LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: aprovação emergencial da vacina da Pfizer no Brasil é solicitada por governadores

10 de dezembro de 2020 4

Ontem já vimos o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmar que a vacina da Pfizer pode ser aplicada ainda em 2020 no Brasil e hoje temos notícias de que governadores do Fórum Nacional e do Consórcio do Nordeste estão solicitando a aprovação emergencial da vacina para uso no Brasil com base numa lei sancionada em maio.

A lei determina que a Anvisa pode importar a vacina com base em certificações de órgãos de outros países como a Food and Drug Administration dos EUA, a European Medicines Agency, a Pharmaceuticals and Medical Devices Agency do Japão e a National Medical Products Administration da China. Até o momento somente EUA e Reino Unido aprovaram o uso do imunizante.

De acordo com o pedido feito pelos governadores, a aprovação da vacina pode ocorrer em até 72 horas.


Welligton Dias, governador do Piauí e presidente do Consórcio, afirmou em entrevista:

Para nós governadores, a primeira vacina registrada por uma agência reguladora tem que ser validada no Brasil, que deve comprar e distribuir para aplicação da vacina.

O governador argumenta que o número de mortes no país é elevado e pede que Pazuello seja o coordenador das novas ações para a imunização da população no país. Dias e o ministro da Saúde já se reuniram nesta semana para discutir sobre o assunto com outros governadores.

Além disso, o governador do Piauí afirma farão o mesmo se a Coronavac obtiver aprovação internacional, para que ela também tenha aprovação emergencial para uso no Brasil.

"Não é razoável uma disputa de quem chega primeiro. Estamos em uma guerra contra o coronavírus. Até aqui, ele tem matado brasileiros. Cada mês que a gente passa sem a arma necessária, que é a vacina, mais brasileiros vão morrer, vão ter sequelas," afirmou Wellington Dias.

Vale lembrar que a Pfizer já enviou os dados dos testes da sua vacina à Anvisa em 25 de novembro, até o momento a agência não emitiu qualquer pronunciamento a respeito de uma aprovação do imunizante para distribuição à população brasileira.

Saiba mais


4

Comentários

Coronavírus: aprovação emergencial da vacina da Pfizer no Brasil é solicitada por governadores
Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020

Android

O melhor celular para comprar de presente no Natal 2020

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas