LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Huawei Watch GT2e combina boa autonomia de bateria com preço salgado | Análise / Review

01 de março de 2021 2

A Huawei ensaiou um retorno ao mercado brasileiro apostando alto em 2019, mas as sanções sofridas pela empresa nos Estados Unidos e a proibição de fazer negócios com o Google afetaram sua atuação no Ocidente e, fora da China, o foco passou a ser em wearables e produtos de conectividade, como roteadores e modems.

Um desses dispositivos é o Huawei Watch GT 2e, uma versão simplificada do principal relógio inteligente da gigante chinesa, mas que ainda entrega recursos avançados e design premium. Será que vale investir no modelo mesmo não tendo um celular da Huawei? É o que você confere na análise a seguir.

Design, construção e tela

A primeira impressão que o Huawei Watch GT2e passa é de elegância, com um corpo que combina metal, plástico e vidro na caixa do relógio. Cercando o visor, um corpo de metal passa sensação de robustez e durabilidade, e abriga também os dois botões laterais, também de metal, que controlam diferentes funções do modelo. A parte metálica liga ainda o relógio à pulseira, feita em plástico emborrachado, que mantém o ar sóbrio.

Por falar em pulseira, ela conta com furos dos dois lados para ajudar na transpiração. São dois passadores e um feixe, também de metal, que tem a inscrição da marca. É uma pulseira de 22mm com presilhas metálicas que tornam fácil a tarefa de trocar. Talvez, pelo formato da pulseira, encontrar modelos de terceiros para substituir não seja tão fácil, mas a própria Huawei tem uma variante esportiva e colorida, com furos que lembram os modelos de Apple Watch produzidos em parceria com a Nike.

Na traseira estão localizados, de forma centralizada, os quatro sensores e dois conectores para carregamento. Ainda é possível ver, nas extremidades, os quatro parafusos que seguram a caixa.

Já a tela é composta basicamente por vidro, embora haja uma coroa para orientação dos minutos, mesmo que não haja ponteiros físicos. Não é um vidro 2.5D como no Galaxy Watch Active 2, porém é possível perceber que o display é reto na parte central, mas há alguma diferença na parte que cobre a moldura.

Para pessoas pouco cuidadosas, a ausência de uma proteção na coroa, mais alta que o vidro, pode ser um problema, já que o relógio fica mais exposto a arranhões e batidas. Falando especificamente sobre a tela, temos um modelo AMOLED com boa reprodução de cores e brilho intenso mesmo sob o sol. Esse brilho pode ser ajustado em cinco diferentes níveis ou mantido no automático, como aconteceu na maior parte dos nossos testes.

Aplicativo dedicado

Para usar o relógio, basta usar o aplicativo Huawei Health, batizado apenas de Saúde em celulares da gigante chinesa. Ele está disponível na Play Store e App Store e não necessita de plugins ou outros serviços para ser executado. Se você não possuir um celular da fabricante, será necessário fazer o login, encontrar o relógio e pareá-lo.

Lá ficam disponíveis os dados de sono, treino, calorias perdidas e todos os dados que o relógio pode armazenar. É possível escolher por sincronizar os dados automaticamente, e ver informações como batimentos cardíacos na tela do celular praticamente em tempo real. Além disso, pode começar exercícios pelo relógio e ainda adicionar músicas e instalar novas watchfaces além das 12 que vêm carregadas no relógio.

Uma novidade bem-vinda é que, se precisar parear o relógio em outro telefone, basta apenas entrar na função “Novo telefone” do próprio relógio, sem precisar fazer hard reset, como acontece em outros modelos.

Interface

A interface da Huawei sabe se aproveitar bem da boa tela do relógio, e oferece um design sóbrio na fonte e formato dos ícones. E isso é ótimo, por exemplo, para as notificações. É fácil e rápido ler uma mensagem que chega via WhatsApp, ser notificado de uma curtida ou comentário no Instagram e Facebook ou ver detalhes rápidos de um e-mail que chega na caixa de entrada. Mas há um porém: não há a menor chance de responder essas mensagens e, se algum contato seu mandar imagens ou figurinhas no mensageiro, o máximo que você verá é que chegou uma mensagem, sem saber o conteúdo.

O Watch GT2e não permite baixar aplicativos de terceiros, recurso presente apenas em modelos de Samsung e Apple, mas pode ser personalizado com centenas de opções de watchfaces e ainda conta com 4GB de armazenamento para adicionar músicas em mp3 – se você ainda usar esse recurso – embora haja um controlador de músicas que reconhece apps como o Spotify ou qualquer outro player que estiver usando.

Mesmo sem apps de terceiros, há uma grande quantidade de funções presentes, que vão desde as básicas, como encontrar o telefone, medir o estresse, verificar frequência cardíaca, rastreamento de sono, barômetro, bússola, clima e notificações até recursos mais raros, como exercícios de respiração e medidor de oxigenação no sangue, algo cada vez mais procurado por ser um dos possíveis sintomas da Covid-19.

Entre os recursos disponíveis está a possibilidade de parear fones de ouvido diretamente no relógio e dispensar o celular na hora do treino e também a detecção automática de exercícios, mas que está presente em uma gama ainda limitada de atividades. A detecção consegue entender apenas quando um exercício começa, e não quando termina. Ou seja, usuários que querem um acompanhamento mais preciso de seus treinos precisarão lembrar de parar o treino no relógio assim que acabar.

Usabilidade e esportes

Outro ponto que merece elogios é o recurso True-Sleep, que faz dos dispositivos da Huawei aqueles com melhor precisão no rastreamento de sono, captando com detalhes o tempo acordado, e o rastreamento de sono REM. O monitoramento cardíaco é constante e, embora não tenha precisão médica, fornece um bom indicativo para quem quiser acompanhar seus batimentos.

Fora isso, há uma quantidade ainda maior de possibilidades de treino que o relógio monitora, que vão desde a tradicional corrida e esteira a exercícios de natação em mar aberto, triatlo, crossfit, treinamento funcional, e até dança jazz, latina e balé. E como se não fosse o suficiente, há ainda uma aba de treinos divertidos, que incluem dança de rua, patinação, bambolê, dardos e, se você quiser saber quantas calorias gasta para empinar pipa, o Watch GT2e te conta.

Outro destaque, só possível graças à proteção contra água, é o monitoramento de diversos esportes aquáticos e de inverno. Ou seja, de surfe a bobsleigh, é difícil encontrar uma atividade física que não seja monitorada pelo relógio. A má notícia é que, como vários relógios inteligentes que não são voltados para o desempenho profissional, há problemas no GPS, que por vezes demora para iniciar o rastreamento da atividade, resultando em treinos sem medição precisa em alguns casos.

Bateria

Nos acostumamos a ver relógios caros com autonomia de bateria de celular intermediário. Ou seja, dois dias e olhe lá. No caso do Watch GT2 a boa notícia fica por conta da boa autonomia. Em nossos testes, a bateria chega ao fim depois de seis dias de uso. Para isso, uma média de três a quatro treinos, notificações – inclusive as do Whatsapp -, tela no brilho automático e monitoramento cardíaco constante, um padrão de uso bastante comum.

Para carregar a bateria precisamos de 1h26m, sendo que em 1h de carregamento já tínhamos 85% de bateria. Não espere por carregamento sem fio, e o dongle de carregamento é magnético, e conta com conexão USB-C. Isso significa que você pode usar o carregador do seu próprio celular ou até mesmo conectar o cabo no PC ou qualquer dispositivo que forneça energia.

Conclusão

O Huawei Watch GT2e é um bom smartwatch, com construção premium, mais recursos que modelos badalados de Xiaomi e Realme, por exemplo, mas peca em um ponto fundamental: o preço. Com preço em torno de R$ 1000, ele já não se encaixa propriamente na categoria custo-benefício, e tem um rival à altura: o Galaxy Watch Active 2, que pode ser encontrado com preços próximos ao modelo da Huawei, e oferece mais: integração com apps Samsung, apps de terceiros como Strava e Spotify direto no relógio e ainda monitoramento de pressão arterial e função eletrocardiograma.

Design e beleza são conceitos subjetivos e absolutamente pessoais, mas é uma tarefa difícil recomendar o modelo da Huawei com um concorrente tão duro na mesma faixa de preço. Isso porque, mesmo com um grande leque de funções, há pontos para melhorias no GPS e falta interatividade com as notificações, já que não é possível responder mensagens, mesmo aquelas respostas prontas presentes até mesmo em pulseiras inteligentes.

Prós e contras
ConstruçãoQuantidade de exercícios monitoradosFuncionalidadesInterfaceAutonomia de bateria
GPS demora para carregarPreçoSem suporte a apps de terceirosNão responde notificações
Ofertas

2

Comentários

Huawei Watch GT2e combina boa autonomia de bateria com preço salgado | Análise / Review
Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020