LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Razer Gold completa 3 anos e foca no mobile para democratizar acesso ao crédito | TC Entrevista

24 de novembro de 2021 0

A Razer Gold irá completar o seu terceiro aniversário em dezembro deste ano e já iniciou uma série de promoções para os seus usuários. Ela consiste em um serviço de pagamentos para jogos, a fim de democratizar o acesso a crédito, mesmo para quem não possui cartão ou conta em banco.

Por outro lado, estão os jogos mobile, que têm ganhado um papel cada vez maior no mundo gamer. Um levantamento recente da Newzoo mostrou que o mercado global de games deve movimentar US$ 175,8 bilhões em 2021, dos quais 38% são representados pelos títulos para celular.

O período de pandemia do coronavírus impulsionou ainda mais o segmento móvel. Dados da Global Web Index registram que, apenas em 2020, o número de downloads de jogos mobile cresceu 33% a nível global. Já a Statista revelou que, desde o começo da pandemia, mais de R$ 435 milhões de pessoas começaram a jogar.

Para abordar o perfil do jogador brasileiro, como a plataforma tem ajudado a democratizar o acesso ao crédito nos games e quais são as expectativas para o futuro, o TudoCelular conversou com o diretor da Razer Gold para a América Latina, Dennis Ferreira.

Entre os destaques, o executivo explica o funcionamento do serviço e como ele se adapta a cada região, além de adiantar que, para 2022, os planos incluem cada vez mais a integração da marca e dos recursos da Razer Gold com a Razer principal.

Dennis ainda explicou a importância do mobile no mercado gamer atual e quais são as ferramentas disponíveis pela Razer Gold aos jogadores desse segmento. Para completar, ressaltou os benefícios do serviço aos seus usuários. Confira o papo na íntegra no vídeo acima ou no texto abaixo. Aproveite também para interagir com a gente no espaço destinado a comentários.

O que é a Razer Gold?

“O Razer Gold é uma espécie de crédito unificado para gamers em todo o mundo. Então, a gente entende que comprar crédito para jogos é parte do dia a dia do gamer. A Razer é uma empresa focada no Life Style gamer, e o crédito para jogos faz parte do dia a dia. A Razer surge com o Razer Gold, que é uma moeda universal em que R$ 1 no Brasil é um Razer Gold, um dólar nos Estados Unidos é um Razer Gold, um peso colombiano é um Razer Gold. Sempre um para um. É uma moeda que tem o objetivo de unificar a forma de comprar crédito para jogos no mundo todo. A Razer Gold está completando agora em dezembro três anos [no Brasil], e a gente está muito feliz de ver uma aceitação muito grande. E temos aí uma maratona de vantagem para comemorar o nosso aniversário.”


Dennis Ferreira

Diretor da Razer Gold na América Latina

Mercado de games mobile

“O mercado de jogos fatura quase US$ 200 bilhões. Isso significa que vende-se mais créditos para jogos, jogos e skins do que se fatura na indústria do cinema. Quando a gente vê um mercado tão grande, tem que quebrar em pedaços para entender. Basicamente, o mercado se divide em três grandes categorias: os jogos de console, os de PC e os mobile. E o mercado de jogos mobile cresce muito, mas já faz algum tempo. Acho que o grande início não foi o jogo da cobrinha naquele seu Nokia 6620, não. O mercado como está hoje a gente vê desde que surgiu o iPhone, em 2007. O celular passou a ser um device de game também, com a App Store, a Google Play e várias plataformas vendendo jogo online. Então, isso realmente iniciou uma nova indústria. O mercado de mobile games hoje já é mais da metade do total de jogos. O motivo é muito simples. Antes, você tinha que sentar no computador, pegar o seu modem, conectar na internet, a velocidade era ruim, o processamento era ruim...”

Atrativos do segmento

“Hoje, 25 anos depois, o seu celular está online o tempo todo. Isso foi uma coisa que mudou. O iPhone, os planos de celular com dados em um preço razoável, a velocidade do 4G – agora entrando no 5G –, a portabilidade – você leva em qualquer lugar e está jogando e conquistando os seus pontos dos jogos. Tudo isso junto facilita para que os jogos mobile cresçam absurdamente. Uma coisa que realmente mudou ainda mais o cenário foi quando esses jogos se tornaram até objeto de torneio de esportes eletrônicos. Aquilo que a gente achava assim: ‘não, as pessoas vão querer jogar com mouse com 16.000 dpi’. Não, as pessoas jogam no celular. A indústria de games mobile aproveita essa oportunidade e atrai mais talentos. E tem muita gente que veio das comunidades do Brasil e do mundo, e hoje são heróis e estrelas. Você junta tudo isso, mais o preço do PC e de um console, aí está explicando por que é tão gigante esse negócio. E não para de crescer, né!”

Mobile é tendência ou futuro dos games?

“A gente falava em futuro lá atrás. O futuro dos games já está aqui hoje, que são os jogos mobile. Falando em futuro, a gente pode introduzir outros tipos de categorias de jogos, como realidade virtual ou realidade aumentada, ou outras iniciativas que você pode pesquisar. Mas, assim como o PC 20 anos atrás era muito caro e tinha LAN House, essas novas modalidades ainda vão demorar um tempo para poder chegar na mão de todo mundo. Então, o celular hoje é passado, presente e futuro. Não vejo como parar esse crescimento. O celular que você tem na mão hoje é mais de 8 mil vezes mais rápido que o PC que você tinha quando entrou na faculdade ou quando estava no colégio, se é que você tinha. É um processamento gigante que a gente tem na mão, e isso facilita que a coisa aconteça.”

Razer Gold para jogos de celular

“A indústria de games surge desenvolvida pelas editoras de jogos, que estão na Coreia do Sul, na China, nos Estados Unidos e na Alemanha. E esses mercados consideraram o cartão de crédito como o principal aliado para fazer o ‘one-click buy’. Mas e como fica a América Latina, as áreas mais pobres da Ásia, o Norte da África, o Oriente Médio, que são regiões em desenvolvimento. O cartão de crédito não é tão desenvolvimento. Aí surgem as fintechs ajudando. Mas ainda assim, o meio de pagamento alternativo, que é dinheiro, cartão-presente, recarga e vários tipos de forma. Para fazer todo esse negócio crescer, o cartão de crédito como o único meio de pagamento não é suficiente para o Brasil nem para a América Latina. Ainda mais abaixo de 18 anos, o pessoal vai pegar cartão do tio, da mãe, da vó. Dá um trabalho grande. Então, o diferencial do Razer Gold é o fato de ser uma solução democrática. Qualquer pessoa pode e vai conseguir comprar crédito para jogos, mesmo sem cartão de crédito e sem banco. A gente trabalha focado principalmente na necessidade do não bancarizado.”

Democratização e crescimento do mercado gamer

“O mercado gamer vai crescer à medida que todos esses elementos aumentam, o custo cai e o dólar sobe. Essa é a grande verdade. Quanto mais a gente tem pressão em aparelhos importados, menos as pessoas trocam de celular. E acaba que jogos que são leves saem na frente. Tem jogos de tiro que são muito bons, só que são tão pesados, que precisa ter um top de linha para rodar. Esses jogos acabam não voando tão alto quanto outros que têm a necessidade de hardware um pouco menor.”

Benefícios da Razer Gold aos usuários

“Uma das coisas mais legais que a Razer Gold ajuda é assim: já que você tem um celular, tem a conexão, e agora o que falta? O acesso ao crédito. E aí, a gente tem ali várias opções, e a Razer Gold surge como o único que dá um cashback gamer. O que é? Já que você vai comprar skin, crédito para Steam ou qualquer outro lugar, compra com a Razer Gold. Porque você vai ganhar de volta um cashback gamer em todas as compras. Não é só quando tem promoção. É o tempo todo. Que se chama Razer Silver. São pontos que você ganha. Eles podem ser trocados por skins nos jogos que você gosta ou mesmo códigos Razer Gold para comprar outras coisas que você quiser. Outra vantagem que o pessoal gosta muito é que ele é instantâneo. Se você usar um cartão-presente ou qualquer outro método nosso, ele vai entrar na sua conta Razer Gold, e uma vez que você tem o saldo, a compra é instantânea. O pessoal tem feito sabe o quê? Tem carregado o Razer Gold, porque sabe que vai ter uma promoção e não quer correr o risco de, na hora, dar um problema qualquer e ficar na mão. Ou seja, tudo o que a Razer Gold faz é para ajudar o mercado mobile a crescer, é para ajudar o usuário gamer a comprar o crédito do jogo que ele gosta, ser recompensado por isso, receber imediatamente e até, se quiser indicar para os amigos, ganhar algumas vantagens por ter indicado.”

Aniversário de três anos e novidades

“Estamos com uma melhoria contínua no Razer Gold. A gente adaptou o serviço, que a princípio foi criado lá fora, para a realidade da América Latina. Agora, além de ter adaptado e localizado, estamos fazendo coisas novas que o resto do mundo está copiando. Temos a região que mais cresce. Mesmo com a pandemia dando uma acalmada, a gente tem batido recordes de usuários, de compras e de Silver. A gente fez uma grande festa para dezembro. Você entra no nosso site – gold.razer.com –, tem um banner lá do terceiro aniversário, e teremos muitas vantagens lá. Tem cashback, sorteio, bônus em Silver, bônus em Razer Gold. É bem legal. Em três anos, o que a gente já fez, é incrível. A gente já está em quase 30% do faturamento da Razer mundial. O Razer Gold já representa quase US$ 1 em cada US$ 3 de vendas que a Razer faz no mundo inteiro. E a empresa tem mais de 20 anos vendendo periféricos. É uma fintech especializada em mercado de pagamento para jogos que está realmente surpreendendo.”

Desafios do mercado brasileiro

“Eu acho que um deles com certeza é a gente conseguir se relacionar bem com o nosso usuário gamer, a parte de atendimento, tirar dúvidas, melhorar as explicações do que é a Razer Gold. O nosso site hoje está bem mais intuitivo. Você já entende o que é o serviço. As pessoas entravam na Razer Gold e falava assim: o que é isso? Porque entende o que é Razer, ele entende que tem o fone e tal. Mas o que é Razer Gold? Então, tem sido um desafio interessante que a gente está vendo que, pelo recorde de cadastros e usuários ativos, está funcionando. Um outro é a questão do ambiente de negócios da América Latina, que está sofrendo uma intensa transformação. E aí, estou falando mais da parte jurídica e tributária, o câmbio desvalorizado. Isso também cria um fator novo. Não posso dizer ‘novo’, porque quem é da região já conhece inflação e dólar alto. Mas o que aconteceu de 2016 para cá, foi uma loucura. O dólar estava R$ 2,50 e está quase R$ 6. Isso muda muita coisa. Não é à toa que muitos jogos têm atualizado seus preços. Então, isso é um desafio da América Latina, e o Brasil está inserido nesse contexto.”

Impactos da pandemia

“É muito triste. Só no Brasil, 600 e poucas mil pessoas. A gente lamenta muito tudo o que aconteceu, porque ninguém está preparado para um negócio desse. Em todas as áreas, a gente está sempre com prudência e se previne, e é pego com uma catástrofe dessa. E aí, o que aconteceu? As pessoas ficaram trancadas em casa. Não tinha uma solução, não tinha vacina. Se a pessoa não pode ir ao cinema, não pode visitar os parentes. É terrível. A pessoa fica enclausurada. E aí, o que ela faz? Vai ver série, jogar videogame, jogar no celular. Muita gente instalou aplicativo de conferência por causa da pandemia. Muitas pessoas nem tinham feito reunião, live. As bandas de todo o mundo fazendo lives online. E aí, as pessoas que ficavam em casa jogando mais acabavam gastando mais. Vimos um 2020 gigante e um 2021 ainda maior. O que aconteceu na prática? A gente teve que aumentar a equipe, os nossos parceiros em meios de pagamento, reforçar as operações de atendimento e em todas as áreas, para poder crescer na velocidade que o mercado estava exigindo. Foi um desafio bem interessante, e os resultados estão aí.”

Perfil do jogador brasileiro

“Países em desenvolvimento como o Brasil e os outros da América Latina têm um perfil de consumo um pouco diferente dos países mais desenvolvidos. Nestes, o cara compra com o cartão de crédito, valores altos e faz um menor número de compra por mês. Nos países em desenvolvimento, o Brasil incluído, os usuários fazem compras mais frequentes, de valores bem mais baixos. Se você tem uma loja com um produto no valor que funciona para os Estados Unidos, se vai para os países emergentes, precisa ter um ticket mínimo bem menor, talvez metade. Porque lá eles ganham em dólar e euro, aqui o real, no fim do dia vai converter, porque o jogo vai receber do mesmo jeito. E aí, você tem que fazer uma loja com produtos mais baratos. Mas isso você vê em jogos massificados, os que têm muita gente jogando. Há jogos mais verticalizados que um item é R$ 400 e o pessoal compra de olhos fechados, o cara junta o mês inteiro para comprar aquele item. Então, não podemos falar generalizando. Você tem os segmentos que o ticket médio é bem alto, mas a frequência de compra não é tão grande. O que a gente fez também, aumentando o número de lojas que aceitam os cartões Razer Gold, o número de meios de pagamento – não só no Brasil, mas no Chile, Peru, Equador, Colômbia, México, Argentina –, mais bancos, mais cartões de crédito, mais lotéricas. Tudo isso aumenta o tamanho da base de locais para pagar, o que traz mais gente, e acaba caindo um pouco o valor médio das compras.”

Expectativas para o futuro

“A Razer e a Razer Gold investem em eSports, os produtos da Razer são feitos para profissionais. E a Razer Gold está cada vez mais conectada neste ambiente junto com a Razer. Elas são a mesma empresa, então a gente tem trabalhado em deixar isso mais junto possível, então esse é um dos planos estratégicos para o ano que vem, em primeira mão aqui. E o que isso significa na prática? Significa que quando você tiver um, você vai ter outro. Quando você ganha ponto em um, ganha no outro. Quando você está usando a sua conta do seu Synapse para mudar as cores do seu setup, já tem a Razer Gold junto na mesma conta. Não precisa de criar outra. Isso tudo já funciona, e a gente está aumentando o esforço para que isso amplie ainda mais em termo de alcance.”

Razer Silver regionalizado

“O Razer Silver também é um foco nosso para este ano. Deixar ele funcionando e adaptado ao Brasil foi o que a gente fez em 2018, 2019 e 2020. Mas agora, nós estamos fazendo verdadeiros Silvers regionais. Porque o que é legal para a Indonésia, não necessariamente é legal para a América do Sul. O que é legal nos Estados Unidos, pode não funcionar na Turquia. A gente está fazendo uma adaptação bastante interessante, estamos colocando itens especiais dos jogos que se jogam aqui no Brasil.”

Expansão do serviço

“A gente pode contar que trouxe servidores para cá, melhorou muito a nossa usabilidade, reduzindo o número de passos para fazer cadastro e compra. Toda semana são 10, 15, 20 jogos novos. Hoje, são mais de 40 mil jogos que aceitam Razer Gold ou que nós temos PINs. Por exemplo, você pode comprar um PIN da Steam, da Riot, de uma série de outros jogos. Ou o Razer Gold está lá no seu jogo como meio de pagamento, ou você compra o PIN dele, copia e cola lá na plataforma. E sempre ganhando Silver. Isso que é legal. Mesmo sem o Razer Gold nele, você pode comprar e ganhar Razer Silver. Então, se você gosta muito de um jogo e não tem Gold nele, veja se tem PIN dele, que você já pode conseguir, de repente, ganhar um mouse de graça por estar comprando com Razer Gold.”

Mensagem aos leitores do TudoCelular

“Pessoal, gold.razer.com, você entra lá, faz a sua conta. Se tiver uma conta na Razer, é só falar ‘eu quero uma Razer Gold Wallet’, escolhe Brasil e cria a sua conta. O seu dinheiro está muito seguro lá, quando colocar saldo, porque você tem que fazer autenticação de dois passos, e ninguém vai conseguir acessá-lo. A melhor forma de fazer autenticação não é por SMS. Você, que é um cara esperto e conhecedor, vai instalar um aplicativo Google Authenticator e não precisa esperar o SMS. Você autentica direto ali com a senha no seu celular. Essa é uma dica legal que ajuda a facilitar o processo. E por que tem esse autenticador? Porque pode ser R$ 1 ou R$ 1.000, é o seu dinheiro e você tem que estar seguro. A gente não abre mão disso. Tirando isso, a Razer Gold está fazendo dezenas de promoções por semana. Dá uma olhada no nosso catálogo que está dentro do Razer Silver e no Razer Gold, e veja o que te interessa lá. Com certeza, se você não tem interesse em algum jogo que está lá, o sobrinho tem, e você compra e ganha de repente um mouse, um teclado, desconto em periférico, além de várias promoções que a gente faz, até com sorteio de periféricos, inclusive o [notebook] Razer Blade em alguns casos em vários países do mundo. Fique ligado no gold.razer.com e aproveite as oportunidades. Porque, já que vai comprar, então compre onde você ganha alguma coisa de volta.”


0

Comentários

Razer Gold completa 3 anos e foca no mobile para democratizar acesso ao crédito | TC Entrevista
Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas