LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Apple pede que seus fornecedores evitem usar a marca ‘Made in Taiwan’ após tensão com a China

06 de agosto de 2022 28

Atualização (06/08/2022) - por DT

A Apple pediu aos seus fornecedores de chips e demais componentes de Taiwan que sigam estritamente as normas chinesas para a exportação de produtos. A solicitação foi feita após o aumento da tensão geopolítica na região.

A recomendação foi para que as empresas de Taiwan que possuem contratos com a Maçã retirem a marca “Made in Taiwan” para evitar possíveis impedimentos de exportação, segundo informou o site japonês Nikkei Asia.


Cabe citar que as tensão entre China e Taiwan aumentou nesta semana após a presidente da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, visitar a ilha. O governo chinês, que reivindica o território para si, considerou a atitude uma afronta.

Outro ponto que merece atenção é que a TSMC e a Pegatron são as principais fornecedoras da Apple, e ambas são taiwanesas. A ilha busca sua independência como país, enquanto a China quer voltar a controlar o território.

Segundo a regra antiga, produtos fabricados em Taiwan têm que ser rotulados como “Taiwan, China” ou “Taipé chinês”. Já o governo taiwanês pede que suas exportações sejam rotuladas como sendo originárias de “Taiwan” ou “República da China”, o nome oficial da ilha.

O receio da Apple é que toda a tensão em Taiwan, considerado o maior produtor mundial de microchips, possa afetar o lançamento da linha iPhone 14 e de outros produtos da empresa.

A Pegatron, uma das principais fornecedoras da Apple, negou rumores sobre um possível bloqueio de exportações oriundas da China. Os boatos começaram a circular após um executivo da empresa se reunir com a presidente da câmara dos EUA, Nancy Pelosi, em Taiwan.

De acordo com a Pegatron, toda a sua produção baseada na China continua acontecendo normalmente e nenhum produto foi barrado por autoridades chinesas.

o vice-presidente da Pegatron, Jason Cheng, se encontrou com Pelosi na última quarta-feira em um almoço oferecido pela presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen. O fundador da TSMC, Morris Chang, e o presidente Mark Liu também estavam entre os convidados.

Pegatron nega possíveis problemas com a China após seu executivo se encontrar com Nancy Pelosi. Já a Apple emitiu novas orientações para fornecedores.

A visita de Pelosi continua provocando reações por parte da China, que atualmente tem feito exercícios militares muito próximos ao território de Taiwan. Ontem, algumas aeronaves e até mesmo navios chineses chegaram a invadir o espaço aéreo e marítimo da ilha.

Essa tensão na Ásia tem preocupado a Apple e outras fabricantes, sendo que nesta semana a própria gigante de Cupertino enviou um comunicado para seus fornecedores de Taiwan para que fiquem atentos ao regulamento chinês.

A Apple está pedindo que componentes fabricados em Taiwan devem ser rotulados como "produzidos em Taiwan, China" ou em "Taipei chinesa". Ou seja, o esforço da empresa é indicar que a ilha faz parte da China continental e não é um país independente.


28

Comentários

Apple pede que seus fornecedores evitem usar a marca ‘Made in Taiwan’ após tensão com a China
  • Os EUA foram instigar a Ucrânia e estão lucrando fornecendo armas, agora atrapalham a relação da China com Taiwan que já é ruim. Taiwan é reconhecida pela maior parte dos países, inclusive pelos EUA, como parte da China e se reconhece como "República da China". Deveria era tentar negociar uma indenização para China e adquirir sua independência.

    • O que os china comunista querem, é ROUBAR a infraestrutura e tecnologias avançandas de Taiwan.Duvido se este pais fosse paupérrimo, eles iriam invadir. Chines comunista tem o %uD83D%uDC40 grande.

        • O problema maior em caso de invasão de Taiwan pela China, não é escassez de semicondutores, mas uma terceira guerra mundial, que se ou quando acontecer vai ser nuclear.

            • O governo precisa trazer uma fábrica de semicondutores para o Brasil o mais rápido possível, não podemos ficar dependendo 100% da importação, visto que a tecnologia avança dia após dia, e se Taiwan e China entrarem em guerra física, o Brasil será muito afetado.

              • O receio da Apple é que toda a tensão em Taiwan, considerado o maior produtor mundial de microchips, possa afetar o lançamento da linha iPhone 14 e de outros produtos da empresa NA CHINA.

                A China hoje é mais de 30% da receita da Apple.

