LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

iPhone 11 Pro vs Mi 9: vale a pena pagar o triplo no melhor conjunto? | Comparativo

17 de outubro de 2019 99

O iPhone 11 Pro chegou com muitas melhorias em comparação com o antecessor, e só não venceu o Galaxy Note 10 em nosso comparativo por conta de seu preço elevado.

O TudoCelular gosta de comparar o máximo de aparelhos possível, por isso trazemos agora outro ótimo Android que tem preço ainda mais baixo: o Xiaomi Mi 9!

Vamos analisar cada aspecto desses dois aparelhos para te ajudar a descobrir qual deles é mais interessante pra você.

Design

Começando com os detalhes em design. Ambos possuem construção em metal e vidro, com pequenas diferenças no formato e tamanhos, sendo que o Mi 9 tem dimensões maiores, por trazer tela com mais polegadas, mas é mais fino e mais leve que seu concorrente deste comparativo.

Nenhum deles tem entrada P2. Mas o conector do cabo de dados e energia do iPhone é proprietário da Apple, o que limita ainda mais as opções de fone de ouvido para este modelo. E a Apple não manda nenhum adaptador na caixa para ajudar.

71.4 x 144 x 8.1 mm
5.8 polegadas - 2436x1125 px
74.67 x 157.5 x 7.61 mm
6.39 polegadas - 2340x1080 px
Ir para página de comparação

De resto, temos questões que vão do gosto do freguês. O Mi 9 tem aparência que mistura um pouco o iPhone X com o Galaxy S9, com câmeras que lembram o primeiro e formato da traseira que lembra o segundo. Na frente, o recorte em gota abriga apenas a câmera frontal e ocupa pouco espaço.

Já as câmeras do iPhone 11 Pro lembram um cooktop - o que gerou inúmeras piadas internet afora -, enquanto o acabamento da traseira é fosco e as curvas são bem menos acentuadas. Na frente, o famigerado notch mantém o tamanho dos anos anteriores, ocupando uma boa porção da parte superior da tela para um bom número de sensores.

O iPhone 11 Pro ainda tem certificação contra água e poeira, que são proteções essenciais para quem investe um bom dinheiro em um celular. Por isso, é ele quem sai na frente neste comparativo.

Multimídia e recursos
Display do iPhone 11 Pro tem HDR melhor que concorrentes

Falando no display, aliás, temos duas telas OLED, de 5,8 e 6,39 polegadas no iPhone e no Mi 9, respectivamente.
A qualidade de ambas é boa, mas a Apple oferece imagem mais atraente, com mais detalhes em áreas claras em uma mesma imagem.

Tela do Mi 9 tem mais polegadas e também é OLED

Em áudio, a disputa é fácil. O iPhone 11 Pro tem som estéreo com um efeito espacial que te envolve bem mais no conteúdo que está consumindo. Já o Mi 9 tem áudio mono e de qualidade mais baixa que a maioria dos tops de linha. E o iPhone vem com fone de ouvido na caixa, com boa qualidade. Algo que o MI 9 fica devendo.

Por fim, em recursos, a disputa é boa. Claro que há diferenças de sistema e interface, mas a MIUI da Xiaomi é uma versão do Android com bastante semelhanças com o iOS da Apple.

Com relação à biometria, o iPhone só oferece desbloqueio facial, que é mais seguro que o da concorrência. O Mi 9 oferece a leitura de digitais, com leitor por baixo da tela.

Há um desbloqueio facial, mas o Mi 9 é menos seguro até mesmo que o Mi 8, que tinha um sensor ToF para melhorar a precisão deste tipo de desbloqueio. Uma desvantagem de ter notch menor.

Ainda assim, quem fica com esse ponto é o modelo da Xiaomi, por oferecer mais opções ao usuário.

Desempenho
Quanto menor o tempo, melhor

A Apple segue à frente dos concorrentes com o hardware cada ano mais potente. Ao menos é o que a gente vê nos testes de benchmarks, com pontuação muito superior do iPhone 11 Pro em comparação com o Mi 9.

Em nosso teste de velocidade, a vantagem do modelo da Maçã ficou em quatro segundos, mostrando que há uma fluidez e velocidade de carregamento dos aplicativos consideravelmente maior no iPhone 11 Pro.

E nos jogos, a otimização do iOS deixa o modelo da Apple à frente com taxas de quadros máxima em todos os jogos que testamos. Aqui vale dizer que o Mi 9 não vai nada mal, mas algumas limitações das versões de Android de alguns títulos, como Asphalt e PUBG Mobile atrapalham a jogatina de quem é mais exigente.

