LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: China inicia vacinação de profissionais da saúde e agentes de fronteira

24 de agosto de 2020 0

Semana após semana temos recebido notícias positivas envolvendo o avanço dos ensaios clínicos de vacinas para a Covid-19. A Rússia, cercada de polêmicas pela sua solução, inclusive anunciou que ainda em agosto começa a vacinar profissionais da saúde por lá.

A China é outra que fez um anúncio surpreendente: o país anunciou que já iniciou a vacinação para médicos, enfermeiros e outros profissionais na linha de frente no combate ao novo coronavírus, incluindo ainda agentes de segurança que atuam em suas fronteiras.

A lei que regulamenta a vacinação por lá prevê o órgão de saúde possa requerer uma licença especial para vacinação antecipada em casos de emergência sanitária, uma situação que está em vigor em virtude da Covid-19.


Assim, desde 22 de julho a China já tem autorização para que toda a cadeia de profissionais envolvida no processo de tratamento de pacientes com o novo vírus esteja vacinada, com a solução que é produzida pela Sinopharm (China National Pharmaceutical Group).

O produto chinês, inclusive, já está na sua fase 3 de testes em países como Peru e Argentina. Essa é a última fase de testagem até que uma vacina seja encaminhada para homologação por órgãos de controle sanitário.

No Brasil, as previsões são de que tão logo uma vacina seja aprovada a vacinação possa acontecer a partir do início do próximo ano. A FioCruz, inclusive, se prepara para produzir o produto de Oxford - ainda carente de aprovação, mas com previsões otimistas - a partir de abril de 2021.

A vacina, em um primeiro momento, será direcionada para pacientes ainda não infectados pela doença. O soro obtido a partir de plasma de cavalos, um estudo com participação da Universidade Federal do Rio de Janeiro, se mostra um caminho promissor para tratar a doença em pacientes já infectados.

E você, está otimista com todas as notícias positivas surgindo acerca de soluções para a Covid-19? Conte para a gente nos comentários!


0

Comentários

Coronavírus: China inicia vacinação de profissionais da saúde e agentes de fronteira
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 140.537 mortes em 4.689.613 casos confirmados | Relatório diário

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Setembro 2020

LG

Moto G8 Plus vs LG K51S: mais câmeras fazem fotos melhores? | Comparativo

Android

Novo Tracker 2021: app e WiFi a bordo fazem diferença? | Análise / Review