                  • Taiwan %uD83C%uDDF9%uD83C%uDDFC primeira linha de automação robôs máquinas e tudo mais, China %uD83C%uDDE8%uD83C%uDDF3 Rouba quem puder para fabricar encima dos desenvolvimento dos outros e de forma pior. Na China eles gostam de equipamentos alemão japonês e de Taiwan isso é fato. Já no BR precisamos aturar a China empurrando coisas mal fabricadas infelizmente.

                      • A China já deixou de ser unicamente fábrica de "xinglings", hoje a China já tem know-how para produzir smartphones de ultima geração, carros elétricos mais eficientes que um Tesla, entre outras tecnologias, e a China já está investindo em plantas para fabricação de semicondutores de 7nm, a previsão é que a China atenda 50% da demanda global até 2025, cortando a participação de Taiwan para 45% (Chips de 7nm, Taiwan já produz menores, mais a China ganha terreno num tempo muito menor que o avanço de Taiwan e do resto do mundo).

                        • É péssimo para os negócios ser refém tecnológicamente, de um unico pais que fornece tecnologia de ponta. E o Japão, korea do sul, england, germany, frança, Suécia, Finlândia eo próprio EUA. Estão de braços cruzados?

                          • eu aqui com carregador de 25W da Samsung que eu comprei é fabricado da made in Taiwan.

                            • Eu diria que é quase certo q a China vai invadir Taiwan, já dominaram Hong Kong e agora só tomar Taiwan a força

                                • Não vão. Taiwan é protegido pelos EUA.

                                    • Ta chamando a 3 guerra kkkk... Acho que nesse momento a China não faria isso

                                        • Todos analistas dizem que improvavel isso, é bom ouvir podcast sobre isso.
                                          Nenhum chines ta afim disso e nem O Governo e Taiwan, eles sabem que um precisa do Outro.
                                          Mas quem fica jogando gasolina é os EUA que sabe dessa relacão simbiotica entre os dois mas fica criando intrigas diplomaticas.

                                            • Mais o meu maior receio é uma guerra Eua x China aí que ia f#der o globo (ou plano se você for terraplanista) todo.

                                                • Eles não vão intervir, printa essa conversa.

                                                    • Mas se não intervir oq vai acontecer depois, os EUA ainda são o símbolo da democracia na ordem mundial, se a China assume esse posto, esse ordem seria baseada em Autocracia e restrições de liberdade

                                                        • Os EUA iriam sim ajudar e muito, mais jamais iriam tomar totalmente as dores de Taiwan, de jeito nenhum, tentar vencer uma guerra contra a China pq isso iria colocar em risco todo o povo americano numa possível guerra nuclear. Fariam isso apenas se a China colocar em risco a população norte americana, e o que aparentemente a China não tem planos de fazer.
                                                          Portanto, se a China invadir mesmo Taiwan ela vai cercar, lutar e tomar, mais como divulgou o governo local de Taiwan no ano passado, se essa invasão ocorrer seria em torno do ano de 2025

                                                            • E lutar no quintal de uma super potencia que, aliás, tem a Rússia para oferecer os famosos afunda porta-aviões, e tirando que quem defenderá a costa dos EUA, cheia de submarinos nucleares russos, eles só usam equipamento velho na Ucrânia, pois estavam se preparando para isso, a China manda na Rússia. Os EUA contra os dois com a indústria pesada do mundo todo na China, se afundarem porta-aviões os EUA iam levar 10 anos para construir outro.

                                                                • O medo mesmo é só de alguém querer usar uma bomba atômica

                                                                    • A China e Rússia tem bombas que poderiam apagar metade dos EUA em caso de guerra, o risco para os EUA se metendo nisso é muito alto, a China tem muito a perder também, ainda mais com o atual crescimento dela no mercado e na economia, acho que se uma guerra acontecer, a China é a que mais pode sair perdendo nisso tudo...

                                                                        • Se um dia esses país entrarem em guerra entre si tenha certeza que vão usar sim. Por isso que eu acredito que os chineses vão sim no devido tempo tomar Taiwan na força, ciente que nenhuma potência vai de verdade tentar impedir, pq ninguém é doido suficiente para comprar a briga dos outros e colocar o mundo inteiro em risco numa guerra nuclear

                                                                        • Aliás, eu sou totalmente contra a guerra, vais prejudicar demais nossa vida.

                                                                Android

                                                                Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

                                                                Android

                                                                Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

                                                                Asus

                                                                ASUS lança novo celular gamer ROG Phone 5s e 5s Pro no Brasil; confira os preços

                                                                Especiais

                                                                Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas