LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

AMD Ryzen 9000 "Strix Point": nova linha de processadores pode não suportar o Windows 10

13 de maio de 2024 18

A AMD deve lançar uma nova geração de processadores baseados na arquitetura Zen 5 no segundo semestre de 2024, mas diversos vazamentos acabaram revelando detalhes sobre o hardware antes do anúncio oficial. Nesta segunda-feira (13), um vazador compartilhou informações que poderiam decepcionar os usuários do Windows 10.

Conforme sua publicação no Weibo, rede social chinesa, a AMD não oferecerá drivers compatíveis com Windows 10 para seus novos processadores “Strix Point”. Isso significaria que não seria possível utilizar a antiga versão do sistema operacional — lançada em 2015 — em um dispositivo equipado com CPU Ryzen 9000.

(Imagem: AMD)

Isso significa que, a partir de 2024, os próximos chips da “equipe vermelha” não serão oficialmente compatíveis com Windows 10, forçando usuários a migrarem para o Windows 11. Cabe lembrar que a Microsoft anunciou que encerrará o suporte de atualizações do sistema operacional mais antigo em outubro de 2025.

Os rumores são divulgados em meio a um peculiar crescimento na popularidade do Windows 10, ao mesmo tempo em que diminui a parcela de usuários que estão executando o Windows 11, segundo estatísticas divulgadas pela Statcounter. Estima-se que cerca de 70% dos computadores com sistema operacional da Microsoft ainda rodam o Windows 10.

Mesmo após quase três anos desde seu lançamento, o Windows 11 ainda enfrenta dificuldade em conquistar os usuários. Muitos afirmam que seu design é menos intuitivo e personalizável em comparação com a versão anterior. Além disso, seus requisitos mínimos de hardware podem não ser compatíveis com computadores mais antigos.

A Microsoft deve apostar na IA como um diferencial para o Windows 11, e esta será uma área importante para o Ryzen “Strix Point”, que deve trazer grandes avanços no desempenho em inteligência artificial graças à nova arquitetura de NPU XDNA 2, buscando rivalizar com os novos processadores da Intel, Qualcomm e Apple.

Veja mais!


18

Comentários

AMD Ryzen 9000 "Strix Point": nova linha de processadores pode não suportar o Windows 10
  • O que me deixa triste ao olhar uma notícia de tecnologia é que um puxa saco da AMD não tem outro argumento para dizer a não ser se nós não teria processadores quad-core octa-core se não fosse por ela seria outras empresas iriam fazer a mesma merda e se você não sabe jogos nunca vou se beneficiar de processadores cheio de núcleo aí o cara quer jogar no processador de servidor com 86 núcleos sendo que na verdade os jogos já começam a rodar muito mal com oito e como vídeo do adrenalina já mostrou é mais fácil você rodar jogos melhor com processador de um núcleo do que com processador de vários então no final das contas os jogos se beneficiam do que núcleo é renderização é trabalho profissional como programação bundão puxa saco vira homem

      • Parceria mais bosta possível da AMD com a Microsoft.

          • CPUs x86 costumam ser retrocompatíveis, no máximo não vai ter otimização pra preferência de cores nos processadores que usarem misto de núcleos Zen 5 e Zen 5c, algo disso é até gerenciado via firmware da placa-mãe, independe de driver além do genérico incluso pela própria Microsoft. A GPU integrada deve funcionar com o driver das GPUs discretas normalmente, só não sei quanto a NPU, mas serviço de IA a própria GPU quando implementado faz muito melhor. Vez em quando vejo um vídeo por aí de gente instalando sistemas mais que legados em CPUs novas, como os Windows 95 e 98

            • Por isso que eu sempre digo que a AMD é uma merda kkk

                • Se vc tem um Pc e usa nele Intel, dê graças à AMD pela evolução da Intel nos últimos anos.
                  Se não fosse os AMD Ryzens, até hj geral tava usando Pc com dual core, no máximo quad core. E em GPU, as Rtx 3000 seriam bemmm mais fracas.

                    • Não sabe nem o que fala jogos não se beneficiam de núcleo e sim de frequência do processador só sem noção é mais fácil você ter um processador de um núcleo com 18.000 GHz memória cache de 128 MB do que tem um processador quad-core octa-core sem noção é só você olhar os vídeos do adrenalina seu fala demais não sabe de nada

                        • Xi, tá parecendo outro perfil fake do Henry 7, 8, 9... Só falou asneiras, não faz idéia de como o windows e os programas funcionam por baixo dos panos.
                          Siga aí firme e forte no seu quad core ou dual core, ou seja lá a CPU que vc usa, tenho certeza que fica a 100% de uso durante o jogo.
                          Pelo seu comentário vc deve ver isso como normal ou até algo bom.
                          Kkkkkk

                            • Sim, só rodamos o processo do jogo quando estamos usando o computador, discord, navegador, steam, anticheat, windows, fecham quando abrimos o jogo. Mais nucleos nao ajudam melhorar processos com afinidade single-core, mas é uma qualidade de vida que em 2024 é necessária.

                                • Ô seu sem noção que não sabe da merda que fala o que beneficia de núcleo som coisas profissionais como renderizar vídeo como trabalhar com programação essas coisas assim que se beneficiam demais núcleo vai lá puxa saco da MD tá com facão grandão para você

                                  • i7 ainda seria quad-core e i9, se existisse, seria no máximo hexa

                                  • Interessante....

                                    Mas irá dar o suporte para o Windows 10 por causa dos servidores - Windows Server

                                      • Esses processadores não usados em servidores.

                                          • Existem servidores com Windows? Se existem é uma parcela mínima dos com Linux

                                              • Mínima ? servidores microsoft tem grande participação.

                                                  • Sim.... Realmente é uma parcela mínima... 98% são linux e outros 2% é Windows

                                                      • bem mais que 2%, o GeforceNOW tem 25milhoes de usuarios ativos(nao somente assinantes). sem o windows server praticamente o serviço nao existiria, ja que linux è um lixo pra jogo.

                                                          • Errou feio jovem, praticamente todo game online usa servidores com sistema operacional Linux, pois ele permite que cada empresa crie e modifiquei seu sistema operacional de acordo com suas necessidades

                                                              • Especificamente o GeForceNOW usa Windows, de forma nativa ou virtualizada. Quando vc abre um jogo da Ubisoft por exemplo vc faz login no Ubisoft Connect num ambiente Windows praticamente em um acesso remoto, e em jogos que tem ferramentas de benchmark você vê em qual Windows e o hardware que está sendo utilizado, não dá pra ficar dependendo de emulação em Linux se o troço é comercial e foi compilado pra rodar no Windows. Servidor de joguinho online mata-mata é outra coisa completamente diferente, não precisa do ambiente, o desenvolvedor só compila o binário que vai rodar no server com o target que ele quiser

                                                        Economia e mercado

                                                        Huawei Kirin 9010L: chipset inédito é encontrado em smartphone intermediário da chinesa

                                                        Android

                                                        Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

                                                        Android

                                                        Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

                                                        Windows

                                                        Versão 122 beta do Microsoft Edge com melhorias e atualização de recursos