Encerrado o quarto ciclo de bateria com o Galaxy J2 Prime. O modelo básico da Samsung ainda possui 44% de carga, o que deve render mais três ciclos em nosso teste de bateria. 

1/3/2017 - 11.42

O teste no YouTube é feito com o vídeo Wild Life da Samsung em Full HD. 

1/3/2017 - 11.33

Prontos para mais uma rodada com o Galaxy J2 Prime? Em seu último intervalo não registramos nenhum gasto de bateria, ainda continuando com os mesmos 59% de antes.

1/3/2017 - 11.01

Daremos alguns minutos de descanso ao Galaxy J2 Prime antes de partimos para o quarto ciclo de nosso teste.

1/3/2017 - 11.00

Chegamos ao final do terceiro ciclo com 59% de bateria restante. Já fica claro que o J2 Prime, mesmo contando com 600 mAh a mais do que o J2, não deve render o mesmo em nosso teste de bateria. Parece que a troca da tela Super AMOLED por uma TFT e o chipset Exynos por um da MediaTek comprometeu a ótima autonomia oferecida no modelo mais antigo. 

1/3/2017 - 10.00

Prontos para mais uma rodada? Galaxy J2 Prime segue com 72% de bateria restante, o que deve render mais alguns ciclos em nosso teste.

1/3/2017 - 09.47

Deixaremos o J2 Prime parado por mais alguns minutos antes de partimos para o terceiro ciclo de nosso teste.

1/3/2017 - 09.33

De acordo com o app GSam Battery, ainda será possível usar o J2 Prime por mais 7h.

1/3/2017 - 09.32

Chegamos ao final do segundo ciclo em nosso teste de bateria com o Galaxy J2 Prime e o aparelho da Samsung segue com 73% de bateria restante. Nesta rodada tivemos uma perda de 13%, sendo 1% a menos do que na anterior. 

1/3/2017 - 09.12

O jogo Modern Combat 5, até o momento, é o maior vilão de bateria aqui no J2 Prime. 

1/3/2017 - 08.30

O J2 Prime está conectado na rede da Claro e não vem apresentando nenhuma queda no sinal até o momento. 

1/3/2017 - 08.29

Prontos para mais uma rodada com o Galaxy J2 Prime? O smartphone continua com 86% de bateria. Veremos se nesta segunda rodada ele perderá 14% como na anterior.

1/3/2017 - 08.13

Deixaremos o Galaxy J2 Prime em standby por alguns minutos para medir o seu consumo quando parado.

1/3/2017 - 08.03

Chegamos ao final do nosso primeiro ciclo no teste de bateria do Galaxy J2 Prime. Aparelho perdeu 14% de bateria em sua primeira rodada, um valor acima do que foi visto com o Galaxy J2. Se continuar assim, os 2.600 mAh deste aparelho vão render menos do que os 2.000 mAh do modelo antigo. 

1/3/2017 - 07.06

Faremos vários ciclos de teste com a seguinte metodologia:

  • 6 minutos de navegação no site do Tudo Celular usando o Chrome, vídeos no YouTube, vídeo no MX Player, streaming no Spotify, músicas no PowerAMP, WhatsApp e jogos;
  • 4 minutos de chamadas via 3G;
  • 2 minutos de Facebook, Gmail e Google Maps.
1/3/2017 - 07.03

Usaremos o app GSam Battery para medir o consumo de bateria com os apps testados no J2 Prime.

1/3/2017 - 07.02

Prontos para o início do nosso teste? Bora lá então! o/

1/3/2017 - 06.55

Usaremos o Galaxy J2 Prime durante todo o dia com as configurações padrão de fábrica (Wi-Fi, redes móveis, localização e sincronização ativados). O brilho de tela foi regulado em 200 lux (com ajuda de um luxímetro), o que equivale a 60% do brilho total.

1/3/2017 - 06.53
1/3/2017 - 06.50

Bom dia a todos. Galaxy J2 Prime totalmente carregado e pronto para iniciarmos o nosso teste. Usando o carregador padrão de 1A que vem com o aparelho foram necessárias 3 horas e 29 minutos para carregar sua bateria.

O Samsung Galaxy J2 Prime está disponível na Americanas por R$ 554. Para ver as outras 80 ofertas clique aqui.
(atualizado em 23 de março de 2019, às 17:45)

20

Comentários

Autonomia do Galaxy J2 Prime | Teste de bateria oficial do TudoCelular

OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até junho