LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Redmi Note 9s vs Galaxy A51: qual o melhor celular intermediário de 2020? | Comparativo

03 de julho de 2020 39

O Redmi Note 9S é o que entrega o melhor custo-benefício dos novos intermediários da Xiaomi. Será que ele é uma melhor aposta que o Galaxy A51 ou o intermediário da Samsung vale mais o seu dinheiro? É isso que vamos descobrir neste comparativo do TudoCelular.

Índice do comparativo

Design

Redmi Note 9S

Samsung Galaxy A51

Nas gerações anteriores vimos a Xiaomi levar a melhor em design e construção com aparelhos com acabamento em vidro, enquanto Samsung economiza e adota plástico. E isso não mudou com o Note 9S, que dá uma sensação de aparelho mais premium.

Olhando de frente os dois parecem iguais, cada um com seu entalhe em forma de furo no topo da tela. A diferença está no tamanho e peso: se busca o mais leve e compacto, então vai preferir o A51.

76.68 x 165.75 x 8.8 mm
6.67 polegadas - 2400x1080 px
73.6 x 158.5 x 7.9 mm
6.5 polegadas - 2400x1080 px
Ir para página de comparação

O Galaxy traz biometria na própria tela e o Redmi tem sensor de digitais integrado ao botão de energia na lateral direita. A solução da Xiaomi tem maior precisão e é mais ágil, porém será um incômodo para os canhotos, que vão preferir a biometria do A51.

Os dois são bastante completos em conexões e tecnologias, mas a Xiaomi pecou por ter removido o NFC no Note 9S e isso pode fazer falta para alguns. Em troca você terá emissor de infravermelho para usar o celular como controle remoto. O que é mais importante para você?

Iniciamos com empate já que cada um tem suas vantagens.

Multimídia e software

Tela e som


O Note 9S possui boa tela IPS LCD com nível aceitável de brilho e contraste. Neste ponto é difícil bater Samsung que investe em melhores painéis para a linha Galaxy A e temos uma tela Super AMOLED com brilho mais forte, contraste infinito e melhor ângulo de visão no A51. Até mesmo a calibração de cores é melhor no Galaxy quando se usa o perfil Natural.

E na parte sonora, algum se destaca? Há apenas uma saída de som com áudio mono nos dois. O volume máximo é um pouco mais potente no Redmi, porém o Galaxy tem reprodução sonora mais balanceada, apesar de distorcer um pouco mais se exagerar no volume.

O A51 vem com fone de ouvido, porém é um acessório bem simples. Vale a pena investir em fone de melhor qualidade para ouvir músicas com o Galaxy, que no geral entrega melhor qualidade que o Redmi.

E damos ponto duplo ao A51 por melhor multimídia.

Software


O A51 foi o primeiro da Samsung a ser lançado no Brasil com Android 10 direto de fábrica. Isso deve garantir que ele receba atualização para o Android 11 futuramente. O Note 9S também já vem com a mesma versão do robozinho, mas a Xiaomi vem decepcionando em suporte e muitos dos seus intermediários do ano passado ainda estão presos ao Android Pie.

Cada software tem seus diferenciais e recursos que podem ser úteis para você ou não. Quem é gamer vai curtir o Game Turbo 2.0 que aprimora a jogatina e até mede a taxa de fps no Redmi. Já no Galaxy temos TV Digital em alta resolução como extra. Além disso, o software da Samsung está mais polido e notamos que flui melhor que a MIUI 11.

Damos empate na parte de software.

Desempenho

Quanto menor o tempo, melhor

O Note 9S é um dos primeiros a estrear o Snapdragon 720G, uma plataforma intermediária da Qualcomm com foco em jogos. Ela é melhor que o Exynos 9611? Pelo menos em nosso teste de velocidade, tivemos vantagem para o modelo coreano. Será culpa da falta de otimização da MIUI? Possivelmente, já que em benchmarks tivemos pontuações maiores no Redmi, chegando a passar de 60% de diferença no AnTuTu.

Isso pode ser explicado pela GPU Adreno 618 com overclock e otimização gráfica, que não apenas ajuda a conquistar números maiores em testes sintéticos, como tem desempenho melhor em jogos. Enquanto o Asphalt 9 e PUBG rodaram a 30 fps no A51, no Note 9S tivemos o dobro da fluidez. E isso na configuração alta.

O A51 pode ser mais rápido na abertura de apps, mas o Note 9S é melhor em jogos. Damos um ponto a cada em desempenho.

Bateria

Quanto maior o tempo, melhor (exceto recarga)

O Redmi tem 1.020 mAh a mais de bateria e como esperado é o que entrega a maior autonomia dos dois. Com o A51 você terá carga para o dia todo com um pouco sobrando para a manhã seguinte. Já com o 9S é possível até recarregar o celular a cada dois dias, se você não exigir muito do aparelho.

