LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Leilão do 5G no Brasil pode atrasar e ser realizado no segundo semestre de 2020

23 de outubro de 2019 3

Enquanto algumas operadoras já realizam testes com a rede móvel de quinta geração no Brasil (1, 2), a decisão do seu leilão de frequências poderá ser adiada para o segundo semestre de 2020.

A princípio, a prorrogação havia sido do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), devido a problemas com a TV aberta por satélite. Desta vez, como informa o site TeleSíntese, o pedido veio de um conselheiro da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Imagem: Reprodução

Para Vicente Aquino, uma série de alterações devem ser feitas no edital do leilão. Uma delas seria vender algumas faixas em 14 regiões diferentes, e não em um bloco nacional.

Outra proposta de mudança exige que as interessadas em adquirir as frequências participem de múltiplas rodadas ou leilões combinatórios (CCA), para adquirir lotes divididos em 10 MHz cada, dos espectros de 2,3 GHz, 3,5 GHz e 16 GHz. Este último também teria alteração e ficaria reduzido pela metade na licitação.

Para completar, as operadoras vencedoras nos leilões precisariam atender a exigências em sua cobertura. Uma das obrigações seria fornecer 4G ou 5G em cidades com menos de 30 mil habitantes, rodovias e locais atualmente sem sinal de telefonia móvel.

O conselheiro Emmanoel Campelo solicitou vistas do processo com o objetivo de fazer diligências. A tendência é que o texto do edital passe por consulta pública, análise técnica da Anatel e parecer da Procuradoria Federal Especializada, além de ficar sob análise do Tribunal de Contas da União.

Quais são as suas expectativas para o leilão do 5G no Brasil? Participe conosco!


3

Comentários

Leilão do 5G no Brasil pode atrasar e ser realizado no segundo semestre de 2020
  • faz arminha com a mão...

      • Não façam isso, será um atraso... O Brasil deveria focar mais em tecnologia, ou vamos ficar atrasados, é uma pena que temos que esperar 1 ou 2 anos para termos o 5G, sem contar que a tecnologia está avançando rápido, logo daqui 2 anos já vão estar falando em outras tenologias que vai ser necessário o 5G ou até mesmo o 6G.

          • Isso vai afetar a nova de onda industrial que será baseada em métodos de produção com uso intensivo de 5G e Inteligência Artificial.
            O Brasil que é considerado irrelevante na área industrial será praticamente expulso do clube de países com indústria significativa.

              Para aliviar a falta do WhatsApp, TIM remove custo de envio de SMS

              Limite de banda larga: saiba o que NET, Tim, Vivo e Oi oferecem para clientes no Brasil

              MWC 2016: toda a feira em quase 10 minutos e consideração final

              São Paulo recebe ônibus com internet 4G. Testamos e o resultado foi ótimo