LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Mais treta! Operadoras asiáticas se recusam a vender produtos da Huawei

23 de maio de 2019 65

E parece que os problemas da Huawei estão bem longe de chegarem ao fim. De acordo com o portal Businesstech, as operadoras de telecomunicações da Ásia estão se recusando a vender os produtos da marca, fazendo com que a distribuição dos dispositivos seja reduzida em relação ao que a empresa tinha antes dos problemas com os Estados Unidos.

Desde o início da semana, a gigante de tecnologia chinesa Huawei vem enfrentado diversos problemas no que diz respeito ao sem futuro dentro do mercado, seja na divisão mobile, ou no fornecimento de outros produtos para grandes empresas. Isso tudo deve-se ao fato dos EUA ter fechado de vez as fronteiras para a companhia, haja vista que o presidente norte-americano Donald Trump acredita que há um esquema de espionagem de dados ligado à gigante chinesa.

O problema já deixou de ser algo regional para se tornar mundial, afetando a fabricante até mesmo “dentro de casa”, pois diversas operadoras de telecomunicação da Ásia não querem mais comercializar os produtos da marca de forma vinculada aos seus planos. Um exemplo disso é a NTT Docomo Inc, do Japão, que suspendeu por tempo indeterminado as encomendas da linha Huawei P30, que é um dos maiores sucessos de venda entre os smartphones da marca.

Ainda na terra do sol nascente, outras empresas como KDDI Corp. e YMobile realizaram o adiamento do lançamento dos dispositivos com o objetivo de esperar a “poeira abaixar”, algo que não se sabe ao certo quando vai acontecer. Em Taiwan a história não está sendo diferente, pois a gigante das telecomunicações Chunghwa Telecom já afirmou que não vai lançar nenhum produto da Huawei e está esperando um posicionamento do governo para garantir que os clientes não sejam afetados pela falta de updates do Android no futuro.

Não dá para saber qual vai ser a real dimensão desse “boicote” a longo prazo para a Huawei, mas se o ritmo de cortes de parcerias se mantiver, possivelmente a empresa vai precisar de algum tipo de reestruturação para se manter de pé, ou ceder às vontades dos Estados Unidos para voltar à normalidade.


65

Comentários

Mais treta! Operadoras asiáticas se recusam a vender produtos da Huawei
Android

Melhores smartphones: TOP 5 do TudoCelular para você | Junho 2019

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular