LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: homem morre ao tentar se automedicar com fosfato de cloroquina nos EUA

24 de março de 2020 35

O coronavírus tem preocupado diversas nações em todo o mundo, preocupação essa que leva muitas pessoas ao desespero com medo da infecção e ainda mais os infectados, mesmo que em tratamento. Essas situações muitas vezes provocam a utilização de medicamentos sem eficácia comprovada; uma medida que pode ser mais prejudicial do que o próprio vírus como você poderá ver.

Um caso do tipo ocorreu com uma notícia recente sobre uma possível cura criada em Cuba, mas que também não tinha eficácia nenhuma comprovada contra a COVID-19. O novo caso envolve as substâncias cloroquina e hidroxicloroquina, que foram anunciadas por Donald Trump em uma conferência como uma cura para o coronavírus, o que não existe por enquanto.

Enquanto Trump falava, o diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas, Dr. Anthony Fauci, tentou amenizar e trazer razão dizendo que não havia qualquer medida comprovada dessas substâncias contra a infecção, entretanto, isso não foi o suficiente para evitar maiores problemas graças a fala do presidente que acabou por estimular o uso descuidado das substâncias.


Isso porque a hidroxicloroquina, encontrada em remédios como o Plaquenil, está sendo utilizada em testes na França em pacientes junto de um antibiótico chamado azitromicina, que pareceu reduzir drasticamente o tempo de recuperação dos infectados pelo coronavírus, entretanto, nada foi comprovado. No fim das contas, a OMS incluiu a cloroquina e hidroxicloroquina na lista de medicamentos contra o coronavírus mesmo assim devido à sua popularidade em tratamentos em todo o mundo.

Fosfato de Cloroquina, utilizada em aquários

Tudo isso, com o pronunciamento de Trump, causou uma procura enorme pelos medicamentos e um desses desesperados foi um casal, no Arizona, EUA, onde o marido morreu ao ingerir cloroquina. A esposa dele sobreviveu e disse que o marido, após ver sobre o medicamento na TV, tomou por engano o que na realidade era fosfato de cloroquina, um aditivo para limpeza de aquários.

Segundo ela, foram necessários menos de 20 minutos para que eles sentissem reações adversas e ele ser levado para o hospital onde faleceu na sala de emergência. A senhora diz que só ingeriram a substância porque não queriam ficar doentes.

Por fim vale lembrar que ainda não há um tratamento definitivo, vacina ou qualquer forma de se tornar imune ao COVID-19. A melhor forma de prevenção é o distanciamento para evitar contágio e a higiene as mãos, que são a única garantia mínima que podemos confirmar neste momento.


35

Comentários

Coronavírus: homem morre ao tentar se automedicar com fosfato de cloroquina nos EUA
  • TC chegando ao fundo do poço. Tudo por causa da militância política de quem escreve essas porcarias de matérias. Essa bosta aqui vai afundar em breve.

      • Quem entende inglês pode pesquisar muitos vídeos sobre testes feitos com a Cloroquina (em conjunto com outras drogas e sozinha) na Internet. Médicos do mundo todo estão RECOMENDANDO o tratamento com a droga em virtude de testes com resultado de 100% de cura. Aqui a imprensa ridícula e irresponsável fica fazendo campanha contra o remédio apenas porque o Bolsonaro (e o Trump) mandou aumentar a produção do produto e o citou como provável método de combate ao Virus Chinês.

          • Materia altamente tendenciosa pra esconder o fato de que eles tomaram Fosfato de cloroquina

            • Mas quem diz que não há provas são órgãos de saúde como FDA e ANVISA.

                • Só podia ser um LENHADOR mesmo....

                    • Pesquisa sobre medicamento para um certo fim demanda tempo.
                      Há diferentes fases de teste.
                      Isto não é coisa de 3 ou 5 meses e está pronto para uso.

                      Sei que este medicamento é usado para outras coisas. Mas não se sabe o que pode ocorrer no corpo de quem não tem estas doenças. Uma delas é Lupus.

                      Há remédios que depois de anos no mercado são retirados pois quem uso com o tempo teve problemas.

                      Não é tão simples.

                        • Desculpe, vou inserir o FDA (versão americana da ANVISA) na lista de entidades socialista/comunista/marionete do PT

                          Junto com OMS, ANVISA, Alemanha, Noruega, França, NASA, INPE

                          • Anvisa vale menos que o cocô do meu cachorro. E há pesquisas sim, eu já li sobre dezenas delas no mundo inteiro, até na China, vejam só. Basta saber inglês e não ter preguiça de pesquisar.

                              • Engraçado que antes do tweet do Trump não havia em local algum do mundo um nada falando disto.

                                Cuidado cm que vc ouve por ai, pois tem médico bolsomínion que quer minimizar situação pois com pessoas em casa está perdendo %uD83D%uDCB0 de consultas

                                • Quem é que fiscaliza se o medicamento que vc toma é apropriado e seguro?
                                  Quem é que tira medicamento do mercado quando se descobre que está dando problemas?

                                  Sim órgão como ANVISA. Caso não saiba, o FDA é a ANVISA dos EUA.

                            • O cara toma um limpador de aquário e a culpa é do Trump....

                                • Mas se ele não tivesse dito nada, a pessoa não teria confundido um produto com outro.

                                  Não se deve divulgar um medicamento sem que as autoridades de saúde deem aval. Para isto se faz testes para saber eficácia, possíveis efeitos colaterais etc.

                                    • Agora tem um medicamento com mesmo nome, mas vendido para plantas, aquários, animais etc e a pessoa vai e toma a culpa é do Trump, OK então, mas na minha humilde opinião a culpa é unicamente de quem tomou, se tivesse tomado o medicamento para "humanos", podia não ajudar, não teria tido o problema (desde que em dose correta) , aliás nenhum remédio deve se tomar sem a prescrição médica

                                        • Não tem nada a ver, nem que fosse o medicamento correto, antes das autoridades autorizarem o uso não se deve usar, no caso além da pessoa não ter a prescrição e acompanhamento, usou o produto errado.

                                          • Ah, cara, deixa de ser ridículo. Então não se pode falar nada pois um idiota pode entender errado e sair tomando? Cabe ao governo informar o povo sim de que há pesquisas em andamento com determinadas drogas, isso se chama transparência. Ou você prefere o sistema chinês de esconder tudo, prender quem fala e destruir as amostras?

                                              • Exatamente. O que aconteceu ?
                                                Povo foi às drogarias e começaram a comprar aqui no BR.
                                                Pessoas que usam para tratar Lupus e outras doenças começaram a ficar sem.

                                                "Sistema Chinês de esconder tudo" ..... Tipo os 2 nomes de infectados que o Hospital Militar está escondendo? Fico curioso saber quem são estas 2 pessoas.

                                                  • Hahahaha, denunciou o esquerdismo ao comparar uma ditadura que mentiu para o mundo (e para a própria China) durante um mês, prendeu médicos, mandou destruir amostras coletas e ainda, o crime maior, afirmou que não havia transmissão de pessoa para pessoa; com "2 nome de infectados no HM...." Cara, você não tem o menor senso do ridículo. Vocês esquerdopatas sofrem de sérios problemas mentais e de caráter.

                                                    • esse é o mal dos idiotas esquerdistas: a culpa sempre é dos outros, eles não responsabilidade nem pelos proprios atos

                                                • Consultem o médico ou o farmacêutico, em caso de dúvida. As farmácias não fecharam e o farmacêutico é o profissional mais acessível para tirar as dúvidas sobre medicamentos, interações com outros medicamentos e alimentos , e afins.

                                                    • Talvez ele tenha perguntado pro cara se o produto era "bão", deve ter ouvido uma resposta: Claro limpa até piscina, então pensou deve matar o corona rsrsrsr (zueira tá! )

                                                      • Fake News!

                                                        • Não foi o único

                                                            Tech

                                                            Coronavírus: Brasil chega a 159 mortes em 4.579 casos confirmados | Relatório diário da Covid-19

                                                            Economia e mercado

                                                            Coronavírus: como diferenciar doenças como resfriados, rinite e mais da COVID-19

                                                            Android

                                                            Top 10! Melhor aplicativo ou canal de saúde para se exercitar em casa | Guia do TudoCelular

                                                            Android

                                                            Coronavírus: saiba como se comunicar com familiares e amigos durante a quarentena