LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Apple pode estar envolvida em lobby contra lei que impede trabalho forçado na China

23 de novembro de 2020 18

A Apple esteve envolvida em um bom número de polêmicas nos últimos meses. A gigante de Cupertino está em plena guerra com a Epic Games diante das políticas restritivas da App Store, aceitou pagar mais de US$100 milhões para encerrar as investigações em torno da queda de desempenho em iPhones antigos e já foi até mesmo notificada pelo Procon devido à retirada dos carregadores das caixas da família iPhone 12.

A Maçã está prestes a ganhar mais um escândalo em sua coleção caso as mais recentes informações dos jornais The Washington Post e The Information se confirmem. Segundo as publicações, a Apple estaria envolvida em um esquema de lobby com outros gigantes para impedir a sanção de uma lei norte-americana contra o trabalho forçado na China.

Denominada "Uyghur Forced Labor Prevention Act", ou Lei de Prevenção do Trabalho Forçado Uigur em tradução livre, a lei aplica sanções contra empresas que adquirem produtos da região de Xinjiang, na China, sem comprovar que sua origem é livre de trabalho forçado.

O local é reconhecido por uma crise entre os chineses e os uigures, povo muçulmano de origem turcomena que habita a região, com estimativas apontando que mais de 1 milhão deles encontram-se em campos de detenção sob condições de trabalho forçado.


Segundo as informações, a Apple, a Coca-Cola, a Costco, a Patagonia e outras grandes empresas estariam agindo por meio de terceiros para reverter a aprovação do texto, que deve chegar às mãos do presidente nos próximos dias. O grupo estaria focado principalmente nas atividades de manufatura têxtil e tecnologia.

"A Apple se dedica a garantir que todos em nossa cadeia de suprimentos sejam tratados com dignidade e respeito. Nós abominamos o trabalho forçado e apoiamos os objetivos da Lei de Prevenção ao Trabalho Forçado Uigur." disse uma porta-voz da companhia ao The Washington Post. "Nós compartilhamos do objetivo do comitê de erradicar o trabalho forçado e de fortalecer as leis norte-americanas, e continuaremos a trabalhar com eles para conquista isso.", concluiu.


18

Comentários

Apple pode estar envolvida em lobby contra lei que impede trabalho forçado na China
Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020

Android

O melhor celular para comprar de presente no Natal 2020

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas