LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Cuidado, Nintendo Switch! Startup quer usar o Android para desenvolver console híbrido

16 de maio de 2018 2

Usar o Android para oferecer uma experiência personalizada em jogos não é novidade: a Nvidia já tentou no passado com o Nvidia Shield que não ganhou boa adesão por parte de desenvolvedores, e logo fez a companhia repensar sua atuação nesse nicho o relançando como um produto para TV.

Em uma época em que até o PS Vita parece não ser mais tão atrativo e uma parcela expressiva da população usa os smartphones para jogar, é importante pensar em produtos para esse mercado. Não à toa a Xiaomi mal colocou seu celular gamer no mercado e já garantiu 1 milhão de pessoas interessadas. A ZTE foi logo depois com o Nubia Red Magic. Ambos certamente serão aparelhos muito competentes, mas ainda não deverão entregar algo importante para muitos jogadores: a versatilidade de um console.

Isso porque muitas vezes a praticidade da tela grande das televisões é bem-vinda. O Nintendo Switch chega próximo disso, mas ainda não é um smartphone, e pensando nisso uma nova startup surge no mercado com o ambicioso desejo de lançar um console híbrido, capaz de ser celular no dia a dia, e um vídeo game completo dentro de casa.


Essa novidade é planejada pela Wonder, que apesar de só ter até o momento um protótipo não revelado desse produto, trabalha paralelamente em uma personalização do Android chamada WonderOS. Ela nada mais seria que uma distribuição do sistema capaz de permitir o overclock da placa de vídeo, permitindo desempenho superior (porém, com maior consumo de bateria). Ele também permitiria o fácil acoplamento do smartphone em uma dock, transmitindo automaticamente a imagem para uma televisão.

A companhia informa que também conversa com fabricantes para oferecer o WonderOS a aparelhos de alto desempenho do mercado, mas ainda não há nenhuma parceria fechada, e os maiores esforços estão concentrados em polir o protótipo proprietário e fechar parcerias com desenvolvedoras para evitar o fracasso que foi visto no episódio Nvidia Shield.

A Wonder está inclusive negociando com a Valve - dona da Steam - a possibilidade de abarcar no seu produto a possibilidade de streaming dos jogos da plataforma, o que já a deixaria com uma biblioteca gigante para a estreia.

Porém, todos os planos da startup estão em fases ainda muito iniciais, e todo o desenvolvimento está concentrado nas mãos de 30 funcionários em Los Angeles e alguns engenheiros em Seattle, além de parceiros em São Francisco. Segundo o CEO Andy Klainman a companhia conta ainda com um aporte financeiro de US$ 14 milhões da chinesa TLC.

E você, acha que o projeto vai para a frente? Deixe a sua opinião nos comentários!


2

Comentários

Cuidado, Nintendo Switch! Startup quer usar o Android para desenvolver console híbrido
  • competir com o switch é o cumulo do exagero kk, o android n possui nada que possa competir com a biblioteca da Nintendo(contando so exclusivos). mas vamos ver se ele vai conseguir ver a luz do dia.

      • No caso, Android serviria apenas como plataforma. Mas se tiver hardware otimizado, jogos não vai faltar. Aceitando ou não, Nintendo não tem jogos novos ao ponto de não receber concorrência.

        Android

        TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

        Android

        TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular

        Android

        TOP 10 smartphones intermediários com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

        Android

        TOP 10 smartphones intermediários com melhor autonomia | Guia do TudoCelular