LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Prefeito de São Paulo sanciona lei que institui cobrança de nova taxa sobre aplicativos como Uber e iFood

28 de julho de 2021 17

O atual prefeito da cidade de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), anunciou recentemente que a prefeitura da capital paulista irá cobrar uma nova taxa sobre os serviços que utilizam aplicativos e atuam no município, incluindo Uber, 99, iFood e vários outros. A sanção da nova lei foi publicada na última terça-feira (27) no Diário Oficial da cidade.

Essa taxa esteve em pauta durante vários meses — incluindo durante a gestão do ex-prefeito Bruno Covas — porém só foi autorizada nesta semana. A prefeitura ressaltou que se trata de uma lei autorizativa, por isso, não obriga a cobrança da taxa.

O imposto poderá ser cobrado sobre qualquer atividade que comece, termine ou transite no município e poderá ser definido usando critérios como a quantidade de quilômetros percorridos, quantidade de viagens ou ambos. O objetivo da administração é conseguir arrecadar o suficiente para cobrir os gastos que a cidade tem com a manutenção da infraestrutura das ruas e com os efeitos causados no meio ambiente pela circulação desses veículos de serviço que passam pela grande metrópole.

Nunes comentou sobre a sanção da nova lei e afirmou que é uma maneira de "proteger a cidade de São Paulo" e garantir que as empresas que recolhem o Imposto Sobre Serviços (ISS) em outros municípios, mas atuam na capital paulista paguem as taxas e compensem a gestão pública.

Vou sancionar. Irei sancionar para defender a cidade. Não terá aumento. Terá uma compensação com relação ao pagamento do ISS, se a empresa optar por pagar o ISS em outro município", afirmou o atual prefeito de SP.

Segundo informações, a taxa pode ser cobrada diretamente das empresas responsáveis pelo aplicativo, como a Uber ou 99, por exemplo. Isso significa que o colaborador não precisará pagar a taxa diretamente, no entanto, a companhia pode repassar os custos para os clientes que utilizam o serviço.

O que você achou da criação dessa nova taxa sobre os aplicativos? Acredita mais impostos é a solução? Conta pra gente, comente!


17

Comentários

Prefeito de São Paulo sanciona lei que institui cobrança de nova taxa sobre aplicativos como Uber e iFood
Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Agosto 2021

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas