LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: Oi Futuro lança plataforma digital com acervo online do museu carioca MUSEHUM

29 de junho de 2020 0

O Oi Futuro anunciou hoje (29) o lançamento do Acervo Online MUSEHUM (Museu das Comunicações e Humanidades). A plataforma digital reúne mais de 3800 itens inéditos da coleção, que conta com fotografias históricas, objetos e documentos, e pode ser acessada pelo site dedicado.

A ideia é ampliar o acesso ao acervo, além de preservar a memória, criar novas formas de interação com o público além do espaço físico, provocando novas experiências com trilhas digitais de visitação, especialmente em tempos de pandemia, onde museus e outros equipamentos culturais seguem fechados para que se mantenha o isolamento social.


Inaugurado em 2020, o MUSEHUM fica localizado no Rio de Janeiro, mais precisamente no Centro Cultural Oi Futuro, e está fechado para visitações, contudo a digitalização de seu acervo permitirá ao público de todo o país acessar o acervo a qualquer hora e local.

Para desenvolver o projeto, o Oi Futuro teve como base a pesquisa “Narrativas para o Futuro dos Museus”, estudo realizado com o público brasileiro e disponibilizado em 2019. A pesquisa mostra que 56% dos brasileiros acreditam que ferramentas tecnológicas combinam com museus, e 64% apontam que o que dá sentido aos museus é o acervo, pois é por meio dele que formamos conexões emocionais, históricas, sociais e científicas que nos fazem refletir sobre o tempo presente.

Disponibilizar acervos de museus online é preservar a cultura e o conhecimento trazido por cada objeto. É fazer a informação chegar ao máximo de pessoas possível. Uma parte significativa da trajetória humana sobre o seu território está depositada em museus pelo mundo, e este legado precisa estar disponível para pesquisas e ressignificações”

Bruna Cruz, coordenadora do MUSEHUM e museóloga do Oi Futuro.


O acervo conta com mais de duas mil fotografias histórias, com imagens seculares, que mostram o desenvolvimento urbano das cidades, dia a dia em diversas décadas, mostrando os costumes e comunicação nas cidades, além da primeira lista telefônica, as câmeras fotográficas de diversas décadas e o telégrafo.

Ao levar o MUSEHUM para o meio digital, o Oi Futuro abre mais um canal de aproximação entre o acervo e o público, que, invariavelmente, se reconhece nas histórias, sentimentos e saberes que esses objetos guardam. O cenário de isolamento acelerou o processo de digitalização e nos motivou a criar uma experiência online que seja uma expansão da vivência presencial do museu, possibilitando uma visão mais ampla e informativa do acervo”

Roberto Guimarães, gerente executivo de Cultura do Oi Futuro.


0

Comentários

Coronavírus: Oi Futuro lança plataforma digital com acervo online do museu carioca MUSEHUM
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 65.487 mortes em 1.623.284 casos confirmados | Relatório diário

Google

Nearby Share: "AirDrop do Google" começa a chegar aos usuários Android em versão beta

Apple

Agora tem widgets? iOS 14 e todas as suas novidades | Hands-on em vídeo

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Junho 2020