LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Bateria de grafeno já pode ser fabricada e está pronta para celulares

19 de janeiro de 2020 89

Apesar de Samsung e Huawei ainda não ter conseguido produzir em larga escala as suas baterias de grafeno, tudo indica que as empresas podem estar reservando alguma novidade para o fim do ano. Como sabemos, esse tipo de componente deve revolucionar o mercado de smartphones.

Isso porque uma bateria construída com esse material pode ser a solução ideal para prolongar a vida dos nossos aparelhos. Agora, em um comunicado enviado para a imprensa, a empresa americana Real Graphene anunciou que já está pronta para comercializar a sua bateria de grafeno para fabricantes de smartphones.

Além disso, a companhia confirmou que já enviou algumas amostras para diversas empresas. Contudo, a Real Graphene não quis informar os nomes das suas parceiras, uma vez que isso ainda é um "segredo comercial".


O CEO da Real Graphene, Samuel Gong, afirma que uma bateria de 3.000 mAh produzida com grafeno consegue ser carregada de 0% a 100% em apenas 20 minutos, enquanto que uma unidade de íons de lítio demora até 90 minutos para conseguir o mesmo feito. Ele disse ao Digitaltrends:

As pessoas sempre acham que grafeno é uma coisa do futuro, mas estou aqui para corrigi-las. Está aqui agora. Nós criamos uma bateria que carrega super rápido, é bem fria, e tem uma vida longa em termos de ciclos de carga.

Outro ponto importante destacado pela empresa é a longevidade do componente. Assim, enquanto uma bateria atual suporta algo entre 300 a 500 ciclos de carga, a de grafeno consegue ir até 1.500 ciclos. Isso pode ser explicado de forma bem simples: baterias de grafeno geram menos calor.

Por fim, a Real Graphene afirma que as fabricantes de smartphoes não precisarão trocar os equipamentos necessários para produzir a nova bateria de grafeno. Isso porque é possível reaproveitar o processo de produção usado nas unidades com íons de lítio.

Por enquanto, ainda não há uma previsão de quando os primeiros smartphones com bateria de grafeno chegarão ao mercado. Mesmo assim, devido ao alto custo do material, a companhia prevê um aumento de 30% no preço de um aparelho com esse componente.


89

Comentários

Bateria de grafeno já pode ser fabricada e está pronta para celulares
  • Sabe o que vai ser bom de verdade para os usuários de smartphones quando for possível a produção em massa do gráfego, em vários componentes tais com processadores, placas, memórias, modens 5g e é claro a bateria de longa duração aí sim realmente teremos smartphones mais eficientes tanto energérticamente como em processamento e é claro sem esquentar

      • Geral tá visando o custo do aparelho com a tecnologia, e menosprezando o tempo de recarga e a autonomia dos aparelhos, mas ninguém pensa que uma bateria com maior autonomia e sinônimo de maior tempo de carregamento. O fato da bateria suportar 1500 ciclos de recarga significa que poderão usar seus smartphones por mais tempo e não terão que ficar trocando de aparelhos ano sim e ano não. Pra quem reclamou do custo do aparelho, fica aí uma boa notícia pra vocês.
        Não sei se a notícia é verídica, mas se for, a tecnologia vai ser muito bem vinda na minha vida, já que dependo do meu celular para trabalhar e não tenho tempo para ficar esperando ele carregar duas vezes por dia..

          • The company emphasizes also the durability of its part. I am the best mobile app developer in Dubai here is the website visit us here: https://www.mistersaad.com/

              • Celular não vai precisar de bateria mas simplesmente da energia liberada pela as ondas de rádio, o 5g opera até 300ghz essa faixa densa de energia.

                • Vai com calma ele só manja de estado, acha que o roubo estatal de imposto é tesouro do país e não dinheiro do povo hahahaha

                    • Já tem uns 8 anos que leio a mesma coisa. É melhor só fazer uma matéria quando tiver o primeiro celular a venda com tal tecnologia.
                      Que notícia furada, ou não interessa aos fabricantes de baterias em geral ou é uma mentira, pois nunca faz um celular, um carro, relógio, etc, com tal bateria.
                      E não vem dizer que toda tecnologia passa anos de estudo até ser comercializada, todos sabemos disso.

                        • Em seguida as empresas bolarão uma forma de cair a autonomia, se não como vai ficar os lançamentos anuais ??? Só sendo muito inocente para acreditar que as empresas querem entregar smarts mais duráveis .

                            • Parabéns por mais uma inovação ,no início é assim 30% a mais depois o preço baixa com a oferta e demanda .......

                                • Bem, na verdade o grafeno própcia não apenas o aumento do ciclo, mas, pode aumentar a autonomia de uso, ocorre que o interesse não é oferecer um serviço melhor para os usuários, mas sim, de aproveitar a oportunidade e explorar ao máximo os mesmos. Não nos esqueçamos que no capitalismo o capital vem em primeiro lugar.

                                    • Boa noticia, porem 30% no preço do aparelho em si é um custo nem elevado (quase 1/3 do aparelho), o que nos leva a crer um custo de mais de 100% na aquisição da bateria pelo fabricante, ou ate bem mais do que isso, deve ficar restrito aos top de linha inicialmente... Aos poucos se realmente for o que promete, pode começar a baixar o custo devido a produção em alta escala....

                                        • Se você que disse ser da área não sabe quem sou eu não é mesmo? Kkkkkkkk
                                          (Mas agora sem ironia, se você é realmente é não sabe isso, aconselho voltar a estudar)

                                            • Funcionário da Samsung ja disse que não vai aumentar o valor pela bateria ja que o custo de produção pela Samsung seria o mesmo aparentemente, acho que isso forçaria as outras a baixar (não pesquisei se é totalmente verdade, mas a esperança vem primeiro)

                                                • 30% mais caro.
                                                  Passo

                                                    • Nossa que grande bosta se não for pra ocupar o mesmo espaço da bateria de lítio e ter maior capacidade tipo 10000mah pra durar dois dias que merda adianta? A autonomia era o foco principal do grafeno, não essa merda de ciclos e tempo de carregamento

                                                        • A parte mais importante da notícia é que o preço dos telefones com essa tecnologia terá aumento de 30% no preço.

                                                            • Tinha visto vídeos a alguns anos sobre grafeno e imagina que fosse outra coisa. Ninguém quer bateria que se carregue rapidamente e sim que segure carga por mais tempo. Maior parte do nosso tempo não estamos com carregadores.
                                                              Mas já é um avanço. Todo ano sempre a mesmice, só tem novidade de tela menores e câmeras melhores, mas bateria que é o suporte de vida do aparelho.....NADA

                                                                • Que diferença faz uma bateria feita de estrume ou grafeno? Brasileiro dono de celular agora virou cientista? Vamos parar com esse nojo, gente hipócrita, sequer sabem escrever, Mais cedo ou mais tarde, não terão que levar essa porcaria ao carregador? Deixem de ser bestas, Profissão mesmo que é bom a maioria não tem não, ficam falando sempre da mesma merda.

                                                                    • Cara, hoje ninguém fala em nada a ser porcaria de celular, como se o mesmo colocasse comida na mesa das pessoas, é muita idiotice. Muito nojento isso.

                                                                      • Dados imprecisos e a pressa em divulgá-los, bem brasileiro mesmo.

                                                                          • Julio_Elias o "specvar" está referindo-se a durabilidade da carga da bateria e não a vida útil dela. Isso a matéria realmente não fala.

                                                                              • 30% mais cara que a de lítio com única vantagem de carregar mais rápida, não vale a pena. O que mais importa é durabilidade da bateria para a próxima carga e nada foi dito na matéria.

                                                                                  • Fora que ela é mais fria, maior vida útil e até onde eu sei que mesmo tendo 3000mah pode durar mais que baterias de íons de lítio que tenham 5000mah, devido a perda de energia ser menor, além disso a bateria de grafeno é proporcionalmente menor, podemos ter smartphones mais leves e compactos ou então manter o tamanho da bateria e aumentar bastante a capacidade de carga

                                                                                    • Nd haver mano, oq define a quantidade q se usa é o smart, N a bateria

                                                                                        • Uma coisa é a capacidade de armazenamento de uma bateria, 3000mah é 3000mah seja que tecnologia for, mas claro que sua composição interfere em sua eficiência , baterias que esquenta descipa energia em forma de calor e com isto perde eficiência e vida util, e outra coisa é o consumo do aparelho logado a ela,

                                                                                            • O software influencia no consumo de energia uma vez que muitos aplicativos abertos com certeza causarão um consumo maior, aplicativos ou sistemas mal otimizados também. Hoje em dia o foco dos aplicativos é nos recursos do mesmo e não em um bom gerenciamento de hardware para um uso melhor. Se fazem softwares pesados com muitas coisas pro povo comprar celular novo e mais potente. Já se foi o tempo onde o hardware era limitado e o software que tinha que tomar cuidado com o que iria usar.

                                                                                            • Caraca. . Não sabe ler estopo. . "Enquanto uma bateria normal aguenta de 300 a 500 ciclos, a de grafeno aguenta até 1500 ciclos"..

                                                                                              • No Brasil o livre mercado não financia a pesquisa em grafeno. Nem em nada mais quando se trata de química, física e engenharia. Eu sei disso pois trabalhei nessa área no meu mestrado, em universidade federal. O Brasil é um dos países que mais vem contribuindo na pesquisa mundial do setor. Tudo em universidade pública. Até nas PUCs tem bolsas CAPES, CNPq, FAPESP e por aí vai. Favor investir seu rico dinheirinho pra ajudar a melhorar a pesquisa nacional pois estamos precisando muito dele pra melhorar ainda mais a pesquisa científica nacional.

                                                                                                  • Já Xiaomi anunciou um telefone com bateria de grafeno para este ano.

                                                                                                    Pero, Onde o grafeno vai ter mais impacto é no mercado de baterias para carros elétricos, sento até 70% mais pequenas e carregando 70% mais rápido de início, vai ser uma grande melhora nesse setor. Especialmente quando a grande contra dos carros elétricos é os tempos de recarga que dura várias horas.

                                                                                                    • As empresas lucram trocando baterias.
                                                                                                      Nunca que irão adotar uma que ofereça o triplo de ciclos.

                                                                                                        • Quero que empresas como esta aí, fabrique uma linha de baterias para celulares usados!!!
                                                                                                          Não irá faltar clientes!Uma linha para trocar as baterias de iPhones a mercê da Apple seria ótimo para o mercado consumidor. Apple ficaria ainda mais mordida kkkAdotaria as baterias de grafeno na geração seguinte, forçando os demais fabricantes a adotar tal tecnologia.

                                                                                                          Como disse na outra matéria, sobre o tema, baterias de grafeno.

                                                                                                            • Essa bateria dificilmente chácara ao povão, e se chegar será modificada ou programada para durar tipo 2 a 4 anos e vir a ter problemas.

                                                                                                                • A empresa que resolver manipular assim vai acabar perdendo pois a pesquisa com grafeno não é única é outras vão lançar uma melhor pra vender mais

                                                                                                                    • viva o capitalismo livre mercado e empreendedorismo

                                                                                                                        • A pesquisa em grafeno vem sendo realizada há pelo menos 1 década em todo o mundo e o fato de os fabricantes de celulares chegarem a baterias comerciais não pode jamais creditar a essas empresas um trabalho de exclusividade delas. Primeiro pois elas têm mestres e doutores que estudaram com financiamento público e que só depois chegaram lá. Segundo porque as bases para isso não foram obtidas por essas empresas e sim por instituições, públicas e privadas, mas fortemente financiadas por orçamentos públicos. Pergunte ao Donald Trump se ele deseja desinvestir em ciência e tecnologia e entregar toda a pesquisa científica ao livre mercado.

                                                                                                                          • E não é só no Brasil. Favor atualizar suas definições de empreendedorismo pois estão muito ousadas em relação à realidade da ciência mundial.

                                                                                                                              • Pois é. Deve ser por isso que as universidades privadas americanas têm mais prêmios Nobel em pesquisa do que o resto do mundo. E o subsídio público a elas raramente chega a 15% do orçamento delas.

                                                                                                                                  • Li, certa vez, que nem 1% dos trabalhos em pesquisa nas nossas madrassais lissenkianas servem de base a alguma aplicação prática viàvel que justifique o investimento. Nos EUA, p. ex., essa taxa sobe a 30%.

                                                                                                                                    • https://jornal.usp.br/ciencias/nos-paises-desenvolvidos-o-dinheiro-que-financia-a-ciencia-e-publico/

                                                                                                                                      • No Brasil o livre mercado não financia a pesquisa em grafeno. Nem em nada mais quando se trata de química, física e engenharia. Eu sei disso pois trabalhei nessa área no meu mestrado, em universidade federal. O Brasil é um dos países que mais vem contribuindo na pesquisa mundial do setor. Tudo em universidade pública. Até nas PUCs tem bolsas CAPES, CNPq, FAPESP e por aí vai. Favor investir seu rico dinheirinho pra ajudar a melhorar a pesquisa nacional pois estamos precisando muito dele pra melhorar ainda mais a pesquisa científica nacional

                                                                                                                                    • Acho mais interessante começarem a testar esse tipo de bateria em smartwatches e fones de ouvido sem fio, já que utilizam baterias menores e teoricamente seriam mais fáceis de fabricar

                                                                                                                                      • O meu tbm voou... Mais foi na parede não vale nada esse tal de iPhone.

                                                                                                                                          • Seria possível, no futuro, comprar apenas a bateria de grafeno e substituir aquela usada em um aparelho atual, ganhando assim mais longevidade para este com menor custo?

                                                                                                                                            • O problema, como foi comentado, é que, se dura mais, vende menos celular...

                                                                                                                                                • Isso não é um problema, com o passar dos anos os sistemas obrigam o usuario a atualizar

                                                                                                                                                    • Muito fútil trocar de celular só pq não recebe mais android novo.
                                                                                                                                                      Android 4.2 funciona perfeitamente.

                                                                                                                                                        • Não apenas o sistema operacional em si perde suporte depois de um tempo como o hardware passa a pedir arrego pra apps criados com base em hardware atual, isso é normal, demora o suficiente pra ser lucrativo de qualquer forma pras empresas, é pra não precisar boicotar uma bateria pra durar menos

                                                                                                                                                        • Cara, normalmente problemas que dão em bateria de smartphones são erros de fabricação... Normalmente o usuário tem quebrado a tela antes disso, ou simplesmente atualizado para um novo smartphone como muitos fazem.

                                                                                                                                                          • Grafeno é vida, meu prox celular terá essa bateria

                                                                                                                                                              • Vou esperar algum tempo até usar, não quero ser cobaia das grandes empresas e correr o risco de ser explodido

                                                                                                                                                                • Mas eu queria saber mesmo se ela descarregaria mas rápido ou reduziria um pouco do gasto já que ela e quase fria

                                                                                                                                                                  • Vai demorar pra chegar nos celulares intermediários e intermediários premium, mas, será uma evolução bem útil e vantajosa, um ROG PHONE com bateria de grafeno seria show

                                                                                                                                                                      • Apple não vai usar pq as pessoas vão trocar menos de celular para o último modelo.

                                                                                                                                                                        Android

                                                                                                                                                                        Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Fevereiro 2020

                                                                                                                                                                        Especiais

                                                                                                                                                                        Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas

                                                                                                                                                                        Android

                                                                                                                                                                        TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

                                                                                                                                                                        Android

                                                                                                                                                                        TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular