LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

AMD confirma lançamento de processadores Ryzen com 3D V-Cache e arquitetura Zen 4 em 2022

14 de outubro de 2021 9

A AMD está celebrando o 5º aniversário da família de processadores Ryzen. Desde sua apresentação oficial, o portfólio da marca reflete todos os avanços tecnológicos ocorridos ao longo dos últimos cinco anos em termos de litografia, microarquitetura e poder de processamento. Em breve, mais inovações serão lançadas sob a série.

Nesse sentido, a fabricante lançou um vídeo com a participação de John Taylor e Robert Hallock. Os executivos confirmaram alguns detalhes sobre os próximos lançamentos da empresa e finalmente abordaram rumores sobre a falta de suporte ao PCI Express 5.0.

Durante a conversa, Hallock, diretor de marketing técnico da AMD, confirmou que uma nova plataforma será lançada em 2022. Esses processadores terão suporte às memórias RAM DDR5 e ainda serão compatíveis com o soquete AM4.

Tratando os boatos de que os novos chips Ryzen não serão compatíveis com a interface, o executivo afirmou que o soquete AM5 irá suportar o PCI Express 5.0, embora não especifique qual série — Ryzen 6000 ou Ryzen 7000 — estreará a interface.

A “nova plataforma” refere-se à Zen 4, embora o termo não seja mencionado durante o vídeo de 14 minutos. Ainda não há uma data específica para o lançamento dos primeiros processadores baseados na arquitetura — possivelmente estreará pouco antes do final do próximo ano, mas é fato que não será lançada em 2021.


Intermediando a chegada dos processadores Zen 4, a AMD deve colher os últimos frutos da arquitetura Zen 3. No início de 2022, a equipe vermelha deve lançar novos processadores Ryzen com 3D V-Cache, tecnologia que ultrapassa os limites da Lei de Moore ao “empilhar” módulos de memória estática para ampliar o cache L3.

Novamente, não é especificado se esses chips aprimorados ainda serão integrados à família Ryzen 5000 ou serão os primeiros da família Ryzen 6000, mas devem ser as últimas soluções compatíveis apenas com o soquete AM4. Além do Ryzen, o EPYC Milan-X também deve utilizar a técnica de empilhamento para um total de 768 MB em cache L3.

A AMD, por fim, deve apostar mais alto no segmento de notebooks e otimizar os modelos com alta eficiência de energia através de algoritmos com múltiplos perfis de gerenciamento elétrico, permitindo que os dispositivos móveis combinem alto desempenho e baixo consumo — qualidade buscada pela Intel com sua nova arquitetura híbrida.


9

Comentários

AMD confirma lançamento de processadores Ryzen com 3D V-Cache e arquitetura Zen 4 em 2022
Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas