LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Taylor Swift ameaçou processar Microsoft após polêmica com bot racista

11 de setembro de 2019 6

Além de contar que o governo Trump tentou usar a Microsoft para espionar outros países, o presidente da empresa, Brad Smith, revelou em seu livro que a cantora Taylor Swift quase processou a gigante de Redmond. Isso porque a artista não gostou de ter seu apelido usado no polêmico chatbot da companhia.

Para quem não se lembra, em março de 2016 a Microsoft lançou o chatbot "Tay" nos Estados Unidos. A intenção era que o algorítimo de Inteligência Artificial fosse aprimorado na interação com humanos no Twitter. No entanto, o bot foi "corrompido" pelos usuários e se transformou em um perfil racista.

Por isso, a Microsoft foi obrigada a correr para encerrar a conta e até mesmo pediu desculpas pelo problema. No entanto, a empresa não esperava que a cantora Taylor Swift ficasse incomodada com a situação.


Em seu livro, Smith diz que estava de férias quando recebeu uma notificação de um dos advogados da artista:

Eu estava de férias quando cometi o erro de olhar para o meu telefone durante o jantar. Tinha acabado de chegar um e-mail de um advogado de Beverly Hills que se apresentou dizendo: "Nós representamos Taylor Swift. [...] Ele passou a afirmar que "o nome “Tay”, como Tenho certeza que você deve saber, está intimamente associado ao nosso cliente. ”[...] O advogado continuou argumentando que o uso do nome Tay criou uma associação falsa e enganosa entre a cantora popular e o nosso chatbot. Assim, a Microsoft violou leis federais e estaduais.

Smith disse que chegou a procurar os advogados da Microsoft para saber se alguma lei foi violada. Todos negaram qualquer problema, mas a empresa resolveu adotar uma linha mais amigável e começou a discutir um novo nome para o bot.

Como resultado, em 2018 a ferramenta foi relançada com o nome Zo. Segundo o executivo, a decisão interna da gigante de Redmond foi limitar o bot. Assim, a IA agora não fala mais sobre política, raça ou religião.


6

Comentários

Taylor Swift ameaçou processar Microsoft após polêmica com bot racista
Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Agosto 2019

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular