LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Redmi Note 8 vs Moto G8 Plus: Xiaomi rainha, Motorola nadinha? | Comparativo

25 de maio de 2020 71

O Redmi Note 8 é o celular mais buscado no site TudoCelular.com. A Xiaomi realmente acerta na sua linha de intermediários e oferece bons aparelhos com preço justo. Porém, com o aumento do dólar, o Note 8 está caro e talvez seja melhor investir em um rival nacional, como o Moto G8 Plus. Neste comparativo você descobrirá se ainda vale a pena ir de Xiaomi ou se a Motorola oferece um melhor custo-benefício atualmente.

Índice do comparativo

Design

Redmi Note 8

Motorola Moto G8 Plus

Celulares chineses sempre têm qualidade de construção inferior aos nacionais? Talvez isso seja o que muitos brasileiros pensam, mas a Xiaomi quer provar que consegue oferecer melhor acabamento sem cobrar mais caro por isso.

O Redmi Note 8 tem traseira de vidro com proteção Gorilla Glass 5, que também está presente na tela do aparelho. Já a Motorola economizou e adotou o bom e velho plástico no Moto G8 Plus. O que mais surpreende é que mesmo os dois sendo do mesmo tamanho, o Xiaomi tem peso similar ao rival.

75.3 x 158.3 x 8.4 mm
6.3 polegadas - 2340x1080 px
75.8 x 158.4 x 9.1 mm
6.3 polegadas - 2280x1080 px
Ir para página de comparação

O G8 Plus é mais gordinho, mesmo que possua mesmo tamanho de bateria. O design frontal é similar com entalhe de gota e borda mais larga abaixo da tela. A diferença é que no da Xiaomi vem estampado o nome da sua subsidiária.

Há conexão USB-C e Wi-Fi 5 GHz nos dois. O Motorola tem a vantagem de vir com Bluetooth mais avançado, enquanto o Xiaomi traz de emissor de infravermelho que permite usar o celular como controle remoto.

E começamos dando ponto ao Redmi Note 8.

Multimídia e software

Tela e som


Em tela temos 6,3 polegadas com resolução Full HD+ e tecnologia IPS LCD em ambos. Isso quer dizer que os dois entregam mesma qualidade de imagem? O Redmi tem brilho mais forte, sendo a melhor opção para usar fora de casa. Em termos de contraste não há muita diferença, mas o da Motorola apresenta perda maior de contraste ao olhar para tela com o celular inclinado.

O que mais decepciona no Motorola é a reprodução de cores. A fabricante ama tons frios e o branco tem um aspecto bastante azulado. Você pode tentar minimizar este problema nos perfis de calibração de tela, mas não terá a mesma reprodução de cores do Redmi Note 8.

Na parte sonora é onde o G8 Plus leva vantagem. Ele tem duas saídas de áudio para entregar som estéreo, enquanto o rival tem apenas som mono. A qualidade sonora também é melhor com áudio mais balanceado e que distorce menos com o volume no máximo.

O da Motorola também tem de vantagem vir com fone de ouvido na caixa que entrega boa qualidade sonora e conforto. Buscando o melhor para ouvir músicas? Então é o G8 Plus que deve escolher. Ele está entre os melhores que passaram pelo TudoCelular quando o assunto é áudio.

E temos um ponto para cada: Note 8 leva em tela e o G8 Plus em som.

Software


Os dois estão atualmente com o Android 9 Pie. O da G8 Plus tem sistema pouco modificado. Há recursos extras, como os gestos da Motorola, com atalhos para câmera e lanterna, principalmente. E também tem alguns recursos de tela incluídos pela fabricante, tudo reunido no app Moto, fácil de usar e configurar.

O Redmi vem mais recheado de recursos graças à MIUI, porém sacrifica um pouco a experiência pelos extras. É aquela velha história: ter um Android mais limpo que responde melhor ou outro que faz mais coisas? Você pode usar o Note 8 para controlar os eletrônicos em sua casa, basta só baixar o app Mi Remote diretamente da Play Store.

E quando veremos o Android 10 nos dois? Xiaomi vem prometendo a MIUI 12 para o Note 8 a partir de julho e com isso devemos ver também o Android 10 chegando para o aparelho. Já a Motorola segue enrolando e nada de prazo para o G8 Plus, mas é certo que ele será atualizado.

E damos empate já que nenhum leva vantagem aqui.

Desempenho

Quanto menor o tempo, melhor

Se você conferiu a ficha dos dois aparelhos no site do TudoCelular, então já sabe que o hardware é bastante parecido. Temos Snapdragon 665 com 4 GB de RAM. Então veremos resultado similar? Deveria, mas como comentado, a MIUI carece de otimização e sofre mais para manter os apps em segundo plano.

Em nosso teste padronizado de velocidade, o Moto G8 Plus foi 17s mais rápido. Ele conseguirá manter seus apps favoritos na RAM, o que melhora o desempenho multitarefas. Já em benchmarks temos resultados similares para os dois. Se você compra celular baseado na pontuação do AnTuTu, então pode escolher qualquer um.

O mesmo podemos dizer dos jogos. Você não vai conseguir rodar PUBG com a qualidade máxima, mas não terá problema para se divertir com qualquer game disponível na Play Store. Se pretende jogar por várias horas, o Note 8 acaba esquentando um pouco menos. Mas se apenas desempenho em jogos importa, então qualquer um serve para você.

E damos ponto ao G8 Plus por ter melhor desempenho.

Bateria

Quanto maior o tempo, melhor (exceto recarga)

Motorola e Xiaomi apostam em 4.000 mAh de bateria em seus intermediários, mas qual consegue fazer esta bateria render mais? Motorola leva a melhor aqui. O G8 Plus tem em média autonomia 15% superior, o que garante que ele aguente o dia todo mesmo em uso mais pesado. E ele também leva vantagem no tempo de recarga e passa menos tempo na tomada.

Damos ponto duplo ao Moto G8 Plus.

Câmeras

Há sensor de 48 MP que comprime quatro pixels em um nos dois, mas qual tira melhores fotos? Vai depender do local e do horário. Se você curte mais fotos na praia ou dias ensolarados, o Note 8 é o que deve escolher. Já se gosta mais de fotos na balada, então vai preferir o G8 Plus com seu modo noturno mais avançado.

Há câmera grande-angular no celular da Xiaomi e no Motorola, mas o funcionamento é diferente. No modelo chinês você tem uma lente mais ampla para fotografar pegando mais do cenário, enquanto no rival ela serve apenas para vídeos. O funcionamento é similar ao do Motorola One Action, sendo uma filmadora para gravar segurando o celular na vertical.

Os dois possuem sensor de profundidade para desfoque de fundo, com o G8 Plus se saindo um pouco melhor no efeito. Já o Note 8 tem uma quarta câmera, sendo esta dedicada para macro. A qualidade não é lá essas coisas, mas é um extra que você terá.

Aqui damos empate já que cada câmera tem seus destaques.

Fotos tiradas com o Redmi Note 8

A câmera frontal do G8 Plus pode impressionar pela maior resolução, mas não se deixe enganar por números. Se selfies são importantes para você, então vá de Redmi Note 8. Mesmo com apenas 13 MP, ele captura mais detalhes, há melhor apresentação de cores e o HDR funciona bem especialmente contra o sol.

Selfies à noite também são o forte do Redmi e ele sofre menor perda de nitidez que o Motorola. Até mesmo o modo retrato é mais eficiente no modelo chinês, o que mostra que a Xiaomi também se preocupa com a câmera frontal de seus celulares.

E o Redmi Note 8 leva ponto por melhores selfies.

Fotos tiradas com o Motorola Moto G8 Plus

Os dois permitem gravar vídeos na resolução 4K, mas se quer se livrar dos tremidos terá que se contentar apenas com Full HD. Qualquer resolução que escolha terá melhor qualidade de imagem com o G8 Plus. Sem falar que usar a câmera secundária para gravar vídeos na vertical é bacana, afinal é a forma natural de segurar o celular. O foco também é mais ágil e a captura de áudio é superior ao modelo chinês.

E com isso encerramos a parte de câmera com ponto para o G8 Plus.

Preço

O Redmi Note 8 podia ser encontrado por volta de R$ 1 mil no começo do ano. Agora com o aumento do dólar ele gira em torno de R$ 1.400, que é o preço comum do Moto G8 Plus. Poderíamos dar empate? Calma, tem um detalhe a se levar em consideração. Este é o valor médio do Redmi Note 8 importado no varejo. Se quiser o nacional com a mesma garantia de um ano que o Motorola tem, então terá que pagar mais caro nele.

E com isso, encerramos o comparativo com o último ponto para o G8 Plus.

8.3 Hardware
9.6 Custo Benefício

Redmi Note 8

Comparar Aviso de preço
8.3 Hardware
9.9 Custo Benefício

Motorola Moto G8 Plus

Comparar Aviso de preço

Conclusão

O Redmi Note 8 é um celular bacana e entendemos porque os brasileiros buscam tanto por ele, mas pagar o preço atual é complicado quando há o Moto G8 Plus que oferece mais e custa praticamente o mesmo.

Claro que você abre mão de um melhor acabamento, tela com brilho mais forte ou melhor câmera para selfies, mas leva em troca um celular com melhor som, desempenho superior, bateria que dura mais e recarga mais rápido, melhor câmera para fotografar à noite e melhor filmadora no geral. Se busca o melhor custo-benefício entre os dois, então é o Moto G8 Plus que deve escolher.

RESULTADOS

Motorola Moto G8 Plus: 8 PONTOS

  • Som estéreo mais potente
  • Software mais bem otimizado
  • Desempenho superior
  • Maior autonomia de bateria
  • Menor tempo de recarga
  • Melhor câmera noturna
  • Melhor filmadora
  • Melhor custo-benefício

Redmi Note 8: 5 PONTOS

  • Melhor qualidade de construção
  • Tela com brilho superior
  • Software com mais recursos
  • Melhor qualidade em fotos de dia
  • Melhor câmera para selfies

O Redmi Note 8 ainda é uma boa compra mesmo custando o mesmo do Moto G8 Plus com conjunto mais equilibrado? Comente abaixo.

(atualizado em 16 de julho de 2020, às 14:24)

71

Comentários

Redmi Note 8 vs Moto G8 Plus: Xiaomi rainha, Motorola nadinha? | Comparativo
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 75.366 mortes em 1.966.748 casos confirmados | Relatório diário

Google

Nearby Share: "AirDrop do Google" começa a chegar aos usuários Android em versão beta

Apple

Agora tem widgets? iOS 14 e todas as suas novidades | Hands-on em vídeo

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Junho 2020