LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

LG K51s vs K50s: celular mais novo é sempre melhor? | Comparativo

14 de setembro de 2020 19

O K50s é um dos melhores celulares básicos da atualidade por aliar bom desempenho, bateria que dura muito e câmeras de qualidade. A LG aproveitou a fama que seus basicões vêm ganhando entre os brasileiros e trouxe recentemente o K51s, que tenta repetir a mesma fórmula. Será que consegue? Neste comparativo veremos qual dos dois vale a pena comprar.

Índice do comparativo

Design

LG K51s

LG K50s

Não espere uma grande evolução de uma geração para outra em celulares de entrada. O K51s mantém a qualidade de construção e certificação militar de antes, mas abandonou o entalhe de gota e adotou um furo para a câmera de selfies. Porém, ele continua do mesmo tamanho e mantém a espessura de antes.

O design na traseira também segue o anterior com todas as câmeras alinhadas horizontalmente logo acima do leitor biométrico. A novidade fica para uma nova câmera dedicada para macros. O K50s chegou ao Brasil nas cores preta e azul, enquanto o K51s está disponível nos tons de cinza e vermelho com efeito mais espelhado.

76.7 x 165.2 x 8.26 mm
6.55 polegadas - 1600x720 px
77.5 x 165.8 x 8.2 mm
6.5 polegadas - 1520x720 px
Ir para página de comparação

A parte que decepciona e não faz sentido é que a LG removeu o suporte a Wi-Fi 5 GHz no novo aparelho. E como esperado de um básico nacional: nenhum possui NFC. Além disso, falta giroscópio e bússola digital nos dois.

Como nenhum se destaca, começamos com um empate.

Multimídia e software

Tela e som


Outro ponto sem sentido está na nova tela adotada. O K50s traz bom painel LCD, porém o novo possui uma tela mais simples com brilho baixo, tão baixo que é quase impossível usar o K51s fora de casa em dias ensolarados. O contraste também é inferior, o que deixa as cores lavadas e o preto acinzentado. O ângulo de visão piorou, mas ainda é satisfatório.

Há apenas uma saída de som em ambos, localizada ao lado da porta USB. Os dois entregam potência sonora similar, porém dá a impressão de que o áudio do K51s é mais alto devido ao reforço de agudos, sendo melhor para assistir vídeos. O K50s apresenta um pouco de graves e isso tende a deixar o som abafado. Ambos vêm com fone de ouvido basicão que serve para fazer ligações, mas não empolga na hora de curtir músicas.

Damos empate: K50s vence em tela e o K51s em som.

Software


LG vem aprimorando o seu Android modificado a cada lançamento e temos uma interface cada vez mais próxima da One UI da Samsung. Morreu aquele menu que separava tudo por abas. Os ícones também foram redesenhados. Claro nem tudo na mudança foi positivo e percebemos que as animações apresentam um pouco mais de engasgo do que antes.

Porém, o ponto que mais decepciona é o descaso da LG com as atualizações do Android. O K50s chegou com o Pie e nada de ser atualizado para o Android 10. O mesmo acontece com o K51s e a empresa nem sequer informou quando veremos a atualização chegar para este dois.

Daremos empate também em software.

Desempenho
Quanto menor o tempo, melhor

LG trocou o Helio P22 pelo P35 no K51s. Esperávamos ver algum salto em desempenho, mas no multitarefas não houve diferença. Talvez ter 1 GB a mais de RAM ajudasse a segurar mais apps abertos em segundo plano. De qualquer forma, é importante lembrar que o desempenho geral é melhor que muitos rivais de outras marcas.

Em benchmarks vimos números um pouco maiores com o K51s, mas não chega a dar uma diferença nem de 10% no AuTuTu. E jogos? Bem, como estamos comparando dois celulares com mesmo chip gráfico e resolução de tela similar, já era esperado ver desempenho igual. Games mais leves rodam suave nos dois, mas não espere por jogos como PUBG e Call of Duty em alta qualidade.

Devido à diferença mínima em desempenho, damos um ponto a cada.

Bateria
Quanto maior o tempo, melhor (exceto recarga)

Chip um pouco mais potente com mesmo tamanho de bateria, o que poderia acontecer com a autonomia? Exatamente, ela caiu. O K50s é um dos melhores básicos atualmente em bateria e em nosso teste padronizado rendeu 5 horas a mais em uso médio. Isso quer dizer que a bateria do K51s rende 20% a menos.

Por outro lado, a LG incluiu um carregador mais potente desta vez que faz a bateria de 4.000 mAh recarregar quase 1h mais rápido no K51s.

E mais um empate: K50s ganha em autonomia e o K51s em recarga.

Câmeras

A LG aumentou a resolução de câmera saindo de 13 MP no K50s para 32 MP no K51s. Por padrão, ele comprime quatro pixels em um, o que resulta em fotos com nitidez inferior. Isso pode ser corrigido ao mudar as configurações para tirar fotos na resolução máxima.

Muitas vezes notamos que o K50s faz um melhor equilíbrio entre cores, brilho e contraste. Parece que a LG não otimizou bem o seu software desta vez. Isso pode ser corrigido via atualizações, mas sabemos que updates não são o forte da LG.

O K50s se sai melhor com a câmera ultra-wide, apresentando menor perda de qualidade. A vantagem do novo fica para a macro; pena que a resolução seja baixa e não tenha foco automático. A distância focal de 4cm limita um pouco na hora de pegar detalhes de plantas e animais.

K50s leva a melhor em câmera traseira.

Fotos tiradas com o LG K51s

A câmera frontal é a mesma nos dois, então espere por qualidade similar em selfies. Ambos acertam em nitidez, balanço de cores e brilho, e não perdem tanta qualidade à noite como é comum em celulares básicos. O modo retrato faz um bom desfoque, apesar de às vezes errar um pouco no recorte.

Temos um ponto para cada em selfies.

Fotos tiradas com o LG K50s

Tivemos evolução na filmadora? Não. O novo também continua gravando em Full HD com todas as câmeras. A qualidade é a mesma de antes, assim como a estabilização pouco eficiente. O foco automático que já era lerdo ficou ainda pior, mas por outro lado a captura de áudio melhorou bastante.

Mais um empate? É, temos um ponto para cada em filmadora.

Preço

Essa foi uma disputa acirrada e quase tivemos um empate. E o que mais vai importar neste comparativo é o preço. O K50s pode ser encontrado mais barato por ser um modelo mais antigo. Atualmente a diferença de preço entre os dois é de R$ 300 em média. Não faz o menor sentido pagar mais caro pelo K51s.

Com isso encerramos o comparativo com o último ponto para o K50s.

6.4 Hardware
3.9 Custo Benefício

LG K50s

Comparar Aviso de preço
6.8 Hardware
4.5 Custo Benefício

LG K51S

Comparar Aviso de preço

Conclusão

Aqui temos aquele clássico exemplo de que nem sempre o novo é melhor. O K51s é um celular com altos e baixos e perde para o K50s em muitos aspectos. Se está buscando um bom básico, então vá de K50s. Ele tem tela superior, entrega mesmo desempenho, software flui melhor, sua bateria dura mais e consegue registrar melhores fotos. Tudo isso custando menos.

O K51s só fará sentido quando estiver mais barato e isso deve demorar a acontecer. Não vale a pena comprá-lo só pelo design mais atual e sua câmera macro. A LG poderia ter caprichado mais, mas parece que ela achou que o novo pegaria onda no sucesso do antecessor.

LG K50s: 9 PONTOS

  • Suporte a Wi-Fi 5 GHz
  • Tela LCD superior
  • Software flui um pouco melhor
  • Bom desempenho
  • Maior autonomia de bateria
  • Melhores fotos
  • Boas selfies
  • Filmadora com melhor foco automático
  • Mais barato

KG K51s: 7 PONTOS

  • Design mais moderno
  • Melhor som
  • Interface mais atual e organizada
  • Bom desempenho
  • Menor tempo de recarga
  • Boas selfies
  • Filmadora captura som mais limpo
(atualizado em 25 de setembro de 2020, às 12:24)

19

Comentários

LG K51s vs K50s: celular mais novo é sempre melhor? | Comparativo
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 139.808 mortes em 4.657.702 casos confirmados | Relatório diário

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Setembro 2020

LG

Moto G8 Plus vs LG K51S: mais câmeras fazem fotos melhores? | Comparativo

Android

Novo Tracker 2021: app e WiFi a bordo fazem diferença? | Análise / Review