LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

HTC: a história de uma das companhias mais inovadoras do mundo

13 de novembro de 2014 14

A HTC é uma das gigantes da tecnologia, mesmo que não possua um nome tão forte em nosso país, tendo deixado de atuar por aqui ainda em 2012. Entretanto, até mesmo nós devemos reconhecer que a fabricante se esforça em lançar aparelhos acima da média do mercado, com materiais premium em sua construção e uma customização do Android tão elogiada quando o sistema em sua versão pura, algo extremamente raro de se ver.

Devido a isto, resolvemos contar um pouco sobre a história dessa companhia, para que todos possam ter uma ideia do quanto ela ajudou a chegarmos no nível que estamos em tecnologia, além de poderem ver o quanto ela faz falta em nosso país.

O início da HTC

Cher Wang, fundadora da HTC

O história da HTC começou em Taiwan, no dia 15 de maio de 1997, quando Cher Wang resolveu utilizar o dinheiro de sua rica família para algo mais útil do que comprar bolsas e sapatos, unindo-se assim a Peter Chou para fundarem a High Tech Computer. A empresa na época não passava de um escritório fechado e sem janelas, utilizado para a fabricação de laptops, porém em pouco tempo foi possível perceber que eles poderiam tirar um grande lucro deste setor.

Pouco tempo depois, contudo, foi necessário que Cher Wang tomasse uma decisão difícil: concentrar as atividades em laptops ou transferir o foco aos aparelhos eletrônicos de mão, um segmento de mercado que começava a parecer extremamente promissor. Após algumas reuniões, foi decidido que o foco seria alterado para os telefones celulares, com o objetivo de levar todo o poder da computação para a palma da mão do usuário.

Caso você não tenha ouvido falar da HTC até algum tempo atrás, possivelmente isto se deve ao fato de que ela trabalhava no esquema ODM, que consista em desenvolver e fabricar aparelhos para serem vendidos por outras marcas, entre elas a Dell, Sharp e HP.

Mesmo assim, é importante frisar que, mesmo antes de sequer ser pensado o termo smartphone, a companhia já trabalhava com aparelhos wireless handheld, que podem ser vistos como seus precursores, ainda antes dos anos 2000.

Rumo à globalização


Ao longo dos anos, a empresa também fechou parcerias com grandes operadores de telecomunicações americanas, europeias e asiáticas, fabricando linhas de produtos que ficaram populares nos países em que eram comercializados, como por exemplo, o Orange SPV e o T-Mobile MDA. Ela também passou a comercializar produtos através de sua subsidiária Qtek, o que fez a sua parcela de clientes aumentar consideravelmente.

Vale notar que a HTC foi pioneira no seguimento dos smartphones, com o desenvolvimento da tecnologia touch screen, que culminou com o lançamento de um dos primeiros modelos de smarthphone que utilizava esse recurso. Além disso, a marca foi responsável pela criação do primeiro telefone celular inteligente com tela sensível ao toque colorida, ainda no ano de 1999.

Todo este trabalho da gigante taiwandesa fez com que ela fosse reconhecida por outras gigantes da tecnologia, como a Microsoft, que a convidou para ser a primeira a lançar um aparelho com o Windows Mobile, plataforma para dispositivos móveis baseada no Windows CE, com o primeiro exemplar chegando ao mercado no ano de 2000 com o nome de HTC Canary.

Potência mundial


Como não poderia deixar de ser, a parceria com a Microsoft fez com que a HTC ganhasse destaque a nível mundial, fazendo com que os anos seguintes fossem de um crescimento espantoso em suas vendas, algo que foi premiado com um faturamento superior a US$ 2,2 bilhões no ano de 2005.

Ainda neste ano, a companhia anunciou ao mundo o primeiro smartphone com a plataforma Windows Mobile 5.0, sendo o primeiro com um sistema da Microsoft a contar com conexão 3G. A consequência deste enorme sucesso não poderia ter sido outra: a partir de junho de 2006, ano em que adicionou a tecnologia GPS aos celulares, o nome HTC (uma abreviatura do nome original da empresa) passou a ser utilizado como marca e conhecido entre os usuários de dispositivos móveis, tendo inclusive excelente aprovação entre os mais exigentes consumidores.

Com uma maior visibilidade da marca, ela passou a ser vista como sinônimo de qualidade para dispositivos móveis, o que certamente contribuiu para popularizar o Windows Mobile. Um dos primeiros produtos que carregaram a marca era o HTC Advantage, um potente telefone celular inteligente equipado com uma tela de cinco polegadas e teclado QWERTY destacável. Este lançamento foi seguido pelo HTC Shift, equipado com Windows Vista, tela sensível ao toque de 7 polegadas e disco rígido de 40 GB.

No fim de 2007, a HTC desembarcou oficialmente no Brasil, com nada menos do que nove opções de modelos de smartphones para os usuários. Dentre eles estava o HTC Touch, que se converteu em um sucesso de vendas. Lançado na mesma época que o primeiro iPhone, esse modelo pequeno e leve adicionou, pela primeira vez, uma interface sobre o Windows Mobile que permitia operar o aparelho usando os dedos e gestos. O inovador modelo estava equipado com a tecnologia TouchFLO da empresa, que permitia ao usuário uma navegação mais intuitiva. Essa tecnologia se mostrou tão popular que a HTC lançou outros modelos com os mesmos recursos nos anos seguintes.

O efeito Android


Reconhecida pelo design inovador de seus aparelhos, a HTC foi a primeira a adotar o sistema operacional Android. Isto aconteceu no dia 22 de outubro de 2008 com o início das vendas do T-Mobile G1 (concebido originalmente como HTC Dream). Em 2009, a empresa revelou ao mundo a HTC Sense, uma interface gráfica considerada até hoje uma das melhores para os sistemas operacionais Android e Windows Mobile, proporcionando ao usuário a experiência de estar no centro de tudo.

A partir de 2010, a HTC iniciou uma trajetória de crescimento impressionante, principalmente após anunciar a entrada no mercado chinês com aparelhos que iriam carregar sua própria marca. E a busca por alta tecnologia e inovação não parou mais: em junho de 2010 ela lançou o primeiro smartphone 4G do mundo e, em 2011, seu primeiro tablet, que possuía um design premium e tinha seu corpo fabricado totalmente em alumínio. O resultado de tanta inovação e crescimento pôde ser comprovado em 2011, quando a HTC ultrapassou a Nokia e se tornou a terceira maior fabricante de smartphones.

Ainda em 2011, a companhia apresentou seus primeiros aparelhos fabricados em parceria com a Beats, que contavam um customizações no áudio para uma experiência de imersão sem precedentes.

O Futuro


De lá pra cá, a empresa perdeu bastante mercado, não figurando atualmente nem entre as cinco maiores fabricantes de smartphones do mundo, algo causado principalmente pelo advento das gigantes asiáticas Samsung, Huawei e Xiaomi. Além disso, devemos considerar também a estadunidense Apple, que precisou de pouco tempo para assumir o controle da venda de dispositivos nos EUA, anteriormente a maior fonte de renda da HTC.

Outro ponto determinante para a má fase da companhia são as suas consecutivas perdas em tribunais, principalmente contra a Apple e a Nokia, que acusam a taiwandesa de roubar sua propriedade intelectual. Vale notar, entretanto, que a empresa tem lançado diversos dispositivos extremamente bem vistos pela crítica, como o One M8 e, mais recentemente, o Desire Eye, ambos com diferenciais bem interessantes.

Abaixo pode ser visto um vídeo liberado pela própria HTC, que está em inglês, porém explica bastante sobre a história de sucesso da companhia ao longo dos anos.


14

Comentários

HTC: a história de uma das companhias mais inovadoras do mundo
  • Uma das melhores empresas do mundo no setor mobile. Pena que não é mais a mesma hoje em dia. Ela, Nokia e BlackBerry, as melhores.

      • HTC, Nokia e BlackBerry eram as melhores do mundo. Hoje, nenhuma das três são mais o que era antes. Aliás, a Nokia nem existe mais no setor de Smartphones. Só para se ter uma ideia.

        • Eu tenho um HTC ONE M8 e ate hoje nenhum outro smartphone se compara a ele muito bom top de mais vale apena não troco ele por nenhum outro

            • Troquei recentemente meu iPhone 5s por um HTC One M7, como um usuário exigente que sou, a HTC superou todas as minhas expectativas. Design e material de alto nível, igual se não superior ao da Apple. Hardware muito potente, mesmo sendo um aparelho do início de 2013, não apresentou nenhum engasgo até agora. A interface Sense é sem dúvida a mais bonita personalização de uma fabricante. Só tenho elogios a essa grande marca, é realmente uma pena ela não atuar no Brasil, mas entendo que é difícil atuar em um país onde os impostos são absurdos.

                • Semente duas empresas me interessam no momento. Xiaomi e HTC.
                  Xiaomi esta a caminho do Brasil por isso vou de Mi4 se a HTC não tivesse saído do Brasil certamente seria o One M8 a minha escolha.

                    • Muito bom a HTC ta de parabens pena os impostos Brasileiros terem tirado ela da america latina

                        • Tive por 3 anos um HTC Nexus One, posso dizer de boca cheia: APARELHO INCRÍVEL em termos de hardware (construção) realmente tudo de primeira qualidade, você sente na mão a qualidade do aparelho. Infelizmente como não atua mais no Brasil estou de Moxo X 2013. Mas sempre passo vontade em cada lançamento da HTC um mais incrível que o outro. :-(

                            • Tenho um M8 e não me arrependo em nada com ele, e não mudo de HTC, disgn impecavel e usabilidade incrivel, mas bem que os rumores poderiam se concretizar e ela voltar para o brasil

                                • Meu sonho de consumo ainda é um HTC, se não fosse pela dificuldade de assistência técnica por aqui eu importaria um, sempre invejei a qualidade e design que usam...

                                  • Infelizmente a Apple engoliu a HTC...

                                      • O melhor smartphone que tive foi um HTC com wm 6.1, construção impecável

                                          • é pra algumas pessoas a vida é difícil....

                                            uma mulher acabou de pular de cima de um prédio aqui em Passos MG
                                            Trágico

                                              • peço desculpas por colocar essa noticia aqui no site.
                                                não tem nada a ver.... foi mal....

                                                agora em relação a matéria...
                                                Já tive um smartphone da HTC... acho que o SO era o windows mobile sei lá kkkk
                                                era até legal.
                                                HTC tem potencial pra crescer no mundo dos smartphones

                                                Android

                                                Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia

                                                Android

                                                10 melhores smartphones top de linha para fotos e vídeos | Guia do TudoCelular

                                                Android

                                                TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular

                                                Android

                                                TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular