LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

iPhone 12 Pro encara teste de display do DxOMark e empata com Galaxy S20 Ultra

10 de novembro de 2020 14

Famoso pelos testes de câmera e áudio que aplica em smartphones e outros dispositivos, o DxOMark estreou no mês passado seu teste dedicado a displays. Junto à análise, foi inaugurado o primeiro ranking com os celulares que possuem melhor tela no mercado, liderado pelo Samsung Galaxy Note 20 Ultra. A organização prometeu expandir a seleção conforme novos aparelhos fossem surgindo.

Assim sendo, o mais novo smartphone a encarar a bateria de testes de tela do DxOMark é o iPhone 12 Pro da Apple. O aparelho foi oficializado no dia 13 de outubro e está enfim disponível em inúmeros países.

O celular é equipado com um painel OLED produzido pela Samsung e otimizado pela gigante de Cupertino, sendo conhecido desta forma como Super Retina XDR. O componente possui 6,1 polegadas e resolução que segue os estranhos números da Maçã, com 2532x1170 pixels. Seis áreas foram analisadas: Legibilidade, Cor, Vídeo, Movimento, Toque e Artefatos. Os outros dois aparelhos utilizados na comparação são o iPhone 11 Pro Max e o OnePlus 8 Pro, sempre organizados nesta ordem nas imagens.


Legibilidade

Começando por Legibilidade, os engenheiros do DxOMark elogiaram o aparelho da Apple por sua velocidade em reagir a mudanças bruscas de luz, sendo rápido quando o nível de brilho ambiente aumenta e um pouco lento quando diminui, mas mantendo as transições sempre suaves.

O filtro de luz azul do iPhone 12 Pro (à esquerda) é um de seus pontos mais fracos devido às fortes distorções de brilho e cores que causa.

No entanto, o iPhone 12 Pro apresenta os mesmos problemas de brilho de seu antecessor. Sua visibilidade quando há incidência de luz direta é baixa, ainda que seja possível enxergar o conteúdo exibido. Além disso, há perda significativa de brilho quando o painel é visto de determinados ângulos, e seu filtro de luz azul traz bastante distorção das cores e de brilho quando ativado.

Cor

Apesar de trazer melhorias em relação ao iPhone 11 Pro Max, o iPhone 12 Pro ainda fica bem atrás dos líderes dessa categoria. O aparelho conta com um tom amarelado que acaba por afetar sua fidelidade de cores, mesmo que corrija suavemente seu nível de branco. Ainda assim, o celular da Apple consegue manter as cores bastante precisas no geral, tendo pouca tendência a distorcê-las.

O celular da Apple (à esquerda) não apresenta tendência a distorcer as cores, mas conta com nível de branco muito próximo do amarelo, o que afeta sua fidelidade.

Ao ser visto em ângulos, no entanto, o iPhone 12 Pro acaba apresentação variações, perdendo saturação e exibindo uma tonalidade entre o azul e o verde mais intensa que o iPhone 11 Pro. Os engenheiros do DxOMark mais uma vez citam a maneira como o filtro de luz azul afeta seriamente a precisão de cores do iPhone 12 Pro.

Vídeo
Ótimo aparelho para vídeos, tendo reprodução em HDR10 como ponto forte, o iPhone 12 Pro segue afetado pelo nível de branco amarelado, que modifica tonalidades como o verde.

No geral, o iPhone 12 Pro se saiu bem na categoria de vídeos, tendo a reprodução de conteúdo com HDR10 como um de seus pontos mais fortes. O dispositivo apresentou ótimo nível de brilho, sem que houvesse excessos como no iPhone 11 Pro Max, e apesar de apresentar baixo contraste em tonalidade intermediárias, sua exibição de detalhes em áreas escuras é bastante precisa. Ainda assim, assim como em imagens estáticas, há presença de uma tonalidade amarelada que acaba afetando a fidelidade de cores, especialmente a dos verdes.

Movimento

Em Movimento, o iPhone 12 Pro empata com o iPhone 11 Pro Max, apresentando pouquíssimos engasgos durante a exibição de vídeos em 4K com HDR10 tanto em 30FPS quanto em 60FPS. Apesar disso, os engenheiros notaram raras quedas de frames durante sessões de games. O dispositivo se saiu bem em relação ao motion blur, não apresentando frames duplicados, mas apresenta um curto atraso ao reproduzir vídeos, momento durante o qual exibe artefatos como blocking e pixelização.

Toque
O iPhone 12 Pro (à esquerda) é o mais preciso dos três aparelhos comparados, mas não apresenta suavidade em seu toque.

Em toque, o iPhone 12 Pro apresenta um resultado curioso: ainda que tenha obtido uma nota significativamente inferior ao OnePlus 8 Pro, o aparelho conta com maior precisão, mas sofre pela suavidade. Entre os três aparelhos testados, o lançamento da Apple é o mais preciso, mas independente da tarefa realizada, há ausência de sensibilidade.

Artefatos

De acordo com os engenheiros do DxOMark, assim como no iPhone 11 Pro Max, o iPhone 12 Pro apresenta alta incidência de artefatos, visíveis principalmente com vídeos ou games em tela cheio. O maior problema no entanto é a oscilação do painel, muito visível em situações de baixa luz, como pode ser visto no vídeo a seguir:

No mais, o iPhone 12 Pro não apresenta toques fantasmas e nem lentidões, lidando com o aliasing em jogos de maneira muito superior aos seus concorrentes.

O iphone 12 Pro (à esquerda) se sai muito bem em relação ao aliasing, superando seus concorrentes.

Em conclusão, o iPhone 12 Pro apresentou singelas melhorias em relação ao iPhone 11 Pro Max, marcando assim 87 pontos e empatando com o Samsung Galaxy S20 Ultra. O DxOMark aponta no entanto para a presença de artefatos, para a oscilação do display e principalmente para o nível de branco amarelado do display como seus pontos mais fracos.

Especificações técnicas
71.5 x 146.7 x 7.4 mm
6.1 polegadas - 2532x1170 px
Ir para página de comparação
  • Tela Super Retina XDR OLED de 6,1 polegadas com 1170 x 2532 pixels e HDR10
  • Chip Apple A14 Bionic com CPU hexa-core e GPU Apple quad-core
  • 6 GB de RAM
  • 64/128/256 GB de armazenamento
  • Câmeras traseiras de 12 MP + 12 MP ultra-wide de 120° fov + 12 MP tele 2x zoom óptico
  • Câmera frontal de 12 MP
  • Conectividade Wi-Fi 6, Bluetooth 5.0, NFC e 5G
  • Bateria de 2.815 mAh
  • iOS 14
  • Dimensões: 146,7 x 71,5 x 7,4 mm
  • Peso: 189 gramas
  • IP68 com resistência de 6m por 30min
Veja mais

O Apple iPhone 12 Pro está disponível na Americanas por R$ 10.999. Para ver as outras 14 ofertas clique aqui.
(atualizado em 04 de dezembro de 2020, às 09:04)

14

Comentários

iPhone 12 Pro encara teste de display do DxOMark e empata com Galaxy S20 Ultra
Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020

Android

O melhor celular para comprar na Black Friday 2020

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas