LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: Canadá anuncia início de testes de vacina em humanos

21 de maio de 2020 0

Cada vez mais países estão anunciado o início dos testes de vacina para coronavírus em humanos. Nesta semana já vimos uma empresa americana anunciar resultados promissores em testes em humanos, agora é a vez do Canadá, que também anunciou o início de testes de uma vacina pelo Centro Canadense de Vacinologia da Universidade Dalhousie, Halifax.

O anúncio foi feito por Justin Trudeau, primeiro-ministro canadense. Segundo ele, os testes serão realizados em parceria com uma empresa chinesa de biotecnologia chamada CanSino, responsável pelo projeto Ad5-nCoV, que é dedicado pela vacina. O projeto utiliza uma versão modificada de um vírus incapaz de infectar humanos.

Scott Halperin diretor do CCfV, explicou como o Ad5-nCoV funciona da seguinte maneira: exterior do vírus é revestido com uma proteína chamada "Spike", responsável por dar o formato de coroa ao coronavírus e possibilitar a infecção ao injetar o seu material genético na célula saudável e se replicar.

Spikes representados em vermelho no coronavírus

A ideia é colocar o organismo em contato com a proteína de um vírus que não cause danos a ele. Dessa forma seria possível criar anticorpos contra o coronavírus prevenindo uma infecção caso ela ocorra. Os testes serão realizados em etapas e na primeira delas cientistas tentarão definir qual a dosagem correta do composto para oferecer maior segurança com benefícios às pessoas.

Essa primeira fase será composta por 100 testadores com idade entre 18 e 55 anos. Pessoas mais velhas poderão ser inclusas nos testes somente se a segurança do procedimento for constatada. A segunda fase terá 500 participantes de 18 a 85 anos e somente nela é que os médicos esperam ver alguma resposta imunológica por parte deles.

Ela durará 6 meses, período no qual eles serão acompanhados de perto por exames de sangue para determinar a produção de anticorpos e os efeitos colaterais que podem ser desenvolvidos.

Se os resultados forem positivos a terceira etapa deve entrar em andamento entre o fim de setembro e início de dezembro; nessa etapa a eficácia da vacina será testada ao expor pessoas vacinadas ao vírus. Caso os resultados sejam satisfatórios a produção em massa será iniciada, mas como o licenciamento pode demorar, a agência de saúde canadense estuda liberar o uso da vacina antes do fim da fase 3 se os resultados forem bons o suficiente.


0

Comentários

Coronavírus: Canadá anuncia início de testes de vacina em humanos
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 26.754 mortes em 438.238 casos confirmados | Relatório diário da Covid-19

Samsung

Dividindo com a TSMC! Samsung fabricará GPUs básicas de 7 nanômetros para a Nvidia

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Maio 2020

Tech

De Peste Antonina à Covid-19: pandemias que abalaram o mundo | Detetive TudoCelular