LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Surface Duo: reviews colocam smartphone como souvenir, e não como competidor sério

10 de setembro de 2020 22

O Microsoft Surface Duo começou a chegar ao mercado hoje (10), e como era esperado, algumas análises já dão conta de confirmar algumas impressões iniciais do produto.

O PhoneArena, por exemplo, destaca que apesar dele ser um produto legal, não pode ser considerado um produto que chega para disputar público com celulares dobráveis. E de fato: Samsung, Huawei e até a LG estão há mais tempo promovendo tentativas, e a dona do Galaxy Z Fold 2 mostrou que fez um trabalho bastante competente dessa vez.

Esse, aliás, é o smartphone escolhido pela equipe do portal para fazer algumas comparações básicas com o Surface Duo. Para começar, o celular da Samsung oferece uma tela externa, e é de fato dobrável. O da Microsoft oferece duas telas separadas por grandes bordas. Em virtude disso não funciona para gestos contínuos entre esses dois displays, como rolagem de uma página. Também impede a visualização de um vídeo aproveitando os dois painéis.

Para ser utilizado como um smartphone convencional o Surface Duo também exige uma dobradura de quase 360º. Mesmo assim, quando o usuário finalizar sua atividade, o ideal é fechá-lo com as telas para dentro, evitando que os displays fiquem suscetíveis a arranhões e outros problemas.


Em termos de especificações o Surface Duo oferece o Snapdragon 855, o que já é bem melhor que o processador intermediário que virou filosofia para a linha Razr da Motorola. O preço cobrado pelo produto, porém, US$ 1.399 é difícil de engolir diante da pouca inovação que o produto efetivamente oferece.

O aparelho da gigante de Redmond certamente achará o seu público, principalmente entre os entusiastas da marca. A linha Surface é quase uma grife, e a Microsoft não parece preocupada em fazer rios de dinheiro com esse produto. Ele é quase um souvenir para essa comunidade mais ferrenha de fãs.

Em todo caso, cabe destacar que a Microsoft não sofria, ao menos publicamente, pressões mercadológicas para colocar à venda um hardware desse tipo, como Samsung, Huawei e outras sofrem. Enquanto essas fabricantes mais tradicionais de smartphones precisam correr contra o relógio para ações não ficarem desvalorizadas por estarem ficando "para trás" na corrida tecnológica, a Microsoft parece gozar de um privilégio maior, que é o de tomar o seu próprio tempo para o desenvolvimento de novos gadgets para o mercado de smartphones. É só vermos há quantos anos aguardávamos um "Surface Phone", e o que efetivamente a companhia conseguiu entregar nesse primeiro momento.

E você, o que acha do Surface Duo e da sua proposta para o usuário? Conte para a gente nos comentários!

O Microsoft Surface Duo ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.

22

Comentários

Surface Duo: reviews colocam smartphone como souvenir, e não como competidor sério
  • Eu gostei, principalmente a opção de usar dois aplicativos em telas separadas de tamanho decente.

      • Realmente, não é o que esperávamos. Ter o Android se torna apenas mais um no mercado, onde não tem como competir. Mas, sabemos que a linha Surface é para inspirar outros fabricantes a fazer algo diferente. Com Windows 10 ARM faria mais sentido ter um tablet menor que dê para levar no bolso e que também pode ser telefone. Do jeito que está parece um telefone querendo ser tablet. De qualquer forma, eu gosto mais desse formato de livro do que as telas dobráveis que estão oferecendo hoje.

          • No WC tem alguns detalhes de usuários que não estão tão satisfeitos. Fora do WC também se acha muita matéria semelhante.

            A MS vai abandonar em breve o projeto.

            1- sistema não responde bem como telefone e nem como tablet
            2- não é prático
            3- caro
            4- como uso corporativo vai ter que depender de programas que rodem na nuvem, visto que o a Android não tem o foco nisso, apps pra isso.
            5- desenvolvedores não vão perder tempo com isso (histórico) se não vende, não ganha dinheiro
            6- Microsoft é a rainha dos cancelamentos
            7- conceito defasado

              • Sinceramente, esperava muito mais da Microsoft, com todas as parentes que ela tem da Nokia.

                  • Acho que deveria ter enfiado Windows nisso. Aí sim seria algo corporativo. Será que eu sou o único que amava Windows fone. Mas hoje o Windows 10 já roda muito bem em processadores arm.

                      • N sei qual a novidade, já chega tecnicamente "defasado", onde pelo mesmo preço vc encontra algo melhor ...

                          • ela parece querer popularizar o FORMATO desses novos smartphone's pra oferecer no futuro breve(2021 e alem) através de seus parceiros (samsung) o Windows 10X neles.

                            • Microsoft cometendo os mesmo erros da época do windows phone. Pena!

                              • Discordo em partes, muitos reviews que eu sigo, rasgaram elogios para o Duo, a construção praticamente perfeito, otimização do sistema, a qualidade da dobra, ele é praticamente um produtoa parte, basta as empresas de app's começarem a otimizarem os app's para celulares dobravel que parte das limitações vai sumir, como a materia mesmo disse, SURFACE é outro patamar de produto, ele não concorre de verdade com ninguem, produto para empresarios ricos que gostam de ter produtos eficientes para trabalho.

                                  • "gostam de ter produtos eficientes para trabalho." hahaha

                                      • Eu também li bastante sobre o assunto e vi ao contrário do que você falou.

                                        Disseram que é ruim como telefone e ruim como tablet. Sistema ainda apresenta bugs e não tem categoria onde se encaixa no uso. Como uso corporativo não tem utilidade e recreativo também não.

                                        Anos investindo em um conceito defasado.

                                          • Cara na boa: vc acha que os desenvolvedores vão perder tempo criando aplicativos para um SO que vende 1/10000000 do Android?? Vc faria isso?

                                            • Compraria de boa! Ainda bem que não precisa de Conta Google para usar PlayStore kkk

                                                • another one bites the flop

                                                    • Ou seja, já nasceu morto %uD83D%uDE02%uD83D%uDE02.

                                                      Tech

                                                      Coronavírus: Brasil chega a 141.741 mortes em 4.732.309 casos confirmados | Relatório diário

                                                      Android

                                                      Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Setembro 2020

                                                      LG

                                                      Moto G8 Plus vs LG K51S: mais câmeras fazem fotos melhores? | Comparativo

                                                      Android

                                                      Novo Tracker 2021: app e WiFi a bordo fazem diferença? | Análise / Review