Bateria
Quanto maior o tempo, melhor

Você já deve estar sabendo que o tempo de uso do iPhone 11 Pro melhorou um bocado em relação à geração passada. E talvez já saiba que o Mi 9 não é um dos melhores tops de linha em autonomia entre os modelos lançados este ano.

Se souber ou não, a gente te diz como fica a diferença entre esses dois: o iPhone 11 Pro chegou perto das 18 horas em nosso teste padronizado, cerca de três horas a mais que o Mi 9, que ficou em quase 15 horas.

Quanto menor o tempo, melhor

A Apple finalmente começou a mandar um carregador mais rápido na caixa do iPhone 11 Pro, que reduziu em quase metade o tempo de recarga deste modelo. Mas o MI 9 preenche toda a carga em ainda menos tempo, ficando em cerca de uma hora e quinze minutos.

Câmeras

A Apple passou a oferecer conjunto triplo no iPhone 11 Pro, igualando o conjunto do Mi 9 e outros tops de linha deste ano. São as mesmas características de cada lente: uma wide principal, uma teleobjetiva com aproximação ótica de duas vezes, e uma ultra-wide, com campo de visão maior.

As lentes teleobjetiva e principal oferecem boa qualidade das fotos nos dois modelos, mas o Mi 9 exagera mais nas cores e contraste das fotos, principalmente se você deixar configurado para tirar as fotos com 48 megapixels no sensor principal.

Na ultra-wide, o iPhone 11 Pro fica um pouco à frente em nitidez e nível de detalhes, além de oferecer nível de ruídos menor com pouca luz.

iPhone 11 Pro

Falando em pouca luz, ambos oferecem o modo noturno para esses ambientes, com a diferença que o da Apple aciona automaticamente. E consegue resultados melhores, também.

No modo retrato, mais uma vez o iPhone fica à frente, com qualidade do recorte e desfoque melhor que o concorrente.
O ponto da câmera principal fica com o modelo da Maçã.

Mi 9

Na câmera de selfies, o Mi 9 exagera de novo no contraste, que fica mais suave no iPhone por oferecer maior alcance dinâmico. à noite, mesmo apresentando alguns granulados, a foto do modelo com a Maçã na traseira consegue ser mais fiel e mostrar o rosto e cores de forma mais realista. O Mi 9 exagera no pós-processamento e entrega uma imagem que beira o artificial.

Por fim, nos vídeos, temos gravação em 4K a 60 fps nos sensores principais, mas na frontal só o iPhone 11 Pro permite essa resolução e taxa de quadros. E ainda tem as slofies para ajudar.

A Xiaomi ainda está atrás dos concorrentes mais careiros em qualidade de câmeras, e apesar de ter boa pontuação no DxOMark, é nítida a qualidade inferior ao iPhone em todos os cenários. Mas é bom dizer, que isso não significa que seja ruim!

Preço

Mas no fim das contas, o que vale - ao menos para muita gente - é o preço. E nisso a Xiaomi ainda é imbatível apesar de a operação oficial no Brasil não fazer jus aos valores bem mais baixos que a concorrência que vemos no exterior.

Ainda assim, não faltam opções de importadores em marketplaces de grandes varejistas online, que oferecem preço mais parecido com o internacional.

O iPhone 11 Pro chegou ao Brasil a preço mais baixo que o antecessor, mas ainda é mais caro que todos os concorrentes.

Conclusão

Continuando o raciocínio, a diferença de preços do Mi 9 pro iPhone 11 Pro pode chegar, no momento em que este comparativo é produzido, a quase R$ 5.000! Enquanto o modelo da Xiaomi está em cerca de R$ 2.200, o iPhone 11 Pro está em R$ 7.000.

É uma diferença muito grande. É verdade que o conjunto do iPhone é melhor, mas não é o suficiente pra justificar toda essa diferença. Se fosse até mil reais mais caro, vá lá. Mas você consegue comprar três Mi 9 e ainda sobra um dinheiro pra gastar em ótimos fones de ouvido com o que gastaria em um iPhone 11 Pro.

Se você acha que vale a pena pagar mais no aparelho da Apple, tudo bem. Ele é realmente um aparelho melhor, e o dinheiro é seu, só você pode decidir como gastá-lo.

E aí, você concorda? Gosta mais do iPhone 11 Pro ou do Mi 9? Conta pra gente nos comentários.

(atualizado em 22 de novembro de 2019, às 08:29)

99

Comentários

iPhone 11 Pro vs Mi 9: vale a pena pagar o triplo no melhor conjunto? | Comparativo

Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até outubro de 2019

10 melhores smartphones top de linha para fotos e vídeos | Guia do TudoCelular

TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

Conheça o iPhone X | Vídeo do TudoCelular