LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: cientistas brasileiros apresentam sensor que detecta câncer e pode diagnosticar COVID-19

06 de agosto de 2020 0

Mesmo com diversas vacinas em desenvolvimento acelerado, o diagnóstico do coronavírus continua sendo difícil para muitos médicos e possíveis infectados, entretanto a Universidade de São Carlos - UFScar, acaba de anunciar que seus cientistas criaram um sensor em parceria com o Hospital de Amor de Barretos de baixo custo que pode ser utilizado para detectar o coronavírus.

O novo sensor é utilizado no momento para detecção de câncer de pescoço e cabeça, mas pode ser adaptado para identificar e diagnosticar pacientes sob suspeita por coronavírus. O aparelho detecta os tumores no organismo por meio do microRNA miR-203, que é diferente entre pessoas saudáveis e portadores de câncer.

De acordo com testes realizados durante o desenvolvimento do sensor eletroquímico, ele é tão eficaz quanto um teste do tipo RT-PCR, o que o torna ainda mais cômodo para os pacientes e médicos pois é mais rápido, simples e barato.

Veja uma imagem do sensor utilizado no exame:

Imagem: Wilson Tiago da Fonseca

De acordo com o professor do Departamento de Química da universidade, Ronaldo Censi Faria, bastam algumas adaptações para que o sensor criado possa diagnosticar a COVID-19, pois "o sensor permite a detecção de microRNAs de forma geral, e pode identificar qualquer doença que tenha esse tipo de biomarcador como alvo."

Isso deve ocorrer em breve com mais casos surgindo em São Carlos, o que permitirá acesso a amostras de sangue infectadas pelo coronavírus, dessa forma será possível calibrar esse sensor para detectá-lo. A ideia é que o mecanismo seja adaptado e aprovado pela ANVISA assim que possível para que seja disponibilizado para uso médico e da população em clínicas.

Vale lembrar que diversos testes já estão sendo desenvolvidos em todo o mundo e as vacinas devem ficar prontas até o final de 2020. Hoje tivemos acesso aos valores pelos quais elas devem ser vendidas, incluindo a desenvolvida pela Moderna nos EUA.


0

Comentários

Coronavírus: cientistas brasileiros apresentam sensor que detecta câncer e pode diagnosticar COVID-19
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 142.058 mortes em 4.745.464 casos confirmados | Relatório diário

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Setembro 2020

LG

Moto G8 Plus vs LG K51S: mais câmeras fazem fotos melhores? | Comparativo

Android

Novo Tracker 2021: app e WiFi a bordo fazem diferença? | Análise / Review