Xiaomi fornece um carregador mais potente, mas que acaba levando praticamente o mesmo tempo do rival para recarregar devido à bateria muito maior.

Redmi Note 9S leva ponto por maior autonomia.

Câmeras

Temos câmera de 48 MP em ambos, com mesmo sensor. Os dois são capazes de capturar detalhes suficientes dos cenários, não sofrem muito com ruídos, o contraste é acertado e as cores ficam próximas da realidade ao fotografar de dia. Já à noite ou em locais muito escuros temos pequena vantagem para o A51.

Os dois também possuem boa câmera com lente grande-angular. Já com a macro temos vantagem para o modelo chinês por ter foco automático, o que permite chegar mais perto de objetos do que o A51. A quarta câmera com sensor de profundidade faz bem o seu trabalho nos dois.

Damos empate para o conjunto traseiro de câmeras nos dois.

Fotos tiradas com o Redmi Note 9S

Apesar de o A51 ter câmera frontal com o dobro da resolução, ele não entrega selfies com muito mais detalhes. Assim como o Redmi, o da Samsung também usa o processo de compressão de pixels para ter imagens mais nítidas.

O que notamos é que os dois entregam qualidade similar em selfies, seja de dia ou à noite. Nenhum realmente chega a se destacar, mas o A51 sofre um pouco menos com fundo estourado ao usar o modo retrato.

E damos um ponto a cada em selfies.

Fotos tiradas com o Samsung Galaxy A51

Os dois gravam vídeos em 4K, com o A51 capturando mais detalhes e cores mais acertadas. Se busca boa estabilização terá que se contentar em filmar em Full HD em ambos. A câmera grande-angular também possui estabilização e tem efeito ainda mais suave que a principal. Você pode usar a macro do Note 9S para filmar, mas o foco não é muito bom e a qualidade da imagem cai bastante. Já na captura de áudio Samsung leva a melhor.

Encerramos a parte de câmera com ponto para a filmadora do A51.

Preço

O Galaxy A51 foi lançado no Brasil no início do ano por R$ 2.199. Se você achava ele caro imagina o Note 9S que chegou por quase R$ 3 mil. Você pode optar pela versão importada encontrada no varejo nacional, mas, mesmo assim, ainda pagará mais caro do que no rival da Samsung.

Ainda há um outro detalhe a se levar em consideração: o A51 entrega o dobro de armazenamento por menos. Não tem como discutir, o Galaxy oferece melhor custo-benefício.

Encerramos o comparativo com o último ponto para o A51.

8.4 Hardware
8.3 Custo Benefício

Samsung Galaxy A51

Comparar Aviso de preço
8.4 Hardware
7.9 Custo Benefício

Redmi Note 9S

Comparar Aviso de preço

Conclusão

O Redmi Note 9S é um celular bacana com preço exagerado. Até mesmo o importado tem relação entre custo e benefício complicada e olhe que ele é o que mais vale a pena da linha. O A51 vale mais o seu dinheiro por ser um celular com melhor experiência multimídia, desempenho mais fluido, câmeras completas com boa qualidade para fotos e vídeos, e ainda custa menos oferecendo o dobro de armazenamento.

Se o Redmi chegar a ficar uns R$ 300 mais barato do que A51, ele poderá ser uma opção interessante por seu acabamento mais premium, desempenho superior em jogos e maior autonomia de bateria.

RESULTADO

Samsung Galaxy A51: 9 PONTOS

  • Mais compacto e leve
  • Tela AMOLED superior
  • Melhor qualidade sonora
  • Software otimizado para uso geral
  • Melhor desempenho no multitarefas
  • Melhor para fotografar à noite
  • Boa câmera para selfies
  • Filmadora tem melhor imagem e som
  • Melhor custo-benefício

Redmi Note 9S: 6 PONTOS

  • Melhor biometria e infravermelho
  • Software otimizado para jogos
  • Desempenho superior em jogos
  • Maior autonomia de bateria
  • Melhor para fotografar de perto
  • Boa câmera para selfies

Quem entrega melhor custo-benefício: Redmi Note 9S ou Galaxy A51? Deixe seu comentário abaixo.

(atualizado em 08 de agosto de 2020, às 01:56)

39

Comentários

Redmi Note 9s vs Galaxy A51: qual o melhor celular intermediário de 2020? | Comparativo
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 99.572 mortes em 2.962.442 casos confirmados | Relatório diário

Android

Novo Tracker 2021: app e WiFi a bordo fazem diferença? | Análise / Review

Google

Nearby Share: "AirDrop do Google" começa a chegar aos usuários Android em versão beta

Apple

Agora tem widgets? iOS 14 e todas as suas novidades | Hands-on em vídeo