LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Intel Sapphire Rapids: chips para servidores vazam com 56 núcleos, 64GB de RAM HBM2 e 400W

08 de outubro de 2020 5

A Intel confirmou nesta última quarta-feira, 7 de outubro, o lançamento de sua 11ª geração Rocket Lake para o início de 2021, com estreia garantida do PCI-E 4.0. Conforme relatam rumores, os chips Rocket Lake devem se manter nos 14nm, ainda que tragam boa parte das melhorias lançadas com a linha Tiger Lake para ultrabooks, com a adoção dos novos núcleos Willow Cove.

Agora, novos vazamentos revelam que a gigante de Santa Clara tem planos ainda mais ambiciosos para sua linha de processadores para servidores. De codinome Sapphire Rapids, as próximas CPUs de altíssimo desempenho da Intel devem chegar ao mercado no final de 2021 e, de acordo com informações adquiridas pelo site AdoredTV, devem oferecer o que a Intel tem de melhor.

Segundo os dados, a companhia deve adotar em sua próxima linha Xeon o processo de 10nm+++, que seguindo a nova nomenclatura iniciada com a família Tiger Lake, pode se chamar 10nm SuperFin Enhanced. Acompanhado disso, devemos ter novos núcleos, os Golden Cove, sucessores dos Willow Cove lançados com os chips Tiger Lake.

A série Sapphire Rapids deve ainda adotar uma abordagem MCM, ou Multi Chip Module, que agruparia até 4 processadores de 14 núcleos em um, para um total de 56 núcleos. Uma das grandes novidades seria a adoção de suporte a até 64GB de memória HBM2 com largura de banda de 1TB/s. Associada aos lanes PCI-E 5.0 e a memórias DDR5 de até 4800MHz, bem como todo o novo design do chip, um nível de performance impressionante deve ser atingido.

No entanto, os vazamentos também tocam em alguns pontos negativos. Os novos Intel Xeon Sapphire Rapids atingiriam impressionantes 400W de consumo, muito acima do que já é alcançado pelos rivais AMD EPYC, que devem se tornar ainda mais eficientes com a adoção dos 5nm. Além disso, 4 núcleos do suposto total de 60 estariam desabilitados, indicando problemas na linha de produção. Ainda assim, esses chips seriam os principais lançamentos da Intel em 2021, e devemos ter mais novidades no decorrer das próximas semanas.


5

Comentários

Intel Sapphire Rapids: chips para servidores vazam com 56 núcleos, 64GB de RAM HBM2 e 400W
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 153.214 mortes em 5.200.300 casos confirmados | Relatório diário

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Setembro 2020

LG

Moto G8 Plus vs LG K51S: mais câmeras fazem fotos melhores? | Comparativo

Android

Novo Tracker 2021: app e WiFi a bordo fazem diferença? | Análise